PROJETO COMPARTILHAR

Coordenação: Bartyra Sette e Regina Moraes Junqueira

www.projetocompartilhar.org

 

 

DOMINGOS BORGES DA SILVA

Aportes e Correções à Genealogia Paulistana

(atualizado em 09-junho-2016)

 

 

Bartyra Sette

 

 

SL. 9º, 31, 2-1 Diogo Arias de Araújo foi ouvidor da capitania de S. Vicente, de que tomou posse a 20 de Fevereiro de 1684, e casou em S. Paulo com Izabel da Costa Sodré f.ª de Domingos da Fonseca Pinto e de Apollonia da Costa, natural da Bahia; a qual faleceu em S. Paulo com testamento em 30 de Janeiro de 1684, e nele declarou ser f.ª do capitão-mor Gonçalo da Costa Sodré e de Luzia Antunes. Izabel da Costa foi irmã inteira de fr. João Baptista e de fr. Francisco dos Anjos, carmelitas do Rio de Janeiro, e de Anna da Fonseca, viúva, moradora na Bahia, o que consta dos autos de inventário (C. O. de S. Paulo) Teve:

(31) 3-1 Capitão João de Faria da Costa casado em S. Sebastião com Izabel Gomes do Espirito Santo irmã do vigário Manoel Gomes Pereira e do vigário de Taubaté Diogo Luiz Fialho e do sargento-mor Antonio Gomes Pereira, estes todos naturais de Guimarães, onde os ditos padres foram habilitar-se para ordens, e foram f.ºs do capitão-mor Gaspar Gomes Pereira e de Anna Luiza da Costa, prima do fidalgo do Campo dos Hortas, de Braga, como consta dos autos de genere na Câmara Episcopal de S. Paulo. Teve 8 f.ºs: 4-1 a 4-8.

4-4 Martha de Faria Sodré casou com o capitão-mor Domingos Borges da Silva, natural de S. Sebastião, e tiveram f.ºs que foram para as minas.

 

SL. 2º, 482, 5-2 João Leite da Silva Sodré casou-se em S. Sebastião com Beatriz da Silva, falecida nessa vila em 1748, f.ª de Jordão Homem e de Monica Pinheiro de Lemos. Teve naturais de S. Sebastião (C. O. de S. Paulo): 6-1 a 6-7

(484) 6-2 Ignacia Pinheiro, f.ª de 5-2 supra, estava casada na época do inventário com o capitão Domingos Borges da Silva, natural de. S. Sebastião, f.º de Antonio da Silva Borges, morador no Rio de Janeiro, e de Fabiana Ortiz. Com geração.

 

 

Capitão Mor Domingos Borges da Silva, natural de S. Sebastião-SP era filho de Antonio da Silva Borges e Fabiana Ortiz, moradores no Rio de Janeiro.

 

Capitão Domingos casou duas vezes. Primeira vez com Marta de Faria Sodré. Segunda vez, com Inácia Pinheiro, (SL. 2º, 484, 6-2). Segundo pesquisa do Dr. Marcelo Meira Amaral Bogaciovas no processo matrimonial (ACMSP) in Revista ASBRAP nº 2, 143 nota 5: “Foram dispensados, para casar, do parentesco de afinidade em 3º grau misto ao 4º, por descenderem a contraente e a falecida mulher do contraente de dois irmãos, Dr. Gaspar de Faria e Tomé de Faria Sodré. Despacho a 25 maio 1719”

Segundo o processo matrimonial e pesquisa de Dr. Helvecio Vasconcelos Castro Coelho in opus citada, Marta de Faria Sodré era filha do Capitão João de Faria da Costa e Izabel Gomes do Espírito Santo, neta paterna do Dr. Gaspar de Faria (e não Diogo Árias de Araújo como citado em S.Leme) e Izabel da Costa Sodré, neta materna do Capitão Mor Gaspar Gomes Pereira e de Anna Luiza da Costa (SL 9º, 31, 4-4).

 

Inácia Pinheiro, filha de João Leite da Silva Sodré e Beatriz da Silva (SL. 2º, 482, 5-2), neta materna de Jordão Homem e Monica Pinheiro de Lemos, neta paterna de Ignez de Oliveira Cotrim e Antonio de Faria Sodré, este filho (segundo pesq. de Dr. Helvecio Vasconcelos Castro Coelho) de Tomé de Faria Sodré irmão do Dr. Gaspar de Faria, ambos filhos de Antonio Mendes de Vasconcellos e Isabel de Faria da Rocha. Jordão Homem da Costa, in Revista ASBRAP 11, fls 113, com ascendência, casamento e descendência documentadas, pesquisa do Dr. Marcelo do Amaral Bogociovas,

 

            Capitão Mor Domingos Borges da Silva e Marta de Faria Sodré foram pais de:

 

            Domingos Borges da Silva, natural também de São Sebastião-SP, casou com Suzana Leite, natural de Taubaté, filha de Vitorino de Aveiros Homem e Maria de Escobar (batismo de Felix, com os avós)

 

Domingos fez seu testamento aos 10-04-1749 e faleceu aos 20-07 do mesmo ano. Foi inventariado em seu Sítio Congonhas da Conquista, Freguesia de Borda do Campo, em 28-01-1750 (inventário disponibilizado no site de Luís Antonio Villas Boas). Compareceram doze filhos:

B7: óbitos - Igreja Nossa Senhora da Piedade (Barbacena-MG) aos 20-07-1749 fal. Domingos Borges da Silva, casado, morador nesta freguesia. Sepultado nesta igreja matriz aos 21 do dito mês.

Testamento: Aos 10-04-1749 nesta freguesia de N. Sra. da Piedade da Borda do Campo, eu Domingos Borges da Silva, faço este meu testamento por mim feito e assinado na forma seguinte:

Peço a minha mulher Suzana Leite da Silva, e a meu genro Manoel Martins e a meu filho Jose da Silva (...) serem meus testamenteiros.

Meu corpo sera sepultado na igreja matriz desta freguesia.

Sou natural da Ilha de S. Sebastião do Bispado do Rio de Janeiro, f.l. de Domingos Borges da Silva e de s/m Martha de Faria, já defuntos. Sou casado com Suzana Leite da Silva e no casal temos doze filhos: Joze = Ignacio = Thomas = Mathias = Felix = Ricardo = Maria = Rosa = Gertrudes = Helena = Quiteria já casadas = Manoel, todos esses ditos meus filhos são meus legitimos herdeiros.

Meu casamento foi por carta de ametade.

Declara bens, credores, (entre eles): devo a meu pai duzentos mil réis de um negro; devo em Santos aos herdeiros do defunto Antonio da Costa de Moraes 140$000 sem crédito; devo ao defunto Jose Roiz de Figueiredo 47$800 sem crédito; devo a mulher do defunto Antonio do Prado Leme, moradora em S. Paulo, 20$000 sem credito;

(...) depois de pagas as minhas dividas e cumpridos os meus legados [ilegivel] na cidade do Rio de Janeiro (...) no ---- de Santo Antonio com a esmola de ----------- por cada missa, a metade por alma de meu pai, minha mãe e meu irmão João de Faria e a outra metade por minha alma.

Declaro que deixo a minha mulher Suzana Leite da Silva por minha testamenteira e tutora e curadora de meus e de seus filhos, e assim mando se cumpra.

(...)

Hoje, Freguesia de N. Sra. da Piedade da Borda do Campo, Minas do Rio das Mortes. 10-04-1749 Domingos Borges da Silva

Suzana Leite, viúva, casou segunda vez com o viúvo Luiz Franco casado em Portugal com Ana Gomes.

