PROJETO COMPARTILHAR

Coordenação: Bartyra Sette e Regina Moraes Junqueira

www.projetocompartilhar.org

 

 

Leonel de Abreu Lima, capitão

(atualizado em 07-outubro-2009)

 

 

Antônio Carlos de Castro

 

 

                   Capitão Leonel de Abreu Lima, nasceu em Brandara, Viana do Castelo-PT em 18-07-1703 e foi batizado na Igreja de S. Pedro aos  22-07-1703. Foram seus pais Bento de Mello Bezerra e Francisca Coelho Marinho.

Igreja São Tiago, Brandara, Viana do Castelo-Pt , Fl.37v do Livro Mixto No.1 dos anos de 1637-1709. Batismo  de Leonel aos 18-07-1703. Pais : Bento de Mello Bezerra e D.Fran.ca Coelha Marinha. Padrinhos: Abb.e Franc.o Coelho Marinho e D.Roza Marya de Mello. Padre: Mathias Borges de Brito. Cura: Mathias Borges.

 

Ascendência de Leonel de Abreu Lima

 

 

          Casou em Bandeirantes, Mariana-MG em 22-06-1745 com Maria Inácia Pires de Oliveira, filha do Coronel Maximiano de Oliveira Leite e Inácia Pires de Arruda (SL 4º 343, 4-2) - família “Horta”.

Livro de Casamentos, da Freguezia de São Sebastião de Bandeirantes, distrito de Mariana-MG, Fls.9v e 10(desordenados) dos anos de 1735-1802. Igreja São Sebastião de Bandeirantes, distrito de Mariana-MG.

Aos vinte tres de junho de mil setecentos e quarenta e sinco, de manha, feytas as denunciacoes na forma do sagrado Concilio Trid.no nesta Freg.a de S.Sebastiam, onde a contrahente he moradora, sem se descobrir impedim.to algum, em minha prezença e das test.as Coronel Caetano Alz.Rodrigues e Antonio de Oliveyra Paes, se cazaram solenem.te em face da Igr.a por palavras de prezente no Oratorio sito na caza do dito Coronel desta Freg.a, Leonel de Abreu Lima, filho legitimo de Bento de Mello Bezerra do Rego, e de Francisca Coelho Marinho, natural do Reyno de Portugal e de D.a Maria Ignacia Pires de Oliveyra, filha leg.a do Guarda-mor Maximiano de Oliveyra e de D.a Ignacia Pires de Arruda, natural e moradora nesta Freg.a com provizam q. p.a isso me appresentaram a sentenca de habilitacam do R.Vigario da Vara Domingos Lopes Antunnes como della consta. E logo lhe dey as bencoes na forma e rito da Sancta M.e Igr.ª . De que fiz este assento q.assigney com as test.as nomeadas. Joze Esteves do Amaral – Vig.º.

 

          Capitão Leonel faleceu em Passagem Mariana, Mariana-MG em 06-09-1783

Igreja Nossa Senhora da Assunção, Mariana-MG, Capela S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana, Fl.142v do Livro de Óbitos dos anos de 1777-1797. Aos 06-09-1783 Óbito de Leonel de Abreu Lima. Cura: Manoel da Costa Negreiros.

 

Leonel e Maria Inácia tiveram, segundo a Genealogia Paulistana de Silva Leme, doze filhos.

 

1- Inácia Rosa de Abreu Lima, nascida e batizada em Sumidouro, Mariana-MG. Casou com o Capitão Domingos Gonçalves da Cruz. Inácia Rosa, viúva e cega, ditou seu testamento em Mariana em 08-05-1835. Sem filhos nem herdeiros forçados, instituiu herdeiras “as minhas sobrinhas Dona Anna, D. Matildes e Dona Albina filhas legitimas do capitão Francisco Manoel Pinto Coelho da Cunha, e tambem a Dona Albina Carolina filha legitima do Capitão Luiz Jose Pinto Coelho da Cunha”. Deixou diversos legados. Faleceu em Mariana-MG em 15-04-1841 (inventário neste site).

 

2 - Caetano Leonel de Abreu Lima casado com Ana Paula Moniz de Menezes, filha de Bernardo de Souza de Azevedo e Rosa Moniz de Menezes.

Foram irmãos inteiros de Ana Paula:

- Antonio, batizado em Tiradentes-MG aos 09-07-1755. Capitão Antonio Moniz Barreto aos 07-02-1798 casou com Ana Inácia Umbelina dos Santos, filha do Capitão Inácio Ferreira dos Santos e Luiza Clara de São José.

São José del Rei, Minas Gerais e capelas filiadas, batismos - aos 09-07-1755 matriz, Antonio, f.l. Bernardo de Souza e Azevedo e D. Rosa Moniz de Menezes, padr.: Antonio Moreira de Carvalho e Ana Joaquina de Souza, filha do Sarg. Mor Manoel Dias Ladeira, da freguesia de Prados.

 

São José del Rei, Minas Gerais e capelas filiadas, cas. - aos 07-02-1798;  Cap. Antonio Muniz Barreto; f. Bernardo de Souza Azevedo e Rosa Maria Monis; n. São José del Rei; cc. Ana Ignacia Umbelina dos Santos; f. Cap. Ignacio Ferreira dos Santos e Luiza Clara de San José; n. São José del Rei; 

- Bernarda Moniz de Menezes aos 20-04-1796 casou com Pedro Gonçalves Montes, filho do Tenente Antonio Gonçalves Montes e Joana de Souza Caldas. Família “Souza Caldas” Desentroncados.

 

          Caetano e Ana tiveram:

2-1 Capitão Caetano Leonel de Abreu Lima, nascido e batizado em Tiradentes-MG aos 15-09-1782.

B7: São José del Rei, Minas Gerais e capelas filiadas, batismos - aos 15-09-1782 matriz, Caetano, f.l. Guarda Mor Caetano Leonel de Abreu de Lima e D. Ana Paula Moniz de Menezes, padr.: Dr. Francisco Pais de Oliveira cuja pp apresentou o Dr. Domingos Jose de Souza, e D. Inacia Rosa de Lima mulher do Cap. Domingos Gonçalves da Cruz morador em Vila Rica cuja pp apresentou D. Rosa Maria Monis avó do batizado.

          Fez seu testamento na Fazenda do Rio do Peixe em Mariana aos seis de fevereiro de 1839. Declarou os dois casamentos e o filho natural, tido no estado de solteiro. Primeira vez casou com Joaquina Flávia Taveira Carlota Ataíde e em segundas com Antonia Maria de Jesus, filha de Manoel de Souza Netto e Teresa Maria de Albuquerque

          Joaquina Flávia faleceu em  Inficionado, Mariana-MG em 16-08-1815 e foi inventariada no mesmo ano. Capitão Caetano faleceu em Alvinóplis-MG em 31-03-1847, com testamento.

          Antonia Maria faleceu em Alvinópolis-MG aos 09-02-1865 com testamento. Sem filhos, pois o unico que teve faleceu antes do Capitão Caetano, instituiu herdeiros os enteados Guilhermino Pinto de Abreu e Caetano Primo de Abreu Lima, a prima Antonia, mulher de Quintiliano, como herdeira do remanescente da terça. Deixou legados aos sobrinhos filhos de seu irmão Manoel e de sua irmã Maria.

          Foram filhos do Capitão Caetano de Abreu Lima, segundo seu testamento e inventários (neste site)

Quintiliano de Abreu Lima, filho natural

Guilhermino de Abreu Lima

Caetano Primo de Abreu Lima

 

2-1-1 Quintiliano de Abreu Lima, filho natural instituido, sempre viveu em companhia do pai. Seus quatro primeiros filhos foram co-herdeiros da terça do avô. Tenente Quintiliano foi inventariado em 1864 por sua viúva Rosa Maria de Jesus.

AHCSM - Arquivo Histórico da Casa Setecentista de Mariana-MG

Documento: Inventário

Inventariado: Quintiliano de Abreu Lima

Inventariante: Rosa Maria de Jesus

Data: 1864

Local: Mariana

Ref.: cx: 135/ A: 2725 / 2º of

Transcrição feita por Izabella Fátima de Oliveira Sales de Itabirito-MG a pedido de Antônio Carlos de Castro

[fl. 1] [Abertura]

Inventário e partilha ami / gavel dos bens do Tenente Gui / lhermino de Abreo Lima /

[fl4]

Ano do nascimento de nos / so senhor Jesus Cristo de 1862 (...) aos 30 dias do mês de abril no / Citio de Antonio Dias fregue/sia de Paulo Moreira do Ter/mo da leal cidade de Mari/ana, tendo-se de proceder ao / inventário dos bens que fica/ra por falecimento do Tenente / Quintiliano de Abreu Lima / casado que foi com Dona / Roza Maria de Jezus de cujo / matrimonio ficaram seus filhos que são os legítimas / herdeiros, os seus nomes são / os que se seguem Dona An/tonia Maria de Jesus, que se / acha casada com Jose João / de Freitas Drumond Dona / Umbelina Maria de Jesus / casada com Antonio Jose / de Souza Gueras. Leonel / de Abreu Lima/ [fl. 4v] Antonio Caetano de Abreu / Lima que se acha casado / com Dona Maria Cândida / de Jesus, Caetano de Abreu / Lima, Dona Rita Maria / de Jesus casada com Mano/el dos Anjos.

