PROJETO COMPARTILHAR

Coordenação: Bartyra Sette e Regina Moraes Junqueira

www.projetocompartilhar.org

 

 

SOUZA FERRAZ

(atualizado em 08-janeiro-2017)

 

 

Bartyra Sette

 

Jerônimo da Silva Ferraz era natural da freguesia de S. Salvador do Paço de Souza, Bispado do Porto, filho de Jerônimo Ferraz e Catarina de Souza.

 

Em S. João del Rei aos 23-12-1735 casou com Gertrudes Vieira de Vasconcelos, natural de S. Paulo, filha de Francisco Vieira de Paiva e Maria de Vasconcellos.

(matrimônios 1729-1828 cópia de Ary Florenzano) São João Del Rei, MG Igreja N Sra do Pilar aos 23-12-1735 na capela S. Francisco do Onça se receberam Jeronimo da Silva Ferraz, f.l. de Jeronimo Ferraz e Laudona de Souza, natural da freguesia de S. Salvador do Passo de Souza Bispado do Porto = com Gertrudes Vieira, f.l. de Fernando Dias de Paiva e Quiteria Maria de Vasconcellos, natural da vila de Santos Bispado do Rio de Janeiro.

Nota: O livro dos assentos originais de matrimônios do periodo (1729-1742) está com inúmeras folhas danificadas pelo fogo e pela água e com muitas partes ilegíveis. No termo supra e o termo de batismo da filha Teresa encontramos discordâncias quanto ao nome dos pais de Jeronimo e Gertrudes

 

Gertrudes era irmã inteira de:

I- Pedro Vieira da Silva casado em S. João del Rei aos 12-07-1739 com Francisca Leme de Jesus, filha natural de Diogo Rodrigues e Esteva Cardoso, com geração em S. João del Rei.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, aos 12-07-1739 Pedro Vieira da Silva, da vila de Mogi Bispado do Rio de Janeiro, f.l. Francisco Vieira de Paiva e Maria de Vasconcellos = cc Francisca Leme de Jesus, da freg. N. Sra do Ó de Jucuri deste bispado, f. natural de Diogo Rodrigues e Esteva Cardoso, Test. Cap. Manoel Dias Moreira e Felipe Costa.

II- Quiteria Vieira da Silva, natural de Prados. Em S. João del Rei aos 19-08-1736 casou com Francisco de Souza Mello, natural da freguesia de Santa Engracia da cidade de Lisboa, viúvo de Vicencia Jacinta Bernarda e filho do falecido Manoel de Souza e Antonia dos Anjos.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de S. João del Rei, MG e capelas filiadas aos 19-08-1736 na capela de S. Francisco da Onça e testemunhas Francisco Martins Pinto e Antonio Martins Meira se receberam Francisco de Souza Mello, natural da freguesia de Santa Engracia da cidade de Lisboa, f.l. de Manoel de Souza, já defunto e de Antonia dos Anjos, viuvo de sua primeira mulher Vicencia Jacinta Bernarda = com Quiteria Vieira da Silva, natural da freguesia dos Prados, f.l. de Francisco Vieira Paiva e de D. Maria de Vasconcellos.

Entre os filhos de Quiteria e Francisco, batizados em Barbacena:

II-1 Manoel de Souza Vieira batizado em 16-10-1743, casou duas vezes. Primeira vez casou com Luiza Antonia de Mello.

Barbacena, MG bat 1737-1747 im 75 aos 16-10-1743 na capela do Rosario desta freguesia bat a Manoel, f.l. dee Francisco de Souza, natural de Loures termo de Lisboa e de D. Quiteria Vieira da Silva, natural da freguesia dos Prados das minas gerais e moradores nesta dita freguesia da Borda do Campo. Neto paterno de Manoel de Souza e de Antonia dos Anjos, neto materno de Francisco Vieira Paiva natural da cidade do Porto e de D. Maria de Vasconcellos natural de Santos. Foram padrinhos Manoel Rodrigues Miz e Euzebia Pereira moradores nesta dita freguesia. Nasceu o dito Manoel aos dous dias do mes de outubro do dito ano.