Luiz, natural da vila de Penixe Patriarcado de Lisboa e filho de João Gomes e Luiza Franca, faleceu com testamento aos 08-10-1757. Sem geração de ambos os matrimônios:

B7: óbitos - Igreja Nossa Senhora da Piedade (Barbacena-MG), aos 08-10-1757 fal Luiz Franco casado com Suzana Leite. Fez testamento 

(...) 04-10-1757 eu Luiz Franco (...) faço este meu testamento:

Rogo aos Srs. Manoel de Arahujo, Pedro da Sylva e Thomas Per.ª

Meu corpo será sepultado em a matriz de N. Sra. da Piedade da Borda do Campo.

Sou n. da vila de Penixe Patriarcado de Lisboa, f.l. de Joam Gomes e Luiza Franca, já falecidos. Fui cc na dita minha pátria com Ana Gomes de quem não tive filhos. Tornei a casar nesta freguesia de N. Sra. da Piedade com Suzana Leite, viuva que era por falecimento de Domingos Borges da Silva, do qual não temos filhos. Declaro que casei com a dita minha mulher Suzana Leite por contrato a saber: no caso que não tivessem filhos ficar ela com 400$000 réis, cujo contrato se acha feito por uma escritura.

Declaro que tudo quanto possuo posso testar livremente por não ter herdeiros forçados.

Declara bens, dividas, devedores, pedido de missas e legados:

- a meu sobrinho Thomas Pereira 100$000 réis.

- a minha irmã Maria Franca, viuva que ficou de M.el Simoens  200$000;

- a meu irmão Domingos Franco  30$000

- a minha irmã Leonor 30$000 réis e sendo falecida se dira em missas por sua alma.

- a meu afilhado Luiz, filho de M.el Roiz e sua mulher Ign.ca Joaquina  40$000 réis.

Declaro que pagas as minhas dividas e compridas minhas deixas, instituo minha alma por minha universal herdeira de todo o remanescente de meus bens.

Arraial da Igreja Nova aos 04-10-1757 e eu Manoel Rodrigues de Ar.º que este escrevi a rogo do testador.

 

Domingos Borges da Silva e Suzana Leite tiveram:

1- Quitéria da Silva Borges

2- José da Silva Borges

3- Rosa

4- Inácio da Silva Borges

5- Maria da Silva Borges

6- Tomás da Silva Leite

7- Gertrudes da Silva Leite

8- Manoel

9- Helena da Silva Leite

10- Matias da Silva Borges (ou Borges da Silva)

11- Felix da Silva Borges

12- Ricardo da Silva Borges

 

 

1- Quitéria da Silva Borges, natural de Taubaté, casou duas vezes. Primeiro em Barbacena aos 17-05-1745 com Manoel Martins Bahia, natural da freguesia de N. Sra. da Ajuda da Vila de Peniche Patriarcado de Lisboa, filho de Manoel Martins e Domingas Henriques, já falecidos em 1745. Geração de Quitéria e Manoel na família “Manoel Martins Bahia”, neste site.

          Segunda vez aos 30-08-1770 com Francisco da Silva Preto, natural do Patriarcado de Lisboa, filho de Manoel da Silva Preto e Maria Antonia, esta já falecida em 1770.

B7: casamentos Barbacena - aos 30-08-1770 Francisco da S.a Preto, natural da freguesia de N. Sra. do ---te de Caparica (?), Termo da Vila de Almada, Comarca de -----, Patriarcado de Lisboa, filho de Manoel da S.a Preto e de Maria Antonia, já defunta, com Quiteria da S.a Borges, n. e b. na freguesia de S. Francisco das Chagas de Taubaté, filha de D.os Borges da S.a e de Susana Leite da S.a, e viuva que ficou de seu primeiro marido Manoel Miz Bahia; foram testemunhas José Duarte e Thomaz Per.a da S.a.

 

2- José da Silva Borges, com 26 anos em 1750. Foi para Taubaté-SP onde se casou e faleceu deixando um filho.

 

3- Rosa, com 25 anos em 1750, natural de Taubate-SP. Rosa Maria aos 22-09-1755 casou com Antonio Martins, natural da freguesia de S. Silvestre de Requião termo de Barcelos Arc. de Braga, filho de Simão Martins e Maria de Araújo.

Barbacena, MG matr -aos 22-09-1755 na capela de Sto Antonio da Bertioga se receberam Antonio Martins, n/b na freguesia de S. Silvestre de Requião termo de Barcelos Arc. de Braga, f.l. de Simão Miz e Maria de Ar.º = e Rosa Maria, n/b na freg. de S. Francisco das Chagas da vila de Taubate Bispado de S. Paulo, f.l. de Domingos Borges da Silva e Suza Leite. Test.: Antonio Alz Corsino de Azevedo e Luiz Pinto da Costa moradores nesta freguesia.

 

4- Inácio, com 23 anos em 1750, casado, moravapara as partes de Ibituruna”. Inácio da Silva Borges casou com Izabel da Glória, filha de Antonio Rodrigues do Prado e Francisca Cordeiro de Lima naturais de Taubaté-SP, família “Antonio Rodrigues do Prado” neste site.

Inácio e Izabel tiveram, q.d.:

4-1 Custódia da Silva de Jesus, batizada em 29-09-1754 em Campanha-MG, casou duas vezes. Aos 13-10-1774 com Sebastião Martins Coelho natural de Barbacena, filho de Manoel Martins Ferreira, nascido em S. Mateus da Ilha Terceira Bispado de Angra e falecido com testamento em Barbacena aos 15-09-1788, e Tomasia Antonia Coelho já falecida em Abril de 1782, neto paterno de Manoel Martins e Agueda Ferreira. Outros irmãos de Sebastião na família “Francisco Gonçalves da Costa”.

B7: Igreja Nossa Senhora da Conceição (Carrancas, Minas Gerais) aos 29-09-1754 cap. S. Ana das Lavras, Custodia n. 18-06, f.l. Inacio Borges da Silva n. Borda do Campo e Izabel da Gloria n. de S. João del Rei, np Domingos Borges da Silva e Suzana Leite moradores da Borda do Campo, materna de Antonio Rodrigues do [dobra]do e Francisca Cordeiro Lima nts de Taubate, padr.: Inacio Martins, solteiro e Francisca Cordeiro Lima mulher de Antonio Rodrigues do Prado, todos fregueses desta

 

B7: casamentos - Igreja Nossa Senhora da Conceição (Carrancas, Minas Gerais) aos 13-10-1774 Sebastião Martins Coelho, f.l. Manoel Martins Ferreira e Tomasia Antonia Coelha, n/b na freg. da Borda do Campo; = cc. Custódia da Silva de Jesus, f.l. Inacio da Silva Borges e Izabel da Gloria, fregueses desta freguesia onde a contraente é natural e batizada.

          Sebastião faleceu em 18-01-1784.

Lavras, MG Igreja de Sant'Ana obitos - aos 18-01-1784 fal. Sebastião Miz Coelho, casado com Custodia filha de Ignacio da Silva Borges. Foi sepultado dentro desta matriz.

          Segunda vez aos 02-04-1785 em S. João del Rei, Custódia casou com Antonio de Oliveira Rueles, batizado aos 24-06-1760 na Campanha, filho de João Oliveira Rueles e Aguida Cardosa da Conceição.

B7: Casamentos - Freguesia de N.S. da Conceição das Carrancas e Sta Ana das Lavras do Funil, aos 2-04-1785 matriz S. João del Rei, Antonio de Oliveira Rueles, f.l. João Oliveira Rueles e Aguida Cardosa da Conceição, n/b freg. Campanha; = cc. Custodia da Silva de Jesus, viuva de Sebastião Alves(sic) Coelho, f.l. Ignacio da Silva Borges e Izabel da Gloria, n/b nesta freg. das Lavras.