Compareceram seis filhos no inventário:

2-1-1-1 Antonia Maria de Jesus, com 20 anos em 1847, casada com José João de Freitas Drumond.

2-1-1-2 Umbelina Maria de Jesus casada com Antonio José de Souza Gueras

2-1-1-3 Caetano de Abreu Lima, com 12 anos em 1847. Casou com Sebastiana Eufrasia. Segundo Cônego Trindade in “Genealogia da Zona do Carmo” fls. 243 e 44, Sebastiana Eufrasia de São José era filha do Capitão João Antonio Rodrigues Rôla e Clara Rosalina de São José, neta paterna do Guarda-mór Antonio Rodrigues Afonso, natural de Barra Longa e Caetana Correa de Magalhães, neta materna do Capitão Manoel Gonçalves Mol e sua primeira mulher Antonia Maria Alves já falecida em 1822.

Clara Rosalina, com 4 anos em 1822, era neta materna de outra Antonia Maria Alves e do Capitão Boaventura de São José, este inventariado em 1822 em Marina-MG:

AHCSM - Arquivo Histórico da Casa Setecentista de Mariana-MG

Caixa: 140/A:2916/1.o Ofício

Documento: Inventário

Inventariado: Capitão Boaventura de São Jose

Inventariante: Antonia Maria Alves

Data: 1822

Local: Mariana

Referência: Cx: 109 / A: 2258 / 2o.of,

Transcrição feita por Izabella Fátima de Oliveira Sales a pedido de Antônio Carlos de Castro

[fl3] [Título de Herdeiros:]

1º- Matrimônio

1- O Padre Antonio Gomes Pereira

2º- Matrimônio

2- D. Maria Ignácia de Jesus, casada com Jose Gonçalves Maxado

3- Joaquim Justino Gomes - 36 anos

4- Anna Pereira de São Jose, casada com Antonio Gonçalves Carneiro

5- Antonia Maria Alves, casada que foi com o Alferes Manoel Gonçalves Mol, falecida

[Herdeiros da falecida:]

- Jose - 11 anos

- Manoel - 12 anos

- Joaquim - 10 anos

- Anna - 8 anos

- Maria - 6 anos

- Clara - 4 anos

6- D. Helena Rosa da Incarnação, casada com Jose Gonçalves Carneiro

7- Jose Agostinho - 27 anos

8- Francisco Gomes Pereira - 25 anos

9- Sebastiana Eufrasia de Jesus, casada com o Alferes Manoel Gonçalves Mol

10- D. Genoveva Maria Alves - 18 anos

11- Venancio Alves Pereira - 16 anos

declarou ela Inventariante que os / herdeiros supra são os únicos, o primei/ro havido do primeiro matrimônio con/traído com Josefa Leonor da Incarnação, e os últimos havidos do matrimônio con/traído com ela viúva Inventariante.

 

 

          Caetano de Abreu Lima faleceu em 09-04-1872 e foi inventariado no mesmo ano por sua viúva:

AHCSM - Arquivo Histórico da Casa Setecentista de Mariana-MG

Documento: Inventário

Inventariado: Caetano de Abreo Lima

Inventariante: Sebastiana Eufrásia

Data:1872

Local: Fazenda Caethe, freguesia de Barra Longa

Referência: cx:109 / A:2238 / 2ºof

Transcrição feita por Izabella Fátima de Oliveira Sales de Itabirito-MG a pedido de Antônio Carlos de Castro – http://www.genealogiacastro.cjb.net

[fl1] [Abertura:]

Inventário dos bens de Caetano de Abreo / Lima falecido sem testamento a 9 de / Abril de 1872, casado que foi com / D. Sebastiana Eufrásia de São José

[fl1v] [Título de herdeiros:]

1º Antonia – 5 anos

2º Clara – 4 anos

3º Roza – 3 anos

4º João - 1 ano

 

Compareceram quatro filhos conforme o inventário supra:

2-1-1-3-1 Antonia, com 5 anos em 1872.

2-1-1-3-2 Clara com 4 anos

2-1-1-3-3 Rosa, com 3

2-1-1-3-4 João, com um ano.

2-1-1-4 Rita Maria de Jesus, com 8 anos em 1847. Em 1864 estava casada com Manoel dos Anjos.

2-1-1-5 Leonel de Abreu Lima.

2-1-1-6 Antonio Caetano de Abreu Lima em 1864 estava casado com Maria Candida de |Jesus.

2-1-2 Guilhermino de Abreu Lima, filho do Capitão Caetano Leonel e de sua primeira mulher Joaquina Flavia, foi batizado aos 07-12-1812 em Santa Rita Durão, distrito de Mariana-MG. Casou com Antonia, prima de Antonia Maria de Jesus “e em terceiro a minha Prima e comadre Dona Antonia mu/lher de Guilhermino” de quem herdou o remanescente da terça.

Igreja, N.Sra.de Nazaré,S.Rita Durão, distrito de Mariana-MG, Capela de Paulo Moreira, Arquidiocese de Mariana, Livro de Batismos dos anos de 1706-1815.

Batismo de Guilhermino aos 07-12-1812.

Pais: Cap.Caetano Leonel de Abreu Lima e D.Joaquina Flavia Taveira.

Padrinhos: Pe.Mestre Manoel Joaquim de Oliveira e Anna Paula Almeida(?) de Menezes.

Padre: Antonio de Abreu e Silva.

Vigário: Lourenço Antonio Pereira.

Foram filhos de Guilhermino e co-herdeiros da terça do avô paterno e legatários de Antonia Maria de Jesus:

2-1-2-1 Caetano, com 12 anos em 1847.

2-1-2-2 Maria da Conceição, com 5 anos. “

2-1-3 Caetano Primo de Abreu Lima, irmão inteiro de Guilhermino, batizado aos 02-01-1814.

Igreja N.Sra.de Nazaré,S.Rita Durão,distrito de Mariana-MG, Capela de Paulo Moreira, Arquidiocese de Mariana - Livro de Batismos dos anos de 1706-1815. Batismo de Caetano aos 02-01-1814.

Pais: Cap.Caetano Leonel de Abreu Mello e D.Joaquina Flavia Taveira.

Padrinhos: Cap.Caetano Leonel de Abreu Lima e D.Maria de Trindade.

Padre: Antonio de Abreu e Silva.

Vigário: Antonio Pereira.

         Caetano Primo foi casado duas vezes. Em primeiras nupcias com Maria Caetana. Faleceu em 01-01-1874 e foi inventariado por sua segunda mulher Rita de Cássia de Abreu Lima. Teve geração dos dois matrimônios:

AHCSM - Arquivo Histórico da Casa Setecentista de Mariana-MG

Documento: Inventário

Inventariado: Caetano Primo de Abreu Lima

Inventariante: Rita de Cassia de Abreu Lima

Data: 1874

Local: Fazenda do Engenho, Freguesia de Paulo Moreira

Referência: cx:52 / A:1176 / 1º of

Transcrição feita por Izabella Fátima de Oliveira Sales de Itabirito-MG a pedido de Antônio Carlos de Castro

[fl1] [Abertura:]

Inventário dos bens de Caetano Primo / de Abreu Lima falecido sem testamento / a 6 de Janeiro do corrente ano casa/do que foi com D. Rita de / Cassia de Abreo Lima.

[fl1v] [Título de herdeiros:]

Declarou a Viúva inventariante / que os herdeiros do primeiro ma/trimônio de seu marido com Dona / Maria Caetana são os seguintes:

1º Matrimônio

1º- Bento -  maior de 24 anos

2º- Joaquina, casada que foi com Manoel / Martins Quintão

3º- Antonia, casada com Miguel  Gonçalvez Leal /

 

2º Matrimônio

4º- Rita, solteira – 24 anos

5º- Antônio – 23 anos

6º- João – 22 anos

7º- Antonina, solteira – 10 anos

8º- José, solteiro – 18 anos

9º- Ana, solteira – 15 anos

10º- Thereza, solteira – 13 anos

11º- Olina – 11 anos

12º- Francisco – 10 anos

13º- Horácio – 8 anos

14º- João – 5 anos

15º- Maria –3 anos

Declarou a Viúva inventariante / que os herdeiros supra e retro decla/rados são todos de legítimo ma/trimônio

 

Com Maria Caetana três filhos, co-herdeiros da terça do avô paterno:

2-1-3-1 Bento, com 11 anos em 1847, maior de 24 em 1874.

2-1-3-2 Joaquina, com 8 anos. Casou com Manoel Martins Quintão.

2-1-3-3 Antonia, com 6 anos. Casou com Miguel Gonçalves Leal.

 

Com Rita de Cássia teve os filhos, situação em 1874:

2-1-3-4 Rita com 24 anos, solteira.

2-1-3-5 Antonio, com 23 anos.

2-1-3-6 João, com 22.

2-1-3-7 José, com 18 anos.

2-1-3-8 Ana, com 15 anos, solteira

2-1-3-9 Teresa, com 13.