          Segunda vez aos 14-02-1774 em Carrancas, Manoel casou com Mafalda das Neves Ramos, filha dos falecidos João dos Reis Neves e Lucrecia Lemes Rangel - família Matheus Leme Barbosa, neste site.

Igreja Nossa Senhora da Conceição (Carrancas, Minas Gerais) fls. 85 aos 14-02-1774 Manoel de Souza Vieira, viuvo de Luiza Antonia de Mello, f.l. Francisco de Souza Mello e Quitéria Vieira da Silva, n/b na freg. da Borda do Campo; = cc. Mafalda das Neves Ramos, f.l. João dos Reis Neves e Lucrecia Lemes Rangel, já defuntos, n/b nesta freguesia.

 

 

Jerônimo e Gertrudes já eram falecidos em 1813 (testamento do filho Jerônimo). Encontramos em documentos alguns filhos do casal, batizados em S. João del Rei:

1- Antonio

2- Francisco Vieira de Souza Ferraz

3- João

5- Jeronimo Souza Ferraz

4- Teresa

6- Ana Eufrasia da Silva

7- Joaquim Jose de Souza Ferraz

8- Fernando Antonio da Silva Ferraz

9- Jose Manoel Vieira de Souza Ferraz

10- Mariana Vitoria de Souza

11ex- Teresa

 

1- Antonio, batizado em 24-12-1736.

São João Del Rei, MG Igreja N Sra do Pilar aos 24-12-1736 nesta matriz bat a Antonio, f.l. de Jeronimo da Silva Ferraz e de Gertrudes Vieira, Foram padrinhos o Lic. Domingos de Souza e D. Teresa Gorgel, solteiro e todos desta freguesia.

 

2- Dr. Francisco Vieira de Souza Ferraz batizado em 1738.

São João Del Rei, MG Igreja N Sra do Pilar aos 15 dias do mes de [danificado]mbro de 1738 na capela S. Francisco do Onça bat a Francisco, f.l. de Jeronimo da Silva Ferraz e de Gertrudes Vieira. Foram padrinhos Francisco de Mattos, solteiro e Quiteria Vieira, todos moradores nesta freguesia.

          Aos 02-02-1767 casou com Francisca Maria da Esperança, filha do Alferes Bernardo Gonçalves Chaves e Francisca Maria de Mendonça. Geração e mais informações na família “Amaro de Mendonça Coelho” Cap. 3º, neste site.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar SJDR e capelas filiadas aos 02-02-1767 no altar portatil do Alferes Bernardo Gonçalves Chaves desta freguesia, Dr. Francisco Vieyra de Sousa Ferras, n/b na sobredita freg. N. Sra. Pillar, f.l. Jeronimo da Silva(sic) Ferras e D. Gertrudes Vieyra de Vazconcellos; = cc. Francisca Maria da Esperança, n/b freg. NM. Sra.da Conceição de Aiuruoca, f.l. Alf. Bernardo Gonçalves Chaves e Francisca Maria de Mendonça.

 

3- João batizado em 18-05-1743.

São João Del Rei, MG Igreja N Sra do Pilar aos 18-05-1743 na capela S. Francisco do Onça bat a João, f.l. de Jeronimo da Silva Ferraz e de Gertrudes Vieira. Padrinho Antonio Martins Vieira, solteiro desta freguesia.

 

4- Jerônimo de Souza Ferraz, batizado aos 12-07-1745 em São João del Rei .

São João Del Rei, MG Igreja N Sra do Pilar aos 12-07-1745 na capela S. Francisco do Onça o Padre Joze Vieira de Paiva, capelão da capela de N. Sra do Rosario do Ribeirão de Alberto Dias da freguesia da Borda do Campo Nossa Senhora da Piedade, com licença, bat a Jeronimo, f.l. de Jeronimo da Silva Ferraz e de Gertrudes Vieira de Vasconcellos. Foi padrinho o Licenciado Jeronimo de Paiva, solteiro, todos desta freguesia.

          Solteiro sem descendentes, Jerônimo faleceu com testamento aberto aos 16-12-1813 e foi inventariado em 1815 pela cunhada Matildes Maria de Lima sua primeira testamenteira.