 

B7 Santo Antonio (Campanha, Minas Gerais) aos 24-06-1760 matriz, Antonio, f.l. João de Oliveira Ruella e Agueda Cardosa, padr.: Manoel Leite Ferreira e s/m D. Antonia do Espirito Santo, todos desta matriz.

Custódia e Antonio tiveram, q.d.:

4-1-1 Emerenciana, batizada em 25-08-1785.

B7: Igreja Nossa Senhora da Conceição (Carrancas, Minas Gerais) aos 25-08-1785 Emerenciana, f.l. Antonio de Oliveira Ruelas e Custodia da Silva Leite, padr.: Inacio Martins Claro e s/m Maria da Conceição.

4-2 Genoveva, batizada em 12-10-1755. Genoveva da Silva Leite aos 11-02-1782 casou com Manoel Rodrigues Coimbra, filho de Antonio Rodrigues Coimbra e Rosa Maria de Jesus. Manoel casou segunda vez aos 21-09-1807 com Delfina Maria de Jesus, filha de Jerônimo Correa Rangel e Ana Margarida da Silva, família “Antonio Borges”.

B7: Igreja Nossa Senhora da Conceição (Carrancas, Minas Gerais) aos 12-10-1755 cap. Sta Ana, Genoveva, f.l. Inacio da Silva Borges n. S. Sebastião e Izabel da Gloria, np Domingos Borges da Silva e Suzana Leite nts da vila de S. Sebastião Bispado de S. Paulo, nm Antonio Rodrigues do Prado e Francisca Cordeira Lima nts de Taubate Bispado de S.Paulo, padr.: João Gonçalves de Almeida e Ana, solteira filha de Jacomo Fernandes, todos moradores desta.

 

Freguesia de N.S. da Conceição das Carrancas e Sta Ana das Lavras do Funil, aos 11-02-1782 matriz, Manoel Rodrigues Coimbra, f.l. Antonio Rodrigues Coimbra e Rosa Maria de Jesus, n/b Capela do Passa Tempo freguesia da vila de S. Jose; = Genoveva da Silva Leite, f.l. Ignacio Borges e Izabel da Gloria, n/b na freguesia de Lavras

 

4-3 Antonio, em 22-05-1757.

B7: Igreja Nossa Senhora da Conceição (Carrancas, Minas Gerais) aos 22-05-1757 cap. Sta Ana, Antonio, f.l. Inacio da Silva Borges n. da freg. N. Sra da Piedade da Borda do Campo deste bispado e Izabel da Gloria n. freg. S. João del Rei, padr.: João Gonçalves de Almeida, casado e Helena de Moraes.

4-4 Matias da Silva Borges, batizado aos 01-09-1764 em Lavras-MG. Aos 07-05-1787 em S. João del Rei casou com Mariana Joaquina do Sacramento, batizada em Barbacena em 28-12-1763, filha de João Pereira Lisboa, natural da freguesia de S. Pedro dos Teixeiras, Bispado do Porto e Aguida Maria da Conceição natural da Ilha do Pico, neta paterna de Manoel Pereira Cardoso e Ana Teixeira, neta materna de Sebastião Pereira de Oliveira e Luisa Pereira - família “Sebastião Pereira de Oliveira”, neste site.

B7: Igreja Nossa Senhora da Conceição (Carrancas, Minas Gerais) aos 01-09-1764 Matias, f.l. Inacio Borges n/b na freg. de N. Sra da Piedade da Borda do Campo deste bispado de Mariana e Izabel da Gloria n/b na freg. de N. Sra do Pilar da vila de S. João del Rei, padr.:Coadjutor João Gomes Salgado, e  D. Maria Jose, solteira

 

B7: Casamentos - Freguesia de N.S. da Conceição das Carrancas e Sta Ana das Lavras do Funil, aos 07-05-1787 na paroquial de S. João del Rei, Mathias da Silva Borges, f.l. Ignacio da Silva Borges e Izabel da Gloria, n/b freg. Lavras; = cc. Marianna Joaquina do Sacramento, f.l. João Pereira Lixboa e Aguida Maria da Conceição, n/b freg. Borda do Campo

 

B7: Barbacena-MG matriz, aos 15-01-1764 MARIANA nascida aos 28-12-1763, f. de Joze Pereira natural da vila de Teixeira Bispado do Porto e s/m Agueda Maria da Conceição natural da Ilha do Pico, Bispado de Angra, np de Manoel Pereira Cardoso e Anna Teixeira naturais da dita vila de Teixeira, nm de Sebastião Pereira de Oliveira e s/m Luisa Pereira, da dita ilha do Pico. Padr.: Manoel Ferreira Armond e s/m Catherina Maria.

 

          Matias da Silva Borges foi inventariado pela viúva em 01-03-1816 na Fazenda dos Pinheiros do Bom Jardim na Aplicação do Espírito Santo dos Coqueiros da Freguesia de Nossa Senhora das Dores. (inventário disponibilizado no site de Luís Antonio Villas Boas). Compareceram seis filhos:

4-4-1 Mariano José da Silva, com 26 anos em 1816. Em 1831 Mariano comparece no censo, casado e com vários filhos:

censo Coqueiral-MG 1831, fogo 146

Marianno José da Silva, branco, 43, casado, agricultor

Anna Francisca, branca, 40, casada, tecelôna

Antonio Alvares, branco, 8, solteiro,

José da Silva, branco, 6

Joaquim da Silva, branco, 12

Vicente Alvares, branco, 2

Maria Felicianna, branca, 12, solteira,

11 cativos

 

4-4-2 Maria Jacinta da Silva, batizada em 01-05-1794. Aos 12-10-1812 na matriz de Santa Ana das Lavras, casou com Antonio Furtado de Mendonça, filho de João Furtado de Mendonça e Mariana Roza. Antonio foi o tutor de seus cunhados órfãos.

Lavras, MG Igreja Santana bat Lv Suplementos aos 01-05-1794 na matriz bat a Maria, f.l. Matias da Silva Borges e Mariana Joaquina do Sacramento, padr.: Inacio da Silva Borges e Maria Jose.

 

B7: Casamentos - Sta Ana das Lavras do Funil, aos 12 de 8bro de 1812 matriz, Antonio Furtado de Mendonça, f.l. de João Furtado de Mendonça e Mariana Roza de Amor--[lombada]; = cc. Maria Jacinta, f.l. de Mathias da S.ª Borges e Marianna Joaquina do Sacramento. Nts/bts nesta.

Pais de, q.d.:

4-4-2-1 José, batizado em 08-02-1816.

Lavras, MG Igreja Santana bat Lv Suplemento aos 08-02-1816 na capela do Espirito Santo bat a Jose, f.l. Antonio Furtado de Mendonça e Maria Jacinta da Silva morador na capela das Tres Pontas, foram padrinhos Pedro Furtado de Mendonça e Floriana Maria da Silva.

4-4-2-2 Joaquim, batizado em 1816.

Lavras, MG Igreja Santana bat Lv Suplemento no ano de 1816 na capela das Tres Pontas filial de Lavras bat a Joaquim, f.l. Antonio Furtado de Mendonça e Maria Jacinta da Silva, padr.: Francisco Jose Pereira e Mariano Jose da Silva.

4-4-3 Floriana Maria da Silva (ou Borges) batizada em Coqueiral-MG aos 02-11-1795.