2-1-3-10 Olina, com 11 anos

2-1-3-11 Antonina, com 10 anos.

2-1-3-12 Francisco, com 10.

2-1-3-13 Horácio, com 8.

2-1-3-14 João, com 5.

2-1-3-15 Maria, com 3 anos.

2-2 Antônio Júlio de Abreu Lima, citado por Silva Leme.

2-3 Leonel de Abreu Lima casado com Ana Sanches, com geração. Citado por Silva Leme.

2-4 Mariana Claudina de Abreu Lima casada com João Francisco Bolina. Entre seus filhos, citados em SL. 4º, 344, 6-4, encontramos documentos de:

2-4-1 Ana, nascida em Guaraciaba-MG em 12-09-1808 e batizada em 10-10-1808. Casada, com geração em SL 4º, 344, 7-1.

Igreja N.S.a da Conceição de Piranga-MG, Arquidiocese de Marianna - Registros Paroquiais 1757-1887, Fl.77

Batismo de Ana aos 10-10-1808 nasceu em 12-09-1808.

Pais: João Francisco Bolina e D.Marianna Claudina Moniz de Menezes.

Padrinhos: Cap. Caetano Leonel de Abreu Lima e D.Ana Paula Moniz de Menezes, moradores na Freg,a de Sumidouro por proc. a D.Joana Correa Leal .

Celebrante: Manoel Luis Branco.

Pároco: Manoel Gonçalves Fonte.

Foi batizada na Capella de Santa Anna dos Ferros.

2-4-2 Luiza batizada em Ouro Preto-MG aos 29-08-1818. Casou, com geração em SL. 4, 345, 7-5.

Igreja Nossa Senhora da Conceição de Ouro Preto-MG, Arquidiocese de Mariana-MG -  Fl.318v do Livro de Baptismo No.6 dos anos de 1798-1819.

Aos vinte e nove de Agosto de mil oitocentos e dezoito, baptizei e pus os Santos Oleos a Luiza, innocente, filha legitima do Cadete do Regimento de Linha, Joao Francisco Bolina e sua mulher Dona Mariana Claudina Abreu de Lima: forao Padrinhos o Coronel de Regimento de Cavalaria de Linha, Joao Joze Maria de Brito e Ana Claudina Abreu de Lima, de que para constar, se fez este asento q. asino. O codj.or Joze da Cunha e Mello.

2-5 Flávia Domitila de Abreu Lima, citada em SL. 4º, 345, 6-5 e adenda geral vol. 9º.

2-6 Ana Claudina de Abreu Lima, nascida em Sumidouro, Mariana-MG, casou em Ouro Preto-MG em 17-09-1814 com o Alferes Francisco Joaquim Nogueira da Gama, nascido na Freguesia de Santo Justa, Coimbra-PT, filho do Dr. Antônio Joaquim Nogueira da Gama e Maria Angélica Nogueira da Gama, neto paterno do Alferes Nicolau  Antônio Nogueira e Ana Josefa da Gama (SL. 4º, 345, 6-6 e 6º, 363, 8-2)

Igreja N.Sra.da Conceição de Ouro Preto-MG, Capella Ordem 3.a de N.S.Monte Carmo, Arquidiocese de Mariana - Fl.119 do Livro de Casamentos dos anos de 1782-1827.

Aos dezessete dias do mez de Setembro de mil oitocentos e quatorze na Capella do Vaquaral, filial desta Matriz, feitas as Denunciacoens com Provizao do Reverendo Vigario da Vara e licença Paroquial, ahi em presença do Reverendo Joze de Souza Castro e das testemunhas, o Capitao Caetano Leonel de Abreu Lima e o Alferes Leonel de Abreu e Lima, se receberao por palavras do prezente, o Alferes Francisco Nogueira da Gama, filho legitimo do Doutor Joaquim Nogueira da Gama e de Dona Maria Angelica Nogueira da Gama, natural e baptizado na Freguezia de Santo Gusta(?) da cidade de Coimbra e Dona Ana Claudina de Abreu e Lima, filha legitima do Guarda-mor Caetano Leonel de Abreu Lima e Dona Anna Paula Moniz, natural e baptizada na Fregueziza do Sumidouro, e Receberao as Bencoes Nupciaes, de que fiz este assento. O Coadj.or Jose Carneiro de Moraes.

2-7 Graciana Carlota de Abreu Lima, batizada em 31-03-1794 em Sumidouro, Mariana-MG. Casou com o Alferes João José da Cunha Bueno

Fl.1 do Livro de Casamentos dos anos de 1794-1872.(Há várias Certidões de Batismos desordenadas no Livro de Casamentos.)

 Igreja de Sao Sebastiao de Bandeirantes, distrito de Mariana-MG;

Aos trinta e hum de março de mil setecentos e noventa e quatro, Baptizou o Reverendo parocho desta Freguezia, Estanislao da Silveira Ebano, na Matriz de Sumidouro, e poz os Sanctos Oleos a Graciana, innocente, nascida aos , filha legitima de Caetano Leonel de Abreu Lima e de sua mulher Dona Anna Paula Moniz de Menezes, moradores no Ramalho desta Freguezia, neta pela parte paterna do Capitao Leonel de Abreu Lima e de Dona Maria Ignacia Pires de Oliveira e pela materna de Bernardo de Souza de Azevedo e de Dona Roza Moniz de Menezes. Forao padrinhos o Reverendo Bento de Mello Bizerra Rego e Dona Anna, mulher do Capitao Antonio Julio. De que fiz este assento. O Coadjutor Francisco Pereira Lobo.

          Graciana faleceu em Alpinópolis-MG e foi inventariada pelo viúvo em 1833. Compareceram cinco filhos, um recem nascido:

AHCSM - Arquivo Histórico da Casa Setecentista de Mariana-MG

Cx.:117/A:2440-1o ofício..

Documento: Inventário

Inventariado: Gracianna Carlota de Abreu Lima.

Inventariante: João José da Cunha Boeno.

Data: 1833.

Local: Capela de Nossa Senhora da Saúde, freguezia de Paulo Moreira.

Transcrição feita por Izabella Fátima de Oliveira Sales a pedido de Antônio Carlos de Castro

Herdeiros:

-Joaquim, 10 anos;

-Maria, 8 anos;

-Francisca, 6 anos;

-Graciana, 2 anos;

- Uma menina de idade de 40 dias, ainda sem nome por não estar batizada

 

Foram filhos de Graciana e João José:

- Ana, batizada em 23-08-1819. Provavelmente falecida na infância, não comparece no inventário materno.

Igreja Bom Jesus do Monte, Capella da Saude, Furquim, distrito de Mariana-MG, Arquidioc.de Marianna - Fl.31v(35v) do Livro de Batismos e Óbitos dos anos de 1772-1857

Batismo de Ana aos 23-08-1819

Pais: Alferes João Jozé da Cunha Bueno e D.Gracianna Carlota de Abreu Lima.

Padrinhos: Capitam Leoner de Abreu e Lima e D.Clara, mulher do Tenente Vicente Ferreira Gomes.

Padre: Silverio Gonsalves de Araujo.

Vigário: Antonio Jozé de Mello e Lima.

- José, batizado em 08-10-1820. Idem.

Igreja Bom Jesus do Monte, Capella da Saude, Furquim, distrito de Mariana-MG, Arquidioc.de Marianna - Fl.37v(41v) do Livro de Batismos e Óbitos dos anos de 1772-1857

Batismo de José aos 08-10-1820

Pais: Alferes João Jozé da Cunha Bueno e D.Gracianna Carlota.

Padrinhos:Joaquim Jozé Gonsalves e Anna Joaquina Gonsalves.

Padre: Silverio Gonsalves de Araujo.

Vigário: Antonio Jozé de Mello e Lima.

2-7-1 Joaquim, com 10 anos em 1833.

2-7-2 Maria, com 8 anos.

2-7-3 Francisca, com 6.

2-7-4 Graciana, com 2.

2-7-5  Uma menina de idade de 40 dias, ainda sem nome por não estar batizada

2-8 Emerenciana, citada em SL. 4º, 345, 6-8.

2-9 Maria, idem em SL. 4º, 345, 6-9

2-10 Florêncio, batizado aos 04-10-1783 em Tiradentes-MG.

B7: São José del Rei, Minas Gerais e capelas filiadas, batismos - aos 04-10-1783 matriz, Florencio, f.l. Guarda Mor Leonel de Abreu e D. Ana Paula Monis, padr.: Antonio Monis Barreto e D. Rosa Monis, todos desta freguesia.

3- Cel. Maximiano de Oliveira Leite casou com Maria Eugênia Galvão de São Martinho, nascida em 1776, falecida em Ouro Preto-MG em 24/02/1856, filha do Brigadeiro Pedro Afonso Galvão de São Martinho e Maria Agostinha da Costa Reis. Família “Pedro Afonso Galvão de São Martinho”.

          Cel. Maximiano faleceu aos 24-10-1830 em Passagem, Mariana-MG, com 84 anos declarados e foi inventariado em 1831. Maria Eugenia faleceu em Ouro Preto-MG em 24-02-1856 com 80 anos.