Museu Regional de São João Del Rei - Inventários - cx 295

Inventariado: Jerônimo de Souza Ferraz

Inventariante: Matildes Maria de Lima - cunhada.

Data do Inventario - 1815

Local - Montevideo -Comarca de São João Del Rei.

Transcrito por: Moacyr Villela

Data da Transcrição: 2005

TESTAMENTO anexo - trechos

Sou natural da Freguesia da Vila de São João Del Rei, filho legitimo de Jerônimo de Souza Ferraz e de Dona Gertrudes Vieira de Vasconcelos, já falecidos. Sempre fui solteiro e não tenho filhos.

Nomeio primeiro testamenteiro a minha cunhada Dona Matildes Maria de Lima viúva de meu irmão Capitão Jose Manoel Vieira de Souza Ferraz. Em segundo lugar a minha irmã Dona Mariana Vitória de São Jose em terceiro lugar a minha irmã Ana Eufrazia da Silva e em quarto lugar a Jose Maria da Fonseca Rodrigues....

Deixo a minha afilhada e sobrinha Dona Josefa Maria de Lima filha daquele falecido meu irmão Capitão Jose Manoel toda a prata que se achar.

Deixo a minha afilhada Carlota, exposta em casa de minha cunhada Testamenteira, uma potrinha e mais 50.000 reis.

Herdeira minha afilhada Josefa Maria de Lima de idade 8 anos e falecendo ela antes de receber a herança será minha herdeira a sua irmã também minha sobrinha, Maria Marcelina.

Deixo para a Capela da Onça 10.000 reis

Abertura - a 16 de Dezembro de 1813

 

BENS

- 3 escravos

MONTE MOR - 279$125 reis

 

5- Teresa batizada em 28-08-1747.

São João Del Rei, MG Igreja N Sra do Pilar aos 28-08-1747 na capela de S. Francisco do Onça bat a Teresa, f.l. de Jeronimo da Silva Ferraz, natural do Passo de Souza Bispado do Porto, filho leg. de Jeronimo Ferraz e de Catharina de Souza; e de Gertrudes Vieira, natural da cidade de São Paulo, filha leg. de Francisco Vieira e de Maria de Vasconcellos. Foram padrinhos João Rodrigues Borges e Maria Fernandes.

 

6- Ana Eufrazia da Silva, batizada em 21-09-1751. 3ª testamenteira do irmão Jerônimo

São João Del Rei, MG Igreja N Sra do Pilar aos 21-09-1751 na capela S. Francisco do Onça bat a Ana, f.l. de Jeronimo da Silva Ferraz e Gertrudes Vieira de Vasconcellos; foram padrinhos o Sarg. Mor Manoel Gonçalves, casado e Teresa Maria de Jesus mulher de Jose Rodrigues Pontes ambos da freguesia de S. Jose e os mais desta.

 

7- Joaquim de Souza Ferraz aos 14-04-1780 casou com Ana Cardosa do Pilar, filha de Nicolau Cardoso Amado e Antonia Teresa de Jesus, família “Nicolau Cardoso Amado”.

B7: Matriz de Nossa Senhora do Pilar SJDR e capelas filiadas, aos 14-04-1780 Cap. Sr. Matosinhos, Joaquim de Souza Ferraz, f.l. Jeronimo da Silva Ferraz e Gertrudes Vieira, n/b nesta freg.; = cc. Ana Cardoza do Pilar, f.l. de Nicolao Cardozo Amado e Theresa de Jesus, n/b na frreg. da vila de S. Jose.