“Aos dois de novembro de 1795, na Capela do Divino Espírito Santo dos Coqueiros, então filial das Lavras, o padre João Pereira de Carvalho, batizou e pôs os Santos Óleos a Floriana, filha legítima de Matias da Silva Borges e Mariana Joaquina do Sacramento. Foram padrinhos Luiz de Medeiros e Anacleta Silva Leite, todos desta freguesia que fiz este assento e assinei”  O Vigário Francisco Morato.(pesq. Alda Câmara Bueno de Moraes)

 

Floriana aos 02-07-1816 casou com Rafael da Fonseca Xavier, filho de João da Fonseca Xavier e Tomásia Maria da Silveira

(Certidão disponibilizada por Luiz Alberto Franco Junqueira) Paroquia Boa Esperança-MG, Livro de Casamentos nº 1º fls. 6: "Aos dois de Julho de mil oitocentos e dezesseis nesta Matriz das Dores da Boa Esperança em presença das testemunhas Francisco José Pereira e Antônio Furtado assisti ao sacramento do matrimônio que com palavras de presente celebraram os contraentes RAFAEL DA FONSECA XAVIER, filho legítimo de João da Fonseca Xavier e Tomásia Maria da Silveira, e FLORIANA MARIA DA SILVA, filha legítima de Matias da Silva Borges e Mariana Joaquina do Sacramento, ambos os contraentes naturais e batizados nesta mesma freguesia onde são moradores e logo lhes conferi as bênçãos nupciais; e precederam as três canônicas admoestações, provisão do Ordinário de que mandei fazer este assento que assinei. O Vigário José Francisco Morado".

Em 1831 o casal comparece no censo de Coqueiral com vários filhos:

censo Coqueiral-MG 1831, fogo 143

Rafael da Fonceca Xavier, branco, 42, casado, agricultor

Florianna Maria da Silva, branca, 34, casada, fiandeira

Maria Rita, branca, 12, solteira,

Maria Theodora, branca, 10

Francelina Maria da Silva, branca, 8

José Xavier da Fonceca, branco, 5

Antonio Xavier, branco, 3

Francisco Xavier, branco, 1

 

Antes de seu casamento, Floriana Maria teve filhos de um relacionamento com Francisco Joaquim Villela, então também solteiro conforme o testamento dele, publicado em inteiro teor por José Américo Junqueira de Mattos, "Familia Junqueira", RJ, 2004, fls 923: “Declaro que tenho três filhos naturais havidos antes de todos os matrimônios referidos os quais são: Flavia casada com Francisco José de Lima, Manoel e José nascidos de Floriana da Silva Borges os quais tive sempre por meus filhos e os reconheço por tais e por conseguinte meus herdeiros juntamente com os legítimos de meus matrimônios”. Francisco Joaquim casou depois duas vezes, com geração na família “Villela” Cap. 8º.

 

Filhos naturais de Floriana e Francisco Joaquim: Manoel e José descritos in “A Família Villela” Cap. 8º.

        Floriana e Rafael da Fonseca tiveram, segundo o censo de 1831:

4-4-3-1 Maria Rita, com 12 anos.

4-4-3-2 Maria Teodora, 10 anos.

4-4-3-3 Francelina Maria da Silva, 8 anos.

4-4-3-4 José Xavier da Fonseca, 5 anos.

4-4-3-5 Antonio Xavier, 3 anos.

4-4-3-6 Francisco Xavier, um ano em 1831.

 

4-4-4 Ana Rita da Silva, solteira 14 anos em 1816. Aos 10-05-1823 casou com Albino Alves de Barros, batizado em 26-12-1798, filho de Antonio Alves de Barros e Ana Francisca da Silva.

Boa Esperança, MG Igreja N Sra das Dores matr - aos 10-05-1823 na Cap. do Esp. Santo, Albino Alves de Barros, nat. Santana do Sapucaí, f. de Antônio Alves de Barros e de Ana Francisca da Silva, = cc Ana Rita, nat. de Dores, f. de Matias da Silva Borges e de Mariana Joaquina do Sacramento (pesq. Silvia Buttros).

 

Santana do Sapucai, MG bat, aos 26/Dez/1798, Matriz, Albino, f. de Antônio Alvares de Barros e de Ana Francisca da Silva, moradores no Dourado. Padrinhos: Francisco Pires do Espírito Santo, casado, morador no bairro, e Antônio Maria da Silva (pesq. Silvia Buttros).

 

4-4-5 Mariana Rosa do Sacramento, solteira com 12 anos. Aos 20-04-1822 casou com Joaquim Pereira de Oliveira, filho do Cap. Francisco Pereira de Oliveira e Pulqueria Maria da Conceição.

Boa Esperança, MG Igreja N Sra das Dores matr aos 20-04-1822 Joaquim Pereira de Oliveira, nat. de Dores, f. do Cap. Francisco Pereira de Oliveira e Pulquéria Maria da Conceição = cc Mariana Rosa do Sacramento, nat. de Dores, f. de Matias da Silva Borges e de Mariana Joaquina do Sacramento (pesq. Silvia Buttros).

4-4-6 José, batizado em 09-10-1806. José Joaquim da Silva Borges casou com Maria Florinda de Mendonça

Coqueiral, MG Igreja Divino Espirito Santo aos 09-10-1806 na capela do Espirito Santo filial desta matriz dazs Dores da Boa Esperança então das Lavras bat. a Jose, f.l. Mathias da Silva Borges e Mariana Joaquina, foi padrinho Francisco Pereira, toldos desta freguesia (pesq. Silvia Buttros)

4-5 Luiz, batizado em 18-09-1768.

B7: Igreja Nossa Senhora da Conceição (Carrancas, Minas Gerais) aos 18-09-1768 matriz, Luiz n. aos 08, f.l. Inacio da Silva Borges n. da freg. Borda do Campo e Izabel da Gloria n. da freg. S. João del Rei, padr.: Antonio, solteiro filho de Inacio da Silva Borges, e Maria da Conceição mulher de Inacio Martins Claro.

4-6 Bonifacio, em 29-04-1770

B7: Igreja Nossa Senhora da Conceição (Carrancas, Minas Gerais) aos 29-04-1770 Bonifacio n. aos 20, f.l. Inacio da Silva Borges e Izabel da Gloria, padr.: Padre Manoel Afonso da Cunha Pereira e Ana Quiteria mulher de Jose Bernardes Xavier.

4-7 Ana, em 13-12-1772.

B7: Igreja Nossa Senhora da Conceição (Carrancas, Minas Gerais) aos 13-12-1772 matriz, Ana n. aos 06, f.l. Inacio da Silva Borges e Izabel da Gloria, padr.: Licenciado Amaro Pereira de Araujo, e Ana solteira filha de Jose Bernardes Xavier

4-8 Inácio da Silva Borges, natural das Lagras. Em Barbacena aos 25-02-1786 casou com Josefa Maria da Conceição, filha de José Pereira Lisboa e Agueda Maria da Conceição, já citados, família “Sebastião Pereira de Oliveira”, neste site.

Barbacena, MG Igreja N Sra da Piedade aos 25-02-1786 nesta matriz Inacio da Silva Borges, f.l. de Inacio da Silva Borges e Izabel da Gloria, n/b na freg. das Lavras = cc Josefa Maria da Conceição, f.l. Jose Pereira Lisboa e Agueda Maria da Conceição, natural desta mesma freguesia. Test.: Francisco Antonio Periera e Pedro Antonio de Faria.

4-9 Rita, batizada em 10-11-1776.

Lavras, MG Igreja Santana aos 10-11-1776 nesta matriz bat a Rita f.l. Inacio da Silva Borges e Izabel da Gloria, padr.: Jose de Jesus, Teixeira, solteiro e Ana Maria mulher de Bento de Faria Neves, tia materna da batizada.