Igreja Nossa Senhora da Assunção, Mariana-MG, Capella S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana - Fl.68 do Livro de Óbitos dos anos de 1826-1839.

Óbito de Maximiano de Oliveira Leite aos 24-10-1830

Faleceu com 84 anos.

Cura: João Paulo Barbosa.

 

Fl.42 do Livro de Óbitos dos anos de 1853-1858 Igreja Nossa Senhora Senhora da Conceição de Ouro Preto-MG,  Arquidiocese de Mariana

-Freguesia de Nossa Senhora da Conceição de Antonio Dias, Ouro Preto, MG:

Aos vinte e quatro de Fevereiro de mil oitocentos e cinquenta e seis, falleceo com Penitencia rigorosa e Uncao, D.Maria Eugenia Galvao de Sao Martinho, branca, viuva, de oitenta annos de idade, foi encomendada e sepultada  nos Perdoes, para constar, faco este assento que assigno. O Vigr.o Joao Fran.co de Carv.o.

Segundo inventário (neste site) de Maximiano foram filhos do casal (situação em 1831):

3-1 Inácia Feliciana de Oliveira Galvão de São Martinho casada com o Capitão Francisco Maximiano Alves de Mello, morador em Barbacena. Inácia faleceu 20-06-1871 e foi inventariada em 27 de Outubro do mesmo ano.

[fl35] [Certidão:] (anexada no inventário do Tenente Coronel Maximiano de Oliveira Leite)

Certifico (...) que revendo em meu cartório / os autos do inventario dos bens / do espolio da finada dona Igna-/cia Feliciana Galvão de São Mar-/tinho e Mello, de quem foi inven-/tariante Manoel Ignácio Alves / de Mello, dos mesmos consta em / seguida ao juramento ao inventa-/riante, prestado aos 27/10/1871, o termo de declarações do / seguinte teor: "Declarações do / Inventariante: (...) foi dito (...) que sua mãe faleceo sem/ testamento, a 20/06 ultimo, deixando onze filhos cujos / nomes, idades e estado são os se-/guintes:

1º- Henriqueta Ca-/rolina Joany de Mello, viúva.

2º- Francisco Jose Alves, casa/do.

3º- Pedro de Alcântara Al-/vês de Mello, casado.

4º- Jose / Maximiano Alves de Mello, casado.

5º- Anna Ludovina de / Mello casada com José Rodrigues / de Oliveira.

6º- Bento Alves de / de Mello, casado.

7º- Ignacia / Josefina Nogueira Alves de Mello / casada com Francisco Antonio / Nogueira da Gama.

8º- Manoel / Ignácio Alves de Mello, casado.

9º- Francisca Maximiana Joany de / Mello, casada com Francisco Ma/ximiano Joany de Mello.

10º- Eduardo de Mello, idiota.

11º- Maria Agostinha Alves / de Mello, falecida e casada que / foi com Manoel Ferreira Baptista / que ainda vive e deixou uma filha/ de nome Maria - 6 anos.

(...) Barbacena, 27/12/1937. Eu Rubens de Azevedo Coutinho, escrivão, o / escrevi e assino /

Foram filhos do casal (situação em 27-10-1871):

3-1-1 Henriqueta Carolina Joany de Mello, viúva.

3-1-2 Francisco Jose Alves, casado.

3-1-3 Pedro de Alcântara Alves de Mello, casado. Foi casado com Carlota Carolina da Silva Mello. Pais de, pelo menos:

3-1-3-1 Horácio da Silva Mello, natural de Ibitipoca-MG com 42 anos em 23-04-1903 casou com Marilandes da Conceição Leite, natural de Congonhas do Campo-MG com 23 anos, filha de Joaquim Leite Pereira Guerra e Maria do Carmo Pereira. Horacio faleceu em Inhaúma-RJ aos 20-12-1933

[fl33] [Certidão de casamento:] (anexada no inventário do Tenente Coronel Maximiano de Oliveira Leite)

(...) Certifica / que do livro três de assento / de casamento desta Cida/de, a folhas 139, verso, numero 24 consta o respectivo / registro o seguinte: Que no dia 23/04/1903 (...) receberam-se em matrimonio Horacio / da Silva Mello, filho legitimo / de Pedro de Alcântara Alves de / Mello e de D. Carlota Carolina / da Silva Mello, maior de 42 annos de idade / solteiro, negociante, natural / do distrito de Ibitipoca, Muni/cipio de Barbacena, deste Es/tado e D. Marilandes da Con/ceição Leite filha legitima de / Joaquim Leite Pereira Guerra / e D. Maria do Carmo Pereira / com 23 anos e natural de Congonhas / do Campo, Município de Queluz de Minas, os quais se / casaram em comu-/nhão de bens (...)

(...) Rio de Janeiro aos 02/12/1937

 

[fl36] [Certidão de óbito:]

Nome: Horacio da Silva Mello

Data do óbito:20/12/1933

Idade: 74 anos

Motivo: Arterio esclerose, collapso cardíaco.

Lugar do enterro: Inhaúma

Deixa filhos? Sete filho, quatro maiores: Themistocles, Carlota, Horacio e o declarante, e três menores: Luis, Bias e Guiomar.

Declarante: [ilegível] Alves da Silva Mello

 

Foram seus filhos:

3-1-3-1-1 Temistocles,

3-1-3-1-2 Carlota

3-1-3-1-3 Horácio da Silva Mello Filho, nascido aos 21-07-1904 em Belo Horizonte-MG. Casou com Maria Esperança Rodrigues.

fl32] [Certidão:] (anexada no inventário do Tenente Coronel Maximiano de Oliveira Leite)

Certifico que revendo em Cartório os autos de Habilitação de Casamento, de Horácio Silva Mello Filho e Maria Esperança Rodrigues (...) cujo teor é o seguinte: (...) Minas Gerais, Belo Horizonte. Primeiro Distrito de Paz. Registro Civil (...) Certifica que do livro onze de assentos de nascimento desta capital, sob o nº 277 a fls. 183v. consta o respectivo registro o seguinte: Que no dia 21/07/1904 às vinte e duas e meia horas a Avenida Paraopeba, nesta cidade, nasceu uma criança do sexo masculino a qual chama-se Horacio da Silva Mello, filho legitimo de Horacio da Silva Mello e Dona Marilandes da Conceição Leite, naturais do Distrito de Ibitipoca, Município de Barbacena e ela do Distrito de Congonha [sic] do Campo, casaram-se nesta capital onde residiam. Avós da criança pelo lado paterno: Pedro de Alcântara Alves de Mello e dona Carlota Carolina da Silva Mello e pelo lado materno Joaquim Leite Pereira Guerra e Dona Maria do Carmo Guerra (...) Eu, João Bracarense, escrivão de Paz e oficial do Registro Civil a subscrevi, dato e assino. Belo Horizonte 05/11/1923

 

3-1-3-1-4 Alves da Silva Mello, declarante do óbito paterno.

3-1-3-1-5 Luiz, menor.

3-1-3-1-1 Bias, idem.

3-1-3-1-1 Guiomar, idem.

3-1-4 José Maximiano Alves de Mello, casado.

3-1-5 Ana Ludovina de Mello casada com José Rodrigues de Oliveira.

3-1-6 Bento Alves de Mello, casado.

3-1-7 Ignacia Josefina Nogueira Alves de Mello casada com Francisco Antonio Nogueira da Gama.

3-1-8 Manoel Ignácio Alves de Mello, casado.

3-1-9 Francisca Maximiana Joany de Mello, casada com Francisco Maximiano Joany de Mello.

3-1-10 Eduardo de Mello, idiota.

3-1-11 Maria Agostinha Alves de Mello, falecida e casada que foi com Manoel Ferreira Baptista, que ainda vive, e deixou uma filha de nome Maria com 6 anos.

3-2 Pedro Affonso Galvão de São Martinho, com 29 anos

3-3 Maria Afonsa Galvão de São Martinho, nascida em Sabará-MG. Dispensados do impedimento de consanguinidade em 2.o e 3.o graus da linha transversal desigual casou em Passagem Mariana, Mariana-MG em 12-02-1822 com Francisco Urbano Pinto Coelho da Cunha, batizado em 1799 em Passagem Mariana, Mariana-MG, filho do Cap.-mor Francisco Manoel Pinto Coelho da Cunha e Catarina Maria de Lima e Melo. Geração na família “Pinto Coelho da Cunha”.

3-4 Henriqueta Madalena de Oliveira Leite casada com o Alferes Luis Jose Pinto Coelho da Cunha aos 12-02-1822 “dispensados do impedimento de consanguinidade em 2.o grau da linha transversal”. Luiz José era filho do Cap.-mor Francisco Manoel Pinto Coelho da Cunha e Catarina Maria de Lima e Melo. Geração na família “Pinto Coelho da Cunha”.

3-5 Carlota Joaquina Abreu de Lima, com 23 anos, nascida em Sumidouro, Mariana-MG. Dispensados do impedimento de consanguinidade em 2.o e 3.o graus da linha transversal desigual, casou em Passagem Mariana, Mariana-MG em 20-10-1835 com Bento Alves de Magalhães, nascido em Guaraciaba-MG em 03-05-1802, filho do Alferes Manoel Alves de Magalhães e Senhorinha de Abreu Lima. Família “Manoel Alves de Magalhães e Senhorinha de Abreu Lima”.