 

8- Alferes Fernando Antonio da Silva Ferraz casou com Anacleta Maria do Nascimento falecida em 1790 com testamento transcrito no livro de obitos de Campanha . Ela era natural de São Gonçalo da Campanha onde foi batizada aos 18-07-1764, filha de Dionizio da Fonseca e Maria do Nascimento (Aportes a Genealogia Paulistana: Maria do Nascimento, neste siste)

Obitos de Campanha “... ano de 1790 , aos 26 dias de Janeiro, ... sendo nesta Lavra do sitio de São Jose subúrbios do arraial de São Gonçalo da Campanha do Rio Verde ... eu Anacleta Maria  do Nascimento doente em mei perfeito juizo faço meu testamento...nomeio para meus testamenteiros em primeiro lugar a meu esposo o Alferes Fernando Antonio da Silva em segundo lugar a meu irmão o Capitão Luis Carlos da Fonseca Reis e em terceiro lugar o meu cunhado o Tenente Jose Caetano Ferreira de Sampaio....Declaro que sou filha legitima do Alferes Dionizio de Afonseca e de D. Maria do Nascimento , natural e batizada nesta Freguesia da Campanha do Rio Verde. Declaro que sou casada com o Alferes Fernando Antonio da Silva Ferraz de cujo matrimonio tenho ao presente 3 filhos por nomes Francisca, Francisco e Fernando que são meus herdeiros forçados.Escreveu a rogo da testadora Jose da Costa Godinho “. Transcrito no livro de óbitos em 31 de agosto de 1790 (pesq. Moacyr Villela).

 

          Segunda vez aos 08-09-1799, Alferes Fernando casou com Catarina de Sena e Mello, filha do falecido Cap. Bento Correa de Mello e Maria da Visitação; família “Antonio Soares de Almeida”.

Campanha-MG - casamentos - aos 08-09-1799 na Ermida de N. Sra. da Volta Grande desta freguesia, Alferes Fernando Antonio da S.ª Ferraz, viuvo de D. Anacleta Maria do Nascimento = D. Catharina de Sena e Mello,. f. do Cap. Bento Correa de Mello, já falecido e s/m D. Maria da Visitação, n/b nesta.

          Fernando faleceu em 18-06-1808, com 48 anos declarados. Teve geração dos dois matrijmônios:

 

Anacleta e Fernando Antonio tiveram três filhos:

8-1 Francisca de Paula e Silva batizada em 06-01-1784. Legatária da avó materna.

LDS batismos de Campanha - “Aos 6 de Janeiro de 1784 nesta Matriz da Campanha,batizei  a inocente Francisca de cinco dias. Filha legitimo de Fernando Antonio da Silva Ferraz natural da Freguesia da Vila de São João Del Rei e de D. Anacleta Maria do Nascimento natural desta Freguesia. Avós Paternos Jerônimo da Silva Ferraz e Gertrudes Vieira de Vasconcelos. . Maternos, o C. Dionizio da Fonseca e D. Maria do Nascimento.Foram padrinhos Pedro Jose de Espinola casado e Gertrudes Vieira de Vasconcelos por seu procurador Jose Manoel Vieira Ferraz” (pesq. Moacyr Villela)

          Aos 10-02-1800 casou com Alferes Antonio Caetano de Paiva e Silva, filho de Antonio de Paiva e Silva e Ana Antonia de Brito, família “Paiva” Cap. 2º § 1º.

8-2 Francisco batizado em 03-10-1785.

LDS batismos de Campanha “Aos 3 de Outubro de 1785 na Capela de São Gonçalo filial desta Matriz da Campanha o capelão Jose Gonçalves Branco batizou... Francisco, filho legitimo do Alferes Fernando Antonio Ferraz e de Dona Anacleta Maria do Nascimento . Avós Paternos Jeronimo da Silva Ferraz e Gertrudes Vieira de Vasconcelos. Maternos , o Alferes Dionizio da Fonseca e D. Maria do Nascimento. Foram padrinhos C. Dionizio Anacleto da Fonseca Reis e D. Maria Francisca da Esperança mulher do Doutor Francisco Vieira de Souza Ferraz morador na Vila de São João Del Rei ” (pesq. Moacyr Villela)

8-3 Fernando batizado em 13-01-1788

LDS batismos de Campanha - “Aos 13 de Janeiro de 1788  na Capela de São Gonçalo desta Matriz o reverendo Jose Xavier de Toledo batizou o inocente Fernando, filho legitimo do Alferes Fernando Antonio da Silva Ferraz e D. Anacleta Maria do Nascimento. Neto pela parte paterna de Jerônimo da Silva Ferraz natural da Arifama de Souza , Bispado de Braga . Pela materna do Alferes Dionizio da Fonseca e D. Maria do Nascimento natural da Vila de Guaratingueta. Foram padrinhos o cirurgião mor Lauriano de Palhares e D. Maria do Nascimento” (pesq. Moacyr Villela).