5- Maria da Silva Borges (ou Leite), com 18 anos em 1750. Aos 07-08-1754 casou com Francisco Luiz de Medeiros, natural da freguesia de Madalena da Ilha do Pico, filho de Antonio Luiz de Medeiros e Izabel da Rosa; família “Antonio Luiz de Medeiros”.

Pólis 30 - Casamentos da Matriz de Nossa Senhora da Piedade De Barbacena (1752/1755) copiados do Livro E-14(Casamentos 1752/1781) pelo Prof. João Paulo Ferreira de Assis (Ressaquinha-MG). matriz, fls. 15 verso-7 agosto 1754-  Francisco Luis de Medeiros f. Antonio Luis de Medeiros e Isabel da Rosa com Maria da Silva Borges, filha de Domingos Borges da Silva e Susana Leite.

 

          Maria e Francisco Luiz faleceram com testamento e sem geração. Maria em 11-12-1791 e Freancisco em 01-02-1794:

Barbacena, MG aos 11-12-1791 faleceu Maria da Silva Leite mulher de Francisco Luiz de Medeiros. Sepultada dentro da matriz. Fez seu testamento:

(...) eu Maria da Silva faço este meu testamento da forma seguinte: testamenteiros em 1º a meu marido Francisco Luiz de Medeiros, em 2º a Custodio Ferreira da Costa.

Sou n/b nesta freguesia de N. Sra da Piedade da Borda do Campo coimarca da vila de S. João del Rei Bispado de Mariana, f.l. Domingos Borges da Silva e Suzana Leite, ja defuntos.

Sou casada com Francisco Luiz de Medeiros e de entre nós não houve filhos e nem tenho herdeiros ascendentes nem descendentes.

Deixo de esmola a Ana Maria, que criei em minha casada, e esta casada com João Rodrigues, uns brincos de ouro e um laço de ouro.

Instituo por herdeiro no restante de meus bens a meu marido Francisco Luiz de Medeiros.

Roguei a Tiburcio Botelho Pinto que meu testamento escrevesse e como testemunha assinasse e eu me assino com meu sinal de que uso. q é uma cruz. 16-04-1791 (...). E logo se seguia a aprovação deste testamento (...) e não se continha mais no dito testamento ao qual me reporto. Vila de Barbacena 12-12-1791.

 

B7: óbitos - Igreja Nossa Senhora da Piedade (Barbacena-MG) aos 01-02-1794 fal. Francisco Luiz de Medeiros, viuvo que ficou de Maria da Silva. Fez seu testamento.

(...) aos 15-06-1792 em casa de minha morada nesta vila de Barbacena, eu Francisco Luis de Medeiros, natural de Madalena, por me dizerem meus pais, e viuvo de Maria da Silva, sem filhos.

Minha sobrinha Maria, filha de minha irmã Anna Maria 40$000 réis;

 

6- Tomás da Silva Leite, com 17 anos em 1750.

 

7- Gertrudes da Silva Leite, com 15 anos. Casou com José Pereira da Fonseca, natural da freguesia de S. Nicolau Bispado do Porto, filho de Agostinho Pereira da Fonseca e Maria Guedes.

          Pais de, q.d.:

7-1 Angélica Pereira da Fonseca casou com José Soares Coelho, portugues, filho de Antonio Pereira Guedes e Leonarda Caetana Soares.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG, cas. no anno de 1768 pouco mais ou menos, na capela da Sra. do Rosario da Alagoa - Jose Soares Coelho, natural do reino de Portugal e Angelica Pereira de Affonseca, f.l. de Joseph Pereira d'Affonseca e Gertrudes da Silva Leite, n. e b. na freg. de Barbacena.testemunhas: cap. Jacintho Borges Pinto e Joseph Soares Maya, segundo me informarão Agostinho Pereira d'Affonseca e que tambem assistio e Joseph de Soisa Martins por saber pelos conhecer casados.

Pais de, q.d.:

7-1-1 Josefa Matildes de São José, batizada aos 29-09-1766. Em 23-03-1785 casou com José Borges de Azevedo, natural de Santa Marinha Bispado do Porto, filho de João de Azevedo Borges e Quitéria Borges.

Aiuruoca, MG aos 29-09-1766 na Capela da Sra do Rosario da Alagoa bat a Josefa, f.l. de Jose Soares Coelho e Angelica Pereira da Fonseca, q nasceu em 17(?) do dito mes; foram padrinhos Antonio Jose -----

 

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG, cas. aos 23 março 1785 Jose Borges e Josefa Metildes. test.: Manoel Teixeira Martins e Francisco Ribeiro Guimarães.

Ele f.l. de João de Azevedo Borges e Quiteria Borges, n. de Santa Marinha, bispado do Porto.

Ela f.l. de Jose Soares Coelho e Angelica Pereira, n. e b. nesta freg.

 

         Jose Borges teve com sua cunhada Maria Angélica uma filha extra-conjugal citada em 7-1-4 abaixo. E com sua legitima mulher, Josefa Matildes, os filhos q.d:

7-1-1-1 Ana Borges de São José, batizada aos 22-12-1785 em Aiuruoca onde aos 09-05-1801 casou com Antonio Moreira de Andrade, natural da freguesia de S. Pedro de Ataíde Bispado do Porto, filho de Manoel de Andrade e Jacinta Maria Bravo.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 22 dezembro 1785 Rosario, Anna, f.l. de Jose Borges de Azevedo e Josefa Amatilde.

 

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG, cas. Lagoa - aos 09 maio 1801 Antonio Moreira de Andrade, f. de Manoel de Andrade e Jacinta Maria Bravo, n. e b. freg. de S. Pedro de Ataide, com. de Penafiel, bispado do Porto; c/ Anna Borges de S. Joseph, n. e b. freg. Aiuruoca, f.l. do alf. Joseph Borges de Azevedo e Josefa Mitildes de São Jose.

          Ana já era falecida em 1856 quando Alferes Antonio e filhos registram terras em Resende-RJ:

N. Sra. da Conceição do Campo Alegre, Resende - RJ, lv. 67 fls. 57, 82- Antonio Moreira de Andrade, um sitio no Salto da Boa Vista, por compra a diversos, e depois do inventario pelo falecimento de minha mulher d. Anna Borges de S. Jose, cujas terras me tocou na minha meação. Confronta com: a viuva e herdeiros de Victoriano Correa da Costa, com Pedro Antonio de Almeida e com meus herdeiros, na fazenda que foi de Antonio de Queiros Barreto, e Antonio Soares Louzada, e Manoel Bernardes de Magalhaens. Mais um pedaço de terra no lugar o Sorocabano, Sedro, divisando com Braz Nogueira Fragozo, viuva de Antonio da Silva, Antonio Soares Louzada, viuva de Jose Rodrigues e Manuel Francisco.

Uma parte em comum nas terras da viuva d. Marianna Francisca do Espirito Sancto e seus herdeiros, e Manoel Bernardes de Magalhaes. 15 jan 1856.

7-1-1-1-1 Antonio Moreira de Andrade (filho), procurador de seus irmãos no registro de terras:

N. Sra. da Conceição do Campo Alegre, Resende - RJ, lv. 67 fls. 58, 83- Antonio Moreira de Andrade, por mim e como procurador de meus irmãos João Moreira e Jose Moreira, e d. Jacintha Maria das Dores, e Manoel Bernardes de Magalhaens, possuimos umas terras no lugar Boa Vista, que houve por herança de nossa mãe d. Anna Borges de S. Jose. 15 jan 1856.

 

idem, fls. 59/60, 86 Antonio Moreira de Andrade Filho, por mim e procurador de meus irmãos João Moreira e Jose Moreira, e d. Jacintha Maria das Dores, e Manoel Bernardes de Magalhaens, possuimos umas terras no lugar Boa Vista, que houve por herança de nossa mãe d. Anna Borges de S. Jose. 15 jan 1856.