3-6 Maria Madalena de Oliveira, com 21 anos em 1831. Em Passagem Mariana-MG aos 26-07-1834 casou com Joaquim Moreira da Silva, natural de Portugal e filho de João Moreira da Silva e Maria Moreira.

Fl.155v(147v) do Livro de Casamentos dos anos de 1807-1857. Igreja Nossa Senhora da Conceicao , Ouro Preto-MG:

Aos vinte e seis de Julho de mil oitocentos e trinta e quatro na Capella do Morro de S.to Antonio, applicacao da Passagem as cinco horas da tarde, assisti ao Sacram.to do Matrimonio que com palavras de prezentes e mutuo consenso, depois de dados os seus depoimentos e habilitado o contahente competentemente celebrarao Joaquim Moreira da S.a, natural e baptizado no Reino de Portugal, filho legitimo de Joao Moreira da S.a e D.Maria Moreira, e D.Maria Magdalena de Olivr.a filha legitima do falecido Ten.e Cor.el Maximiano de Olivr.a Leite e D.Maria Eugenia Galvao de S.Martinho, natural e baptizada na freguezia de Ouro Preto, de Taqua.al, e moradores a muitos annos da Passagem e lhes conferi as Bencaons conforme o Ritual com que o Conselho Trident., sendo prezente o Cap.m Serafim, vulgo das Palmeiras, e o Alf.s Luiz Joze Pinto Coelho, alem de muitos mais, que se achavao, e pr.a constar, faco este. O Cura Agostinho Isidoro da Rocha.

3-7 Clara Margarida de Oliveira Leite, com 18 anos em 1831. Em Passagem Mariana aos 26-07-1834 casou com Joaquim Eleutério de Abreu, filho de José Marcelino de Abreu e Francisca Xavier de Castro.

F.156(148) do Livro de Casamentos dos anos de 1807-1857. Igreja Nossa Senhora da Assuncao, Mariana-MG;

Aos vinte e sette de Julho de mil oitocentos e trinta e quatro na Capella do Morro de Santo Antonio da Passagem as cinco horas da tarde assistio ao Sacramento do Matrimonio que com as palavras do presente e mutuo consenso depois de dados os seus depoimentos e mostrados sem impedimento, celebrarao Joaquim Eleutario de Abreu, filho legitimo de Joze Marcellino de Abreu e D.Francisca X.er de Castro, nascido e baptizado na Freg. de Bartholomeu, e D.Clara Margarida de Oliveira Leite, f.a legitima do Falecido T.e Cor.el Maximiano de Oliv.a Leite e de D.Maria Eugenia Galvao de Sao Martinho, sendo prezentes o Cap.am Franc.o Guilherme de Carvalho e o Alferes Luis Joze Pinto Coelho alem doutros mais, que se assistirao, e p.a constar faço este. O Cura Agostinho Isidoro Rocha.

          Joaquim Eleutério foi inventariado cerca de 1858 por Clara Margarida.

AHCSM - Arquivo Histórico da Casa Setecentista de Mariana-MG

Documento: Inventário

Inventariado: Joaquim Eleutério de Abreo

Inventariante: Clara Margarida de Oliveira Leite

Data: 1858 (*)

Local: Mariana

Referência: Cx:16 / A:465 / 2ºof

Transcrição feita por Izabella Fátima de Oliveira Sales de Itabirito-MG a pedido de Antônio Carlos de Castro

(*)Esta é a data mais antiga do documento.

[fl1] [Abertura:]

Inventário dos bens de Joaquim Eleute/rio de Abreu falecido sem testamento casado / que foi com D. Clara Margarida / de Oliveira Leite

[fl3v] [Título de herdeiros:]

1º- Antonio Marianno de Oliveira – 19 anos

2º- Francisca Luíza de Castro – 17 anos

3º- Olimpia de Abreo – 15 anos

4º- Joaquim de Assumpção – 13 anos

5º- Maria Eugenia – 11 anos

6º- José Domicianno – 9 anos

7º- Maximianno – 7 anos

8º- João – 6 anos

9º- Anna – 1 ano

Joaquim e Clara Margarida tiveram os filhos (situação cerca de 1858):

3-7-1 Antonio Marianno de Oliveira, com 19 anos

3-7-2 Francisca Luíza de Castro, com 17 anos

3-7-3 Olimpia de Abreu, com 15 anos

3-7-4 Joaquim de Assumpção, com 13 anos

3-7-5 Maria Eugenia, com 11 anos

3-7-6 José Domicianno, com 9 anos

3-7-7 Maximiano, com 7 anos

3-7-8 João, com 6 anos

3-7-9 Ana ,com 1 ano.

3-8 Manoel Leonel Abreu de Lima, com 16 anos em 1831.

3-9 Maximiano Antonio, com 13 anos em 1831. Foi batizado aos 13-06-1816.

Igreja N. Sra. da Assunção, Mariana-MG, Capella de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana - Fls.8 e 8v do Livro de batismos dos anos de 1817-1850

Batismo de Maximiano aos 13-06-1818.

Pais: Ten.Cel. Maximiano de Oliveira Leite e D.Eugenia Galvão de São Martinho.

Avós paternos: Cap. Leonel de Abreu Lima e D.Maria Ignacia Pires de Oliveira.

Avós maternos: Brig.Pedro Afonço Galvão de São Martinho e D.Maria Agostinha Manço de Castro.

Padre: Lourenço de Abreo Lima.

Cura: Joaquim Jozé Roiz Rego.

3-10 Bárbara Augusta, com 10 anos em 1831. Batizada em 1820.

Fl.55v do Livro de Batismos dos anos de 1817-1850. Igreja N.Sra.da Assunção, Mariana-MG, Capela de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana, Batismo de Bárbara em --/--/1820.. Pais: Ten.Cel. Maximiano de Oliveira Leite e D.Eugenia Galvão de São Martinho. Avós paternos: Cap. Leonel de Abreu Lima e D.Maria Pires de Oliveira. Avós maternos: Brig.Pedro Afonço Galvão de São Martinho e D.Maria Agostinha. Padrinhos: Pe. Lourenço de Abreu Lima e D.Maria Afonço Galvão de São Martinho, filha do Ten.Cel.. Padre: Leonel de Abreu Lima. Cura: Joaquim Jozé Roiz Rego.

3-11 Miquilina, com 8 anos. Batizada em 19-11-1822.

Igreja N. Sra. da Assunção, Mariana-MG, Capella de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana - Fl.89v do Livro de Batismos dos anos de 1817-1850

Batismo de Miquelina aos 19-11-1822.

Pais: Ten.Cel. Maximiano de Oliveira leite e D.Eugenia Galvao de São Martinho.

Padrinhos: Cap.Francisco Maximiano e D.Henriquetta Magdalena.

Padre: Leonel de Abreu Lima.

Cura: Joaquim Jozé Roiz Rego.

4 - Padre Bento de Mello Bezerra Rego, falecido em 05-08-1815 com 70 anos.

Fl.48v(36v) do Livro de Óbitos dos anos de 1813-1825. Igreja N. Sra. da Assunção, Mariana-MG, Capella de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana

Óbito de Bento de Melo Bezerra Rego aos 05-08-1815.

Faleceu com 70 anos. Deixou testamento.

Cura: Manoel Pinto Roiz.

 

AHCSM - Arquivo Histórico da Casa Setecentista de Mariana-MG

Documento: Inventário

Inventariado: Padre Bento de Mello

Inventariante: Maximianno de Oliveira Leite

Data: 1816

Local: Rio de Santa Ana, que deságua no Rio da Casca

Referência:cx:134 / A:2809 / 1º of

Transcrição feita por Izabella Fátima de Oliveira Sales de Itabirito-MG a pedido de Antônio Carlos de Castro

[fl1] Inventario dos bens que ficarão por faleci/mento do Padre Bento de Mello Bezerra Re/go que faleceu com testamento aos cinco dias / do mês de Agosto de 1815

[fl3] [Titulo de herdeiros:]

- D. Maria Ignacia de Oliveira Maior / de (...) 70 anos.

Declarou ele Inventariante ser a no/meada acima a herdeira do Reverendo / Testador por ser sua mãe legitima.