 

Fernando Antonio e Catarina tiveram a filha, legitimada pelo posterior casamento:

8-4 Ana, batizada em 14-06-1798 na Campanha, legitimada pelo posterior casamento dos pais: “Declararam na presença das testemunhas que uma menina por nome ANNA, exposta em casa do Cirurgião Mor Laureano de Palhares Cardoso, batizada na matris desta freguesia aos 14-06-1798 era sua filha e a haviam por legitimada”.

               Ana Claudina de Sene Mello, em Pouso Alegre, MG aos 22-03-1828 casou com Ten. Antonio de Barros Pereira e Mello, natural de Porto Alegre-RS, filho do Ten Antonio de Barros e Mello e Eufrasia Pereira de Escobar (SL. 4º, 251, 6-2).

Pouso Alegre, MG Igreja do Bom Jesus matr - aos 22-03-1828 nesta matriz de Pouso Alegre o Ten. Antonio de Barros Pereira e Mello, f.l. Ten Antonio de Barros e Mello e D. Eufrasia Pereira de Escobar = cc D. Ana Claudina de Sene Mello, f.l. do Alf. Fernando Antonio da Silva Ferraz e D. Catarina de Sene e Mello. Ele natural da cidade de Porto Alegre e ela da vila da Campanha.

 

9- Capitão José Manoel Vieira Ferraz, natural de S. João del Rei onde aos 04-02-1799, casou com Matildes Maria de Lima, nascida na freguesia de Santo Antonio da Manga Arcebispado Pernambuco, filha de João Rodrigues de Mello e Maria Francisca Cordeira

B7: SJDRei, aos 04-02-1799 matriz, N. Sra. do Pilar, Capitão Joze Manoel Vieira Ferraz, f.l. Jeronimo de Souza Ferraz e D. Gertrudes Vieira, n/b nesta freguesia; cc. D. Mathildes Maria de Lima, f.l. João Rodrigues de Mello e Maria Francisca Cordeira, n/b freguesia Santo Antonio da Manga Arcebispado Pernambuco.

 

Capitão José já era falecido em 1813, segundo o testamento do irmão Jerônimo.

Tiveram pelo menos:

9-1 Josefa Maria de Lima, afilhada e herdeira do tio Jerônimo:”Deixo a minha afilhada e sobrinha Dona Josefa Maria de Lima filha daquele falecido meu irmão Capitão Jose Manoel toda a prata que se achar. Herdeira minha afilhada Josefa Maria de Lima de idade 8 anos”

 

9-2 Maria Marcelina de Souza Ferraz aos 21-11-1813 casou com o Alferes Antonio de Miranda Magro, nascido em Barbacena, filho de Antonio de Miranda Magro e D. Maria Perpetua de Oliveira.

B7: - Casamentos - SJDRei, aos 21-11-1813 Cap. S. Francisco da Onça, Alferes Antonio de Miranda Magro, f.l. Antonio de Miranda Magro e D. Maria Perpetua de Oliveira, n/b freg. Barbacena; = cc. D. Maria Marcelina, f.l. Capitão Jose Manoel Vieira Ferras e d. Matildes Maria de Lima, n/b nesta. FOTO

 

          Foram proprietários das fazendas do Engenho Estiva, com sua casa e benfeitorias, da Solidade (que fora de Manoel da Costa Gularte), do Engenho, casas na Capela da Onça onde comparecem no censo de 1831:

censo 1831 S. Francisco da Onca-MG, fogo 40

Antonio de Miranda ( Alferes), branco, 45, casado, lavrador

Maria Marcelina, branco, 30, casado

Jose Manoel, branco, 1

Matildes Maria, branco, 3

27 cativos

 

          Alferes Antonio foi inventariado em 1853 e Maria Marcelina falecida aos 29-06-1885 com inventário aberto em 10-05-1886 por seu neto Manoel abaixo.