7-1-1-1-2 João Moreira, batizado em Aiuruoca em 13-08-1809.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 13 agosto 1809 matriz, João, f.l. do alf. Antonio Moreira de Andrade e Anna Borges de São Joseph, padr.: Antonio Theodoro de Araujo e Ignacia Borges de São Joseph.

7-1-1-1-3 José Moreira, em 12-10-1823.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG aos 12 out 1823, Livramento, JOZE, f.l. do alf. Antonio Moreira de Andrade e Anna Borges de Sam Jose; padr.: Antonio Ferreira Alves morador --- do Rio por seu procurador ten. Jeronimo de Arantes Marques e Maria Theodora cc.

7-1-1-1-4 Jacinta Maria das Dores aos 20-06-1834 em Resende-RJ casou com Luiz Pinto Nogueira, viúvo de Maria Nogueira. Com geração.

20-06-1834 na Matriz de Resende pelo Vigario Antonio Maria Ribas Sandim, Luiz Pinto Nogueira, viuvo de Maria Nogueira; = cc. Jacinta Maria (das Dores), n. Aiuruoca Bisp. de Minas, f.l. Alferes Antonio Moreira de Andrade e Ana Borges de São Jose; test.: Antonio da Rocha Miranda e Silva Maximo Jose Pinto (acervo Itamar Bopp - 1588)

 

N. Sra. da Conceição do Campo Alegre, Resende - RJ, lv. 67 fls. 59, 84- Jacintha Maria das Dores, no lugar Fortaleza, por compra a Jose Theodoro Bizio. 15 jan 1856, a rogo de minha mãe d. Jacintha Maria das Dores, Jose Pinto Nogueira.

7-1-1-1-5 Manoel, batizado em Aiuruoca em 08-01-1818.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 08 janeiro 1818 Alagoa, MANOEL, f.l. do alf. Antonio Moreira ---- e Anna Borges de São Jose; padr.: cap. Manoel Ribeiro de Carvalho e d. Maria Victoria Nogueira.

7-1-1-1-6 Angélica, em 21-11-1819.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG aos 21 nov 1819 matriz de Baependi, ANGELICA, f.l. do alf. Antonio Moreira de Andrade e Anna Borges de Sam Jose, fregueses desta matriz; padr.: ten. cel. Joaquim Silveri de Castro Souza Medrado e d. Angelica Candida Rodrigues, fregueses estes desta villa.

7-1-1-1-7 Aurea Jesuina de Andrade aos 16-02-1834 casou com José Pinto, filho do Alf. Manoel Pinto Cabral e Ana Maria da Conceição.

16-02-1834 em Resende pelo Padre Antonio M.ª Ribas Sandim. Maximo Jose Pinto, n/b nesta freguesia, f.l. Alferes Manoel Pinto Cabral e Ana Maria da Conceição; = cc. Auria Jesuina de Andrade, f.l. Alferes Antonio Moreira de Andrade e Ana Borges de São Jose (acervo Itamar Bopp - 1664)

7-1-1-1-8 Ana Esméria do Sacramento aos 12-03-1840 em Resende casou com Manoel Pereira de Azevedo Castro, portugues, filho de Antonio Pereira dos Reis e Ana Cutódia. Com geração.

12-03-1840 na Matriz de Resende pelo Vigario Jose Marques da Motta. Manoel Pereira de Azevedo Castro, n. de Portugal, f.l. Antonio Pereira dos Reys e Ana Custodia; = cc. Ana Esmeria do Sacramento, n. freg. das Minas, f.l. Antonio Moreira de Andrade e Ana Borges (acervo Itamar Bopp - 1924)

 

N. Sra. da Conceição do Campo Alegre, Resende - RJ, lv. 67 fls. 41, 57- Anna Esmeria do Sacramento Castro, como tutora de Manoel de Azevedo Castro e Anna Silveria do Sacramento Castro, tendo seus tutelados  no lugar Ferrer, por herança que deixou o finado Manoel Pereira de Azevedo Castro. 12 jan 1856, a rogo, Jose Pereira de Azevedo Castro.

7-1-1-1 Ana Borges de São José, batizada aos 22-12-1785 em Aiuruoca onde aos 09-05-1801 casou com Antonio Moreira de Andrade, natural da freguesia de S. Pedro de Ataíde Bispado do Porto, filho de Manoel de Andrade e Jacinta Maria Bravo.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 22 dezembro 1785 Rosario, Anna, f.l. de Jose Borges de Azevedo e Josefa Amatilde.

 

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG, cas. Lagoa - aos 09 maio 1801 Antonio Moreira de Andrade, f. de Manoel de Andrade e Jacinta Maria Bravo, n. e b. freg. de S. Pedro de Ataide, com. de Penafiel, bispado do Porto; c/ Anna Borges de S. Joseph, n. e b. freg. Aiuruoca, f.l. do alf. Joseph Borges de Azevedo e Josefa Mitildes de São Jose.

          Ana já era falecida em 1856 quando Alferes Antonio e filhos registram terras em Resende-RJ:

N. Sra. da Conceição do Campo Alegre, Resende - RJ, lv. 67 fls. 57, 82- Antonio Moreira de Andrade, um sitio no Salto da Boa Vista, por compra a diversos, e depois do inventario pelo falecimento de minha mulher d. Anna Borges de S. Jose, cujas terras me tocou na minha meação. Confronta com: a viuva e herdeiros de Victoriano Correa da Costa, com Pedro Antonio de Almeida e com meus herdeiros, na fazenda que foi de Antonio de Queiros Barreto, e Antonio Soares Louzada, e Manoel Bernardes de Magalhaens. Mais um pedaço de terra no lugar o Sorocabano, Sedro, divisando com Braz Nogueira Fragozo, viuva de Antonio da Silva, Antonio Soares Louzada, viuva de Jose Rodrigues e Manuel Francisco.

Uma parte em comum nas terras da viuva d. Marianna Francisca do Espirito Sancto e seus herdeiros, e Manoel Bernardes de Magalhaes. 15 jan 1856.

7-1-1-1-1 Antonio Moreira de Andrade (filho), procurador de seus irmãos no registro de terras:

N. Sra. da Conceição do Campo Alegre, Resende - RJ, lv. 67 fls. 58, 83- Antonio Moreira de Andrade, por mim e como procurador de meus irmãos João Moreira e Jose Moreira, e d. Jacintha Maria das Dores, e Manoel Bernardes de Magalhaens, possuimos umas terras no lugar Boa Vista, que houve por herança de nossa mãe d. Anna Borges de S. Jose. 15 jan 1856.

 

idem, fls. 59/60, 86 Antonio Moreira de Andrade Filho, por mim e procurador de meus irmãos João Moreira e Jose Moreira, e d. Jacintha Maria das Dores, e Manoel Bernardes de Magalhaens, possuimos umas terras no lugar Boa Vista, que houve por herança de nossa mãe d. Anna Borges de S. Jose. 15 jan 1856.

7-1-1-1-2 João Moreira, batizado em Aiuruoca em 13-08-1809.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 13 agosto 1809 matriz, João, f.l. do alf. Antonio Moreira de Andrade e Anna Borges de São Joseph, padr.: Antonio Theodoro de Araujo e Ignacia Borges de São Joseph.

7-1-1-1-3 José Moreira, em 12-10-1823.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG aos 12 out 1823, Livramento, JOZE, f.l. do alf. Antonio Moreira de Andrade e Anna Borges de Sam Jose; padr.: Antonio Ferreira Alves morador --- do Rio por seu procurador ten. Jeronimo de Arantes Marques e Maria Theodora cc.