[fl6] [Copia do Testamento:]

Jesus Maria José, saibam quantos es-/te publico instrumento de testamento / e ultima vontade virem, que sendo no / Ano (...) de 1815 aos -/ vinte e sete dias do mês de julho do dito / ano neste Morro de Santo Antonio / da Passagem de Mariana (...) eu o Padre Bento / de Mello Bezerra Rego estando mo-/lesto mas, em meu perfeito juízo, e ente/dimento (...) faço este meu solene testamento na forma seguinte: (...) Sou filho legitimo do Capitão Leonel / de Abreu e Lima já falecido, e de Do/na Maria Ignacia Pires de Oliveira /

Declaro que / a muitos anos dei a meu Irmão Capi/tão Caetano Leonel para sustentação/ de sua família um pedaço de terras / na Guarapiranga, que foram do falecido / Ribeiro, e depois de um filho deste a quem / paguei, e isto quer o tenha todo o vigor / assim como qualquer papel por mim / assinado sem que se lhe oponha di-/vida alguma por ser esta a minha von-/tade (...) Declaro que / deixo a meu Irmão Domingos Leonel / de Abreu 200 mil reis por ser as/sim a minha vontade //

 (...) Declaro que instituo / por meus testamenteiros em  primeiro lu-/gar a meu Irmão Tenente Coronel Ma/ximiano de Oliveira Leite em segundo / lugar a meu Irmão Padre Leonel de / Abreu Lima, e em terceiro lugar a-/ meu sobrinho e afilhado Bento de / Mello Bezerra Rego (...) Declaro que cumpridos / todos os meus legados e disposições / aqui expressados tudo o mais que / restar da minha terça deixo ao Capi/tão Jose [Cautano] [sic] Rodrigues Horta / por ser esta a minha vontade // Decla-/ro, no meio e instituo por minha u-/niversal herdeira a minha mãe a Se/nhora Dona Maria Ignacia Pires / de Oliveira, que assiste em minha com/painha. E nesta forma hei por aca-/bado este meu solene testamento, e / ultima vontade, e por este revogo ou/tro qualquer testamento cédula, ou / codicilo, que antes deste haja feito pó-/que só quero que este tenha toda a for-/ça e vigor (...)

O Padre Bento de Mello Bezerra Rego

5 - Padre Leonel de Abreu Lima, 2º testamenteiro do irmão Padre Bento.

6 - Antônio Júlio de Abreu e Mello, batizado em Passagem Mariana, Mariana-MG em 29-02-1756. Segundo SL. 4º, 346, 5-6, casado com Ana Felícia de Mosqueira

Fl.207v(208v) do Livro de Batismos dos anos de 1750-1760Igreja, N.Sra. da Assunção, Mariana-MG, Capella de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana - Batismo de Antônio aos 29-02-1756

Pais: Leonel de Abreu Lima e D.Maria Ignácia Pires de Oliveira.

Avós Paternos: Bento de Mello Bezerra Rego e Dona Francisca Coelho Marinho.

Avós Maternos: Guarda-mor Maximiano de Oliveira Leite e Donna Ignácia de Arruda Pires.

Padrinhos: Cap.José Pinto Alves de Carvalho e Donna Francisca de Seixas da Fonseca, mulher do Ten.Gen.Bernardo da Silva Ferrão.

Cura: Luciano Pereira da Costa.

Coadjutor: Manoel Pereira e Pinto.

7- Maria Córdula de Abreu e Mello, batizada em Passagem Mariana, Mariana-MG em 20-10-1757, onde em 08-09-1779 casou com o Cel. Manoel do Vale Amado, viúvo de Rosa Maria do Vale Amado (citada como Teresa Maria de Queiroz no casamento do filho João do Vale Amado em 9 abaixo)

Fl.210(211)Igreja N.Sra. da Assunção, Mariana-MG, Capella de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana - Registros Paroquiais, 1711-1980, Batismo de Maria aos 20-10-1757

Pais: Leonel de Abreu Lima e D.Maria Ignácia Pires de Oliveira.

Avós Paternos: Bento de Mello Bezerra Rego e Dona Francisca Coelho Marinho.

Avós Maternos: Guarda-mor Maximiano de Oliveira Leite e Donna Ignácia de Arruda Pires.

Padrinhos: Cap.Paulo Pereira de Sousa e Ignacia Costodia de Sá ---.

Cura: Luciano Pereira da Costa.

Coadjutor: Manoel Pereira Pinto

 

Fls.43 e 43v do Livro de casamentos dos anos de 1770-1808 Igreja N.Sra. da Assunção, Mariana-MG, Capella de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana - Casamento de Manoel do Valle Amado e Maria Cordula de Oliveira de Mello

Aos oito de setembro de mil Sete Centos e setenta e nove na Capella de S.Antonio, filial de Mariana com Prov. do Ordinar.º Geral de minha administrou o P.e Bento de Mello Bezerra Rego os Sacrament. do Matrimonio e se Receberão o Ten.e Cor.l Manoel do Valle Amado, viuvo de D.Roza Maria do Valle Amado a D.Maria Cordula de Oliveira de Mello, filha lig.ª do Cap.Leonel de Abreo Lima e D.Maria Pires de Oliveira, natural da frg.ª do Sumidouro e neste residente e lhe forão conferidas as bençoens nupciaes na fr.ª do Ritual e Const. presente o Ex.mo D.Antonio de Noronha, Gov. e Cap.m Gen.ª desta Capitania e D.Ignacia Rosa de Lima, m.er do Cap.Mor José Alz Maciel deste, pr.ª constar fis este assento. O Cura Franc. Per.ª de S.ta. Ar.(?).

Maria Córdula e Manoel tiveram:

7-1 Lourença, nascida em Passagem Mariana, Mariana-MG em 10-08-1781 e batizada em 01-09-1781. Segundo SL. 4º, 346, 6-1, Lourença Maria de Abreu e Mello casou com o Cap. José Luis Pinto Coelho da Cunha,e foram pais de treze filhos. Família “Pinto Coelho a Cunha”.

Fl.249(250) do Livro de Batismos dos anos de 1760-1836 Igreja N.Sra. da Assunção, Mariana-MG, Capella de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana -

Batismo de Lourença aos 01-09-1781, nasceu aos 10-08-1781.

Pais: Ten.Cel. Manoel do Valle Amado e Dona Maria Cordula de Oliveira.

Padrinhos: Cap.Leonel de Abreu Lima e Dona Ignácia Pires de Oliveira.

Padre: Bento de Mello.

Coadjutor: Manoel da Costa Negreiros

Entre os filhos do casal:

7-1-1 Cap.José Maria Pinto Coelho da Cunha, casado com Maria Cláudia Vaz, tiveram:

7-1-1-1 José, batizado em 13-06-1836 em Sabará-MG.

Fl.286 do Livro de Batismos dos anos de 1828-1840 Igreja N.Sra. da Conceição, Sabará-MG, Matriz, Curia Metropolitana de Belo Horizonte - Batismo de José aos 13-06-1836.

Pais: Sargento-Mor Jozé Maria Pinto  e D.Maria Cláudia Vaz da Silva.

Padrinhos: Ten.Cel. Jozé Ricardo Vaz da Silva e D.Maria Barbara Vaz da Silva

Padre: Marianno de Soiza Silverio.

Vigárior: Encomend.o João Alves Pacheco.

 

7-1-1-2 Antônio, aos 07-04-1839.

Fl.275 do Livro de batismos dos anos de 1828-1840 Igreja Católica, N.Sra. da Conceição, Sabará-MG, Matriz, Curia Metropolitana de Belo Horizonte - Batismo de Antônio em 07-04-1839

Pais: Sargento-Mor Jozé Maria Pinto Coelho e D.Maria Cláudia Vaz.

Padrinhos: Capitam Jozé Luis Pinto Coelho da Cunha, por procuração que apresentou o Cel. Antonio Vaz da Silva e D.Lourença Maria de Abreu, por procuração que desta apresentou D.Maria Barbara Vaz da Silva.

Padre: Marianno de Soiza Silverio.

Vigárior: Encomend.o José Maria Vieira de Moraes Godinho.

7-2 Brígida Inácia de Lima e Mello (SL)

7-3 Ana Izabel de Abreu e Mello, batizada em 07-07-1784 em Passagem Mariana, Mariana-MG. Casou com o Alferes José Felizardo da Costa, filho Antônio Luis da Silva e Maria Caetana Michelina .

Fl.250v(251v) do Livro de Batismos dos anos de 1760-1836 Igreja N.Sra. da Conceição, Sabará-MG, Matriz, Curia Metropolitana de Belo Horizonte - Batismo de Ana aos 07-07-1784.

Pais: Ten.Cel. Manoel do Valle Amado e Dona Maria Cordola de Oliveira.

Padrinhos: Ten.Cel. Carlos José da Silva e Dona Izabel Querubina de Oliveira Leite.

Padre: Leonel de Abreu Lima.

Coadjutor: Manoel da Costa Negreiros.

Tiveram, q.d.:

7-3-1 Ana Izabel, nascida em Ouro Preto-MG e batizada em 14-06-1808 na Capela do Morro de Santo Antonio da Passagem, Mariana-MG

Fl.163v Igreja Nossa Senhora da Conceição, Ouro Preto-MG, Arquidiocese de Marianna -Freguezia da Nossa Senhora da Conceicao de Antonio Dias, Ouro Preto-MG.

Ana Izabel: Aos quatorze de Junho de mil oitocentos e oito, nesta Parochiah da Conceicao de Antonio Dias, O Reverendo Leonel de Abreu Lima, com licenca do Revendo Parocho na Capella de Santo Antonio do Morro da Passagem de Mariana, baptizou e pos os Santos Oleos a Anna Izabel, parvula, filha legitima do Alferes Joze Felizardo da Costa e Anna Izabel de Abreu e Mello, neta pela parte paterna de Antonio Luiz da Silva e sua mulher Maria Caetana Michelina, e pela materna do Coronel Manuel do Valle Amado e sua mulher Dona Maria Cordula de Abreu e Mello: forao padrinhos o Reverendo Bento de Mello Bezerra e Dona Maria Ignacia Pires de Oliveira, moradores no mesmo lugar, de que fez este assento. O Coadj.tor Joaq.m Joze Per.a.