 

          Em seus inventários (neste site) compareceram três filhos:

9-2-1 Mathilde Marcelina de Miranda, com 3 anos em 1831. Casou com Gabriel Francisco Ribeiro.

9-2-2 Capitão José Manoel de Miranda, com um ano em 1831. Viúvo em 1851

9-2-3 Maria Carlota de Miranda casada com Antonio Fagundes do Nascimento, que era irmão de Francisco Fagundes do Nascimento casado com Eugenia Batista do Nascimento (comparar com Antonio Fagundes do Nascimento, na família “Os Fagundes do Nascimento Cap 2º).

Capitão Antonio faleceu aos 13-02-1886, sem testamento e teve, segundo seu inventário (neste site) os filhos: 

9-2-3-1- Manoel Fagundes de Miranda, casado com Rita Carvalho da Fonseca, filha de Antonio Duarte de Carvalho e de Mariana Cândida da Fonseca, família “Os Carvalho Duarte” Cap. 1º, § 5º, 3-6. Manoel foi o inventariante da avó materna.

9-2-3-2- Maria Salomé de Miranda, casada com Francisco Mendes Ferreira.

9-2-3-3- Luiza (Luzia ) Augusta de Miranda, casada com José Joaquim de Freitas, filho de Manoel Joaquim Freitas e sua segunda mulher Mecia Carolina de Freitas, família “Os Carvalho Duarte” Cap.8º § 4º, 3-5-3.

9-2-3-4- Francisco Fagundes de Miranda, natural de São João del Rei,em 1883 pediu dispensa para se casar com sua prima Luisa Batista do Nascimento. Luisa era filha de Eugenia Batista do Nascimento e de Francisco Fagundes do Nascimento, este irmão de Antonio Francisco do Nascimento, pai do orador.

Processo Matrimonial, Arquivo da Cúria de Mariana (neste site)

Querem se casar Francisco de Miranda / da freguezia de São João Del Rey com Luiza / Baptista do Nascimento desta freguezia de Santo Antonio / de Bertioga [sic] elle filho legitimo de Antonio Fagundes / do Nascimento e Maria Carlota de Miranda / ella filha de Francisco Fagundes do Nascimento /e Eugenia Baptista do Nascimento estão impe / didos por consangüinidade em 2o grao da linha / lateral igual, porque Francisco Fagundes do / Nascimento pai da Oradora (...) e Antonio Fagundes do Nascimento / são irmãos de pai e mãe... 

 

9-2-3-5- Antonio Fagundes do Nascimento casado com Maria Batista do Nascimento, irmã de Luisa supra.

 

10- Mariana Vitória de São José, 2ª testamenteira do irmão Jerônimo. Aos 15-11-1808 casou com o Capitão Francisco Ferreira da Costa, filho de Francisco Ferreira da Costa e Úrsula Marcelina de Oliveira. Família “Francisco Ferreira da Costa” -8.

B7: Casamentos - SJDRei, aos 15-11-1808 em casa do enfermo o Cap. Francisco Ferreyra da Costa. Capitão Francisco Ferreyra da Costa, f.l. Francisco Ferreyra da Costa e Ursula Marcelina de Oliveira; = cc. Mariana Vitoria de S. Jose, f.l. Jeronimo de Souza Ferraz e D. Gertrudes Vieira de Vazconcelos.

 

10- Mariana Vitória de São José, 2ª testamenteira do irmão Jerônimo. Aos 15-11-1808 casou com o Capitão Francisco Ferreira da Costa, filho de Francisco Ferreira da Costa e Úrsula Marcelina de Oliveira. Família “Francisco Ferreira da Costa”.

 

11ex- Teresa, batizada em 24-11-1782, exposta em casa de D. Gertrudes Vieira de Vasconcellos.

São João Del Rei, MG Igreja N Sra do Pilar aos 24-11-1782 na capela de S. Francisco do Onça bat a Teresa, exposta em, casa de D. Gertrudes Vieira de Vasconcellos. Foram padrinhos o Cap. Sebastião Jose de Souza Ferraz e Dona Teresa Antonia de Paula, solteiros e todos desta freguesia.