7-1-1-1-4 Jacinta Maria das Dores aos 20-06-1834 em Resende-RJ casou com Luiz Pinto Nogueira, viúvo de Maria Nogueira. Com geração.

20-06-1834 na Matriz de Resende pelo Vigario Antonio Maria Ribas Sandim, Luiz Pinto Nogueira, viuvo de Maria Nogueira; = cc. Jacinta Maria (das Dores), n. Aiuruoca Bisp. de Minas, f.l. Alferes Antonio Moreira de Andrade e Ana Borges de São Jose; test.: Antonio da Rocha Miranda e Silva Maximo Jose Pinto (acervo Itamar Bopp - 1588)

 

N. Sra. da Conceição do Campo Alegre, Resende - RJ, lv. 67 fls. 59, 84- Jacintha Maria das Dores, no lugar Fortaleza, por compra a Jose Theodoro Bizio. 15 jan 1856, a rogo de minha mãe d. Jacintha Maria das Dores, Jose Pinto Nogueira.

7-1-1-1-5 Manoel, batizado em Aiuruoca em 08-01-1818.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 08 janeiro 1818 Alagoa, MANOEL, f.l. do alf. Antonio Moreira ---- e Anna Borges de São Jose; padr.: cap. Manoel Ribeiro de Carvalho e d. Maria Victoria Nogueira.

7-1-1-1-6 Angélica, em 21-11-1819.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG aos 21 nov 1819 matriz de Baependi, ANGELICA, f.l. do alf. Antonio Moreira de Andrade e Anna Borges de Sam Jose, fregueses desta matriz; padr.: ten. cel. Joaquim Silveri de Castro Souza Medrado e d. Angelica Candida Rodrigues, fregueses estes desta villa.

7-1-1-1-7 Aurea Jesuina de Andrade aos 16-02-1834 casou com José Pinto, filho do Alf. Manoel Pinto Cabral e Ana Maria da Conceição.

16-02-1834 em Resende pelo Padre Antonio M.ª Ribas Sandim. Maximo Jose Pinto, n/b nesta freguesia, f.l. Alferes Manoel Pinto Cabral e Ana Maria da Conceição; = cc. Auria Jesuina de Andrade, f.l. Alferes Antonio Moreira de Andrade e Ana Borges de São Jose (acervo Itamar Bopp - 1664)

7-1-1-1-8 Ana Esméria do Sacramento aos 12-03-1840 em Resende casou com Manoel Pereira de Azevedo Castro, portuggues, filho de Antonio Pereira dos Reis e Ana Cutódia. Com geração.

12-03-1840 na Matriz de Resende pelo Vigario Jose Marques da Motta. Manoel Pereira de Azevedo Castro, n. de Portugal, f.l. Antonio Pereira dos Reys e Ana Custodia; = cc. Ana Esmeria do Sacramento, n. freg. das Minas, f.l. Antonio Moreira de Andrade e Ana Borges (acervo Itamar Bopp - 1924)

 

N. Sra. da Conceição do Campo Alegre, Resende - RJ, lv. 67 fls. 41, 57- Anna Esmeria do Sacramento Castro, como tutora de Manoel de Azevedo Castro e Anna Silveria do Sacramento Castro, tendo seus tutelados  no lugar Ferrer, por herança que deixou o finado Manoel Pereira de Azevedo Castro. 12 jan 1856, a rogo, Jose Pereira de Azevedo Castro.

7-1-1-1-9 Maria Cândida Moreira, natural de Aiuruoca, casou com Manoel  José da Cunha Braga, natural de Braga e filho de Manoel José da Cunha e Teodora Maria Vieira.

          Entre seus filhos:

7-1-1-1-9-1 Joaquim, batizado em Reswende aos 24-02-1834.

24-02-1834 pelo Vig. Antonio Maria Ribas Sandim, Joaquim, f.l. Manoel Jose da Cunha Braga, n. de Braga Portugal e Maria Candida Moreira, n. de Aiuruoca; np Manoel Jose da Cunha e Theodora Maria Vieira; nm Antonio Moreira de Andrade e Anna Borges de S. Jose; padr.: Jose Joaquim da Cunha Vieira e Jacintha Maria das Dores (acervo Itamar Bopp - 1598)

7-1-1-1-10 Francisca Moreira de Andrade aos 26-09-1850 casou com João Damasceno Costa, viúvo de Francisca Antonia do Nascimento. Com geração

26-09-1850 em Resende pelo Vig. Ignacio Ferreira Franco, João Damasceno Costa, viuvo de Da. Francisca Antonia do Nascimento sepultada em Santo Antonio do Monte-MG; = cc. Da. Francisca Moreira de Andrada, n/b nesta freguesia, f.l. do Alferes Antonio Moreira de Andrade e Da. Ana Borges de São Jose, test.: Francico de Paula Meneses e Antonio Moreira de Andrade (acervo Itamar Bopp - 2337)

 

7-1-1-2 Beralda Borges de São José em Aiuruoca aos 12-12-1809 casou com José Bernardo de Magalhães, natural da freguesia de S. Vitor termo de Barcelos, filho de João de Magalhães e Izabel Maria Ferreira.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG, cas. aos 12 dez 1809 cap. Alagoa - Joseph Bernardo de Magalhaens, f.l. de João de Magalhaens e Isabel Maria Ferreira, n. e b. freg. de S. Victor, arc. Barcelos; c/ Berarda Borges de S. Joseph, f.l. do cap. Joseph Borges d'Azevedo e d. Josepha Mathildes de S. Joseph, n. e b. nesta freg.

Pais de, q.d.:

7-1-1-2-1 Inácia, batizada aos 01-01-1811

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 01 janeiro 1811 Rosario da Alagoa, IGNACIA, f.l. de Jose Bernardes Magalhães e de Berarda Borges de São Jose; padr.: cap. Jose Borges de Azevedo e d. Maria Victoria Moreira.

7-1-1-2-2 Ana, aos 02-02-1812.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 02 fev 1812 Rosario da Alagoa, ANNA, f.l. de Jose Bernardes de Magalhaens e Berarda Borges que em necessidade foi bat. pelo cap. Joze Borges de Azevedo q. assistiu como padrinho.

7-1-1-2-3 Maria, aos 02-02-1812

B7: Igreja Católica, N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 02 fev 1812 Rosario da Alagoa, MARIA, f.l. de Jose Bernardes de Magalhaens e Berarda Borges que em necessidade foi bat. pelo cap. Joze Borges de Azevedo q. assistiu como padrinho.

7-1-1-2-4 José, em 02-02-1817

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 02 fev. 1817 Alagoa, JOSE, f.l. de Jose Bernardes de Magalhaens e Berarda Borges; padr.: alf. Antonio Moreira de Andarde e Marciana Moreira de Andrade

 

7-1-1-3 Maria Borges de São José casou com Antonio Teodoro de Carvalho. Pais de, q.d.:

7-1-1-3-1 Antonio, batizado em Janiro de 1825. Padrinho o avô materno.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - aos dese--- de janeiro 1825, Livramento, ANTONIO, f.l. de Antonio Theodoro de Carvalho e Maria Borges de S. José, padr.: cap. Jose Borges d'Azevedfo, viuvo, avô materno do baptizado, e Ignacia Maria de Sancta Anna, solteira.

7-1-1-3-2 Josuina, em 24-01-1834.

B7: Igreja Católica, N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos aos 24-1-1834 matriz, JOSUINA, f.l. de antonio Theodoro de Carvalho e Maria Borges, padr.: Boaventura da Rosa e Maria Brigida mulher de Salvador Vieira.