7-4 Francisca Maria Vale do Abreu e Mello, casada com o Cel.José Inácio Nogueira da Gama (SL)

7-5 Cap.-mor Manoel do Vale Amado, casado com Bernardina de Cerqueira Leite (SL)

7-6 Cel. Francisco do Vale Amado, casado com Felicidade Perétua de Abreu e Mello (SL)

 

8- José (Luiz) Pires de Abreu e Mello, nasceu em Passagem Mariana, Mariana-MG em 05-05-1759 e foi batizado aos 13 do mesmo mês. Casou com Mariana da Encarnação e Souza. Geração em SL. 4º, 346, 5-7.

Fls.211v(212v) e 211(212) do livro de Batismos dos anos de 1750-1760 da Igreja N.Sra. da Assunção, Mariana-MG, Capella de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana - Batismo de José Luís aos 13-05-1759 e nasceu aos 05-05-1759.

Pais: Cap. Leonel de Abreu Lima e D.Maria Ignácia Pires de Oliveira.

Avós Paternos: Bento de Mello Bezerra Rego e Dona Francisca Coelha Marinho.

Avós Maternos: Guarda-mor Maximiano de Oliveira Leite e Donna Ignácia de Arruda Pires.

Padrinhos: Luis de Souza Pereyra e D.Anna Ignacia Pires de Oliveira, mulher do Cap. Custodio de Sá Ferreira.

Capelão: Antonio Brandão de Araujo.

Cura: Luciano Pereira da Costa..

Dentre seus filhos encontramos documentos de:

8-1 Cap.Francisco Pires de Abreu Mello, natural do Sumidouro-MG. Casou com Maria Luisa Freire de Andrade, filha do Ten.Cel. Francisco de Paula Freire de Andrade e Izabel Carolina de Oliveira Maciel - família “Horta”.

          Francisco faleceu em Mariana-MG em 18-03-1852, com testamento. Foram pais da filha única: Henriqueta.

AHCSM - Arquivo Histórico da Casa Setecentista de Mariana-MG

Documento: Inventário

Inventariado: Capitão Francisco Pires de Abreu Mello

Inventariante: Maria Luiza Freire de Andrade

Data:1852

Local: Mariana

Referência: Cx:153 / A:3219 / 1ºof

Transcrição feita por Izabella Fátima de Oliveira Sales a pedido de Antônio Carlos de Castro

[fl1] [Abertura:]

Inventário dos bens do Capitão / Francisco Pires de Abreo Mello / casado que foi com D. Maria / Luiza Freire de Andrade / falecido com testamento a 18 de março de 1852

[fl2] [Herdeiros:]

Henriqueta

[fl7v] [Traslado do testamento:]

(...) Digo eu Francisco de Abreo e Mello que achando-me doente mas em / disposição testamentaria determi/no fazer o meu testamento na ma/neira seguinte = declaro que sou fi/lho legítimo do capitão José / Pires de Abreo Lima, e Dona Mari/anna da Encarnação e Souza nas/cido e batizado na Capela de Nossa / Senhora do Rosário de Antonio Lou/renço filial da Matriz do Sumidouro / Município da Cidade de Marianna /

Sou casado com Dona Maria Luiza / Freire de Andrade e desse casório / somente nos resultou uma filha / de nome  Henriqueta que por estupora / da idade de ano e meio ficou mui/to nervosa, e por isso quando em haja de faltar antes de sua mãe a/provar que esta seja sua [Testadora] / e eu a nomeio.

Declaro que sendo pro/vável que minha filha pelo seu /estado de moléstia faleça quando / sua Mãe tenha falecido quero / que sejam seus Testadores seu Tio Ba/rão da Itabira, em a falta deste / Doutor Agusto [sic] Freire de Andrade / a quem por morte desta passa/ram os bens da dita minha filha / digo aos quais Tutores a quem rogo / tenham com ela todo cuidado que / seu desgraçado estado exige tomando / conta do que lhe pertencer por minha / morte.

Nomeio em primeiro lugar / para testamenteiro minha mulher / em segundo seu Irmão Barão da Itabira, em terceiro Doutor / Augusto Freire de Andrade (...) declaro que deixo a Barbara / parda filha da escrava Fortunata / Crioula, forra, e também deixo a meu pagem Adão Crioulo que servi a minha mulher dois anos / e findo eles forro como se nascesse / do ventre livre (...) Tendo assim concluído este meu testamento / e última vontade e por impedimento / de moléstia pedi a José Ignácio / Eulálio que este por mim escrevesse (...) Fazenda do Carvalhas 08/02/1852.

Francisco de Abreo e Mello

8-2 Antônio Pires de Abreu, casou com Graciana Pires de Abreu (SL. 4º, 346, 6-4). Tiveram q.d.:

8-2-1 Antonia, batizada em Furquim -MG em 06-06-1842

Fl.7 do Livro de Batismos(incluindo alguns óbitos e testamentos) dos anos de 1772-1857 Igreja Bom Jesus do Monte, Furquim, distrito de Mariana-MG, Arquidiocese de Marianna - Batismo de Antônia aos 06-06-1842

Pais: Antonio Pires de Abreu e Geracina Maria.

Padrinhos: Vigr.o Antonio Gomes Carn.o e D.Narciza Fran.ca de Assis.

Padre: Antonio Martins Machado.

Vigário: Antonio Gomes Carneiro.

8-2-2 Ana, nascida em Furquim-MG em maio de 1844 e batizada em junho do mesmo ano.

Fl.31v do Livro de Batismos(incluindo alguns óbitos e testamentos) dos anos de 1772-1857 Igreja Bom Jesus do Monte, Furquim, distrito de Mariana-MG, Arquidiocese de Marianna - Batismo de Ana em --/06/1844 nasceu em maio/1844.

Pais: Antonio Pires de Abreu e Graciana Maria do Espirito Santo.

Padrinhos: Cap.Ignacio Joze Paez e sua mulher D.Carolina Candida de S.Jozé.

Padre: Antonio Martins Machado.

Vigário: Antonio Gomes Carno.

8-2-3 Manoel, nascido em Furquim-MG em 13-10-1845 e batizado aos 24-11-1845

Fl.22v do Livro de Batismos(incluindo alguns óbitos e testamentos) dos anos de 1772-1857 Igreja Bom Jesus do Monte, Furquim, distrito de Mariana-MG, Arquidiocese de Marianna - Batismo de Manoel aos 24-11-1845 e nasceu aos 13-10-1845

Pais: Antonio Pires de Abreo e Geracina Maria.

Padrinhos: Sarg.-mor Manoel Gonçalves Mola(?) e sua mulher D.Maria das Neves.

Padre: Antonio Gomes Carn.o.

Vigário: Antonio Gomes Carn.o.

8-2-4 José, nasceu aos 14-02-1848 e foi batizado em 01 de março do mesmo ano.

Fl.55v do Livro de Batismos(incluindo alguns óbitos e testamentos) dos anos de 1772-1857 Igreja Bom Jesus do Monte, Furquim, distrito de Mariana-MG, Arquidiocese de Marianna - Batismo de José aos 01-03-1848 e nasceu aos 14-02-1848

Pais: Alferes Antonio Pires de Abreo e Geracina Maria.

Padrinhos: Manoel Ignacio Carvalho de S.Paio e sua mulher Castorina(?) Joaquina.

Padre: Antonio Gomes Carn.o.

Vigário: Antonio Gomes Carn.o.

8-2-5 Lucia, nascida em 07-02-1855 e batizada em 22 do mesmo mês.

Fl.79v do Livro de Batismos(incluindo alguns óbitos e testamentos) dos anos de 1772-1857 Igreja Bom Jesus do Monte, Furquim, distrito de Mariana-MG, Arquidiocese de Marianna - Batismo de Lúcia aos 07-02-1855 e nasceu aos 07-02-1855.

Pais: Antonio Pires de Abreu e Geracina Maria de Jesus.

Padrinhos: Francisco Pereira Bastos e D.Barbara Ignacia da Encarnação da Freguesia de Caxoeira(?) com procuração que apresentou D.Escolastica Maria do Espirito Santo.

Padre: Antonio Gomes Carn.o.

Vigário: Antonio Gomes Carn.o.

8-3 Maximiana Joaquina de Abreu casou com o Alferes Bernardo Pinto Monteiro (SL. 4º, 346, 6-9). Tiveram, q.d.:

8-3-1 Antônio, batizado em 25-03-1819 em Mariana-MG

Fl.27v do Livro de Batismos dos anos de 1817-1850 Igreja Nossa Senhora da Assunção, Mariana-MG, Matriz, Arquidiocese de Marianna - Batismo de Antônio aos 25-03-1819

Pais: Bernardo Pinto Monteiro e D.Maximiana Joaquina de Abreu.