7-1-1-4 Luciana Borges do Rosario aos 07-02-1806 casou com Manoel Antonio de Andrade natural de S. Pedro de Ataíde Bispado do Porto, irmão inteiro de Antonio Moreira de Andrade citado em 7-1-1-1.

Manoel Antonio de Andrade, 2º nome, n. S. Pedro Ataide, f.l. Manoel Antonio de Andrade e Jacinta Maria Babo; = cc. Aiuruoca em 07-02-1806 com Luciana Borges Rosario, n. Aiuruoca, f. do Alferes Jose Borges de Azevedo e Josefa Matildes. (acervo Itamar Bopp - 1588v)

          Entre seus filhos:

7-1-1-4-1 Jacinta, batizada em Aiuruoca em 01-01-1819.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG -- batismos aos 01 jan 1819 (desordenado) alagoa, JACINTA, f.l. de Manoel Antonio de Andrade e Luciana ---- de São Joze; padr.: Antonio Guimarães de A---- e d. Anna Nogueira.

 

7-1-1-5 Inácia Borges de São José, com 17 anos em 1809 quando habilitou-se pelo impedimento de afinididade ilícita em 1º e também 2º grau para casar com José Joaquim Pinto. Jose Joaquim, com apenas 21 anos, já acumulava “atos ilícitos” tanto com Florinda, irmã paterna de Inácia, como também com a mãe dela, Maria Angélica que era tia materna da mesma Inácia e cunhada de seu pai, 7-1-2 abaixo.

Processo Matrimonial - Aiuruoca-MG - Livro Misto 1800-1854

www.familysearch.org (record search pilot)

Data: 08-02-1809

Oradores: Jose Joaquim Pinto e D. Inacia Borges de São José

Orador: homem branco, solteiro, n/b nesta freguesia onde vive de roça, 21 anos,

Impedimentos: afinidade ilicita em 2º grau da linha colateral pq o orador conhecera carnalmente uma prima-irmã uterina e a uma tia da oradora e tambem assim afidinidade em 1º grau da linha colateral, por isso pq a referida prima-irmã uterina da oradora é filha do pai desta:

Q. de Jose Soares e de Angelica Pereira da Fonseca procederam D. Josefa Matildes de S. Jose e Maria Angelica.

Q. D. Josefa Matildes de S.Jose cc Cap. Jose Borges de Azevedo de quem proveio a oradora.

Q. o Cap. Jose Borges de Azevedo se dispusera a ter atos ilicitos com Maria Angelica irmã inteira de D. Josefa sua mulher; q; deste ato ilicito tiveram o Cap. Jose Borges e Maria Angelica uma filha por nome Florinda.

Q. o orador Jose Joaquim Pinto teve carnal com a dita Florinda e sua mãe Maria Angelica.

 

Oradora: D. Inacia Borges de São Jose, solteira, branca, n/b nesta aplicação de N. Sra do Rosario filial da freg, de N. Sra da Conceição da Aiuruoca, que vive de sua custura, de idade de 17 anos.

Testemunhas

- Jose Antonio de Mattos, homem branco, casado, n/b na vila de S. João del Rei, 63 anos, assistente nesta freguesia onde vive de negocio de fazenda seca, aos costumes disse nada.

Conheceu a José Soares cc Angelica Pereira da Fonseca de que procederam D. Josefa Matildes de S. Jose e Maria Angélica.

D. Josefa Matildes de S. Jose cc Cap. Jose Borges de Azevedo de quem procedera a oradora.

(...) ouvira dizer que o orador Jose Joaquim Pinto tivera cópula ilícita não só com a dita Florinda, mas tambem com sua mãe Maria Angelica (...) vinha a ter impedimentos afins em 2º grau com a oradora D. Inacia de tia para com sobrinha e de primas.

Que sendo Florinda filha do Cap. Jose Antonio de Azevedo vem a ser irmã da oradora por onde se acha a oradora tambem impedida em 1º grau de irmãs.

Sabe que Jose Soares foi cc Angelica Pereira da Fonseca e destes procedeu D. Josefa Matildes de S. Jose e Maria Angelica.

De D. Josefa Matildes de S. Jose cc Cap. Jose Borges de Azevedo de cujos procede a oradora D. Inacia.

Que o Cap. Jose Borges de Azevedo tivera atos ilicitos com Maria Angelica irmã inteira de D. Josefa Matildes de S. Jose sua mulher. Que deste ato ilicito teve o dito Cap. Jose Borges de Azevedo com Maria Angelica uma filha por nome Florinda

Tivera noticia que uma irmã da oradora D. Ana Borges de São Jose casada com o Alf. Antonio Moreira, levara a dita oradora para sua casa, e que estes tiveram dois dias, motivo este dos malevolos criticarem os oradores, mas que não sabia se tiveram atos ilicitos,

 

7-1-2 Maria Angélica, batizada em 18-01-1771.

Aiuruoca, MG aos 18-01-1771 na Capela da Sra do Rosario da Alagoa bat a Maria, f.l. de Jose Soares Coelho e Angelica Pereira, q nasceu em 5 do mesmo mes; foram padrinhos Miguel Roiz Fe--- e D. Brigida Maria da Conceição.

         Com seu cunhado Capitão José Borges de Azevedo (7-1-1 supra) teve a filha:

7-1-2-1 Florinda. Esta e a mãe citadas na dispensa de 7-1-1-5 supra: “Q. o Cap. Jose Borges de Azevedo se dispusera a ter atos ilicitos com Maria Angelica irmã inteira de D. Josefa sua mulher; q; deste ato ilicito tiveram o Cap. Jose Borges e Maria Angelica uma filha por nome Florinda.”

7-1-3 Antonio Pereira Guedes, batizado em 08-10-1773. Em 30-07-1794 casou com Joaquina do Espírito Santo, filha de José Bartolomeu Rodrigues Braga e Francisca Xavier Barbosa - família Sargento Mor José Rodrigues Braga, neste site.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 08 out 1773 Rosario da Lagoa, ANTONIO, f.l. de Jose Soares Coelho e Angelica Pereira da Fonseca; np Antonio Pereira Guedes e Leonarda Caetana Soares naturais da freg. de Sta. Maria da Frenda conc. de Beyam com de SobCamaga bisp Porto; nm Jose Pereira da Fonseca n. freg. Borda do Campo digo freguesia de San Nicolao, com. e bisp. do Porto e Gertrudes da Sylva Leite n. da freg. da Borda do Campo; padr.: cap. Jacinto Borges Pinto solteiro, e d. Brigida Maria da Conceipsam viuva.

 

Aiuruoca, MG- Antonio Pereira Guedes e Joaquina do Espirito Santo - aos 30-07-1794 na Capela da Lagoa desta freguesia onde os contraentes são moradores e testemunhas Francisco Ribeiro Magalhães e o Cap. Jose Henriques de Carvalho, se casaram Antonio Pereira Guedes, f.l. de Jose Soares Coelho e de Angelica Pereira da Fonseca = E Maria Joaquina Coelho, digo Joaquina do Espirito Santo, f.l. de Jose Bartolomeu Rodrigues Braga e de Francisca Xavier Barbosa. Ambos naturais e batizados nesta freguesia.

 

7-1-4 Tomé, em 20-11-1776

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG - batismos- aos 20 nov 1776 Rosario da Lagoa, THOME, f.l. de Jose Soares Coelho, n. freg. Santa Marianha do Zezere con Bayam bisp. Porto e Angela Pereira da Foncequa n. freg. Borda do Campo deste bispado; padr.: Vicente Marques Ferreira solteiro e Maria da Assumpção mulher de Pedro de Soisa Rego.

7-1-5 Mariana, em 27-08-1780.

Aiuruoca, MG aos 27-08-1780 n a Capela da Sra do Rosario da