Padrinhos: Ten. Antonio Ribeiro Fortes e D.Anna Joaquina de Godoy.

Padre: Joaquim Jozé Roiz Rego.

Cura: Joaquim Jozé Roiz Rego.

8-3-2 Maria, batizada em 11-05-1820

Livro de Batismos/Pag.50 Igreja Nossa Senhora da Assunção, Mariana-MG, Matriz, Arquidiocese de Marianna - Batismo de Maria aos 11-05-1820

Pais: Bernardo Pinto Monteiro e Maximiana Joaquina de Abreu.

Padrinhos: Sarg-mor Gomes Freire de Andrade e D.Francisca de Salles Fidelis de Godoi.

Pároco: o Cura Joaquim José Roiz Rego.

Foi batizada na Cathedral.

8-3-3 Bernarda, batizada em 16/11/1824

Fl.116 do Livro de Batismos do as anos de 1817-1850 Igreja Nossa Senhora da Assunção, Mariana-MG, Matriz, Arquidiocese de Marianna - Batismo de Bernarda aos 16-11-1824

Pais: Alferes Bernardo Pinto Monteiro e D.Maximiana Joaquina de Abreo.

Padrinhos: Sarg.-mor Joaquim Coelho de Oliveira e sua mulher Maria Hermelinda Duarte e Freitas.

Padre: Joaquim Jozé Roiz Rego.

Cura: Joaquim Jozé Roiz Rego.

9- Francisca Claudina de Abreu e Mello, batizada em 22-08-1760 em Ouro Preto-MG onde aos 23-02-1793 casou com Cap.João José do Vale Amado, filho do Coronel Manoel do Valle Amado e Teresa Maria de Queiroz (citada nas segundas nupcias de Manoel como Rosa Maria). (SL. 4º, 351, 5-9)

Fl.213v(214v) do Livro de Batismos dos anos de 1760-1836. Igreja Nossa Senhora da Assunção, Mariana-MG, Capella S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana, Batismo de Francisca aos 22-08-1760.

Pais: Leonel de Abreu Lima e D.Maria Pires de Oliveira. Avós Maternos: Guarda-mor Maximiano de Oliveira Leite e Dona Ignacia de Arruda Pires. Avós Paternos: Bento de Mello Bezerra e Dona Francisca Coelha Marinho. Padrinhos: Sarg.-mor Antonio Duarte e Dona Juliana Francisca Pires de Oliveira, milher do Sarg.-mor José Alves Maciel. Padre: Luciano Pereira da Costa. Cura: Luciano pereira da Costa.

 

Igreja Nossa Senhora da Conceicao de Ouro Preto; Aos vinte e tres de Fevereiro de mil settecentos e noventa e tres na Capella de Santo Antonio do morro da Passagem, pelas tres horas da tarde com Provizao do Ordinario e licença do R.Cura administrou o P.Leonel de Abreu o Sacramento do Matrimonio, que por palavras de prezentes, e mutuo consentimento, celebrarao na forma do Sagrado Concil.Trident. Constituição do Bispado, Joao do Valle Amado, filho legitimo do Coronel Manoel do Valle Amado e de D.Thereza Maria de Queiroz, natural e baptizada na freguezia de N.Snr.a da Gloria do Caminho do Rio e D.Francisca Claudina de Abreo e Mello, filha legitima do Capitao Leonel de Abreu de Lima, já falecido, e D.Maria Ignacia Pires de Oliveira, natural e baptizada na Freguezia desta Cidade, nella Moradora e lhes deu as Bencaos Nuptiaes do Ritual Romano, sendo testemunhas prezentes do Pe. Bento de Mello Bezerra Rego, e o Capitao Antonio Julio de Mello, e para constar, mandei fazer este assento, que assignei. Coadjutor João Ferreira Almada.

Francisca Claudina e Cap. João José tiveram os filhos, q.d.:

9-1 Maria José do Vale Abreu e Mello, nascida e batizada em 1795 em Passagem Mariana, Mariana-MG. Casou com José Caetano Rodrigues Horta, filho do Capitão José Caetano Rodrigues Horta e de Bárbara Eufrosina de Almeida Rolim - família “Horta”. Seus filhos foram herdeiros, juntamente com o tio Antonio João abaixo, dos bens do tio João José do Vale Amado de Abreu.

Fl.96 do Livro de Batismos dos anos de 1817-1850 Igreja N.Sra. da Assunção, Mariana-MG, Capella de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana - Batismo de Maria em 1795,

Pais: João José do Vale Amado e D.Francisca Claudina de Abreo e Melo.

Padre: Jozé de Araujo Correa.

Cura: Francisco Rodrigues de Paula.

Foi batisada em casa por perigo de vida.

O despacho do batismo foi realizado 28 anos após, em Mariana, 16 de 8bro.de 1823.

9-2 Antônio João do Vale Amado, 1º testamenteiro do irmão João José. Casado com Francisca Claudina Vilas Boas da Gama, sua sobrinha. (SL)

9-3 Rosa Joana do Vale Abreu e Mello, casada com o Cap.-mor Francisco de Paula Vilas Boas da Gama, tiveram (SL):

9-3-1 Francisca Claudina Villas Boas Gama, casada com Antônio Caetano de Oliveira Horta.

9-3-2 Francisco de Paula, afilhado e legatário do tio João José, 9-5 abaixo.

9-4 Ana Francisca do Vale Amado, casada com Lourenço Bernardes de Souza, Tiveram:

9-4-1 João, legatário do tio João José.

9-5 João José do Valle Amado de Abreu, natural de Simão Pereira-MG. Fez seu testamento na Fazenda da Glória em 23 de Janeiro de 1827. Nomeou testamenteiros:”primeiro testamenteiro a meu irmão ANTÔNIO JOÃO DO VALE AMADO e o segundo o meu cunhado JOSÉ CAETANO RODRIGUES HORTA”. Sem herdeiros forçados, institui por herdeiros o irmão Antonio João e todos os sobrinhos filhos de José Caetano e de sua mulher minha irmã Dona Maria. Deixou legado: ao afilhado FRANCISCO DE PAULA filho de minha irmã Dona ROSA; e outros cem mil réis a JOÃO // Filhos primeiro (se vivo então) de minha irmã Dona ANA. Seu testamento foi aberto aos 25-02-1830 (disponibilizado no site de Luís Antonio Villas Bôas).

10- Catarina Felicia de Abreu e Mello (ou Lima), batizada em 06-12-1761. Casou com Cap.-mor Francisco Manoel Pinto Coelho da Cunha, filho de Luiz Jose Pinto Coelho da Cunha e Antonia Joana de Miranda e Costa. Geração na família “Pinto Coelho da Cunha”.

Fl.217v(218v) do Livro de Batismos dos anos de 1760-1836. -Igreja N.Sra.da Assunção, Mariana-MG, Capella de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana, Batismo de Catharina em 06/12/1761,

Pais: Cap. Leonel de Abreu Lima e D.Maria Ignácia Pires de Oliveira. Padrinhos: Sarg.-Mor Jozé Alves Maciel, por procuração passada ao Dr.Francisco Pires de Oliveira e D.Felicia Rosa Oliveira. Padre: Francisco Lemes Delgado. Cura: Luciano Pereira da Costa.

11- Padre Lourenço de Abreu Lima, batizado em Passagem Mariana, Mariana-MG em 20-08-1764. 2º testamenteiro do irmão Padre Bento.

Fls.223v9224v) e 223(224) Igreja Nossa Senhora da Assunção, Mariana-MG, Capella S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana -  Batismo de Lourenço aos 20-08-1764.

Pais: Cap. Leonel de Abreu Lima e D.Maria Ignácia Pires de Oliveira.

Avós Paternos: Cap.Bento de Mello Bezerra Rego e D.Francisca Coelho Marinho.

Avós Maternos: Guarda-mor Maximiano de Oliveira Leite e D.Ignacia de Arruda Pires.

Padrinhos: Cap.Domingos da Cruz e D.Clara Felícia da Roza, mulher de Manoel de Oliveira Pinto, por seu procurador Bento de Mello Bezerra Rego.

Padre: Jozé Monis Barreto.

Coadjutor: Manoel da Silva Salgado.

12- Domingos Leonel de Abreu Lima, batizado em 1767. Legatário do irmão Padre Bento: ”Deixo a meu Irmão Domingos Leonel de Abreu 200 mil reis“. Casou com Maria Gonçalves Leal, com geração na família “Gonçalves Leal”, neste site.

Fl.228v(229v) do Livro de Batismos dos anos de 1760-1836. -Igreja N. Sra. da Assunção, Mariana-MG, Capella de S.Antonio do Morro da Passagem, Arquidiocese de Mariana, Batismo de Domingos em --/--/1767. Pais: Cap. Leonel de Abreu Lima e D.Maria Ignácia Pires de Oliveira Padrinhos: R.do Antônio Brandão de Araujo e D.Anna Francisca Paes de Oliveira. Padre: José Monis Barreto. Coadjutor: Antonio da Silva Dinis

 

          Domingos recebeu sesmaria em 1819 (neste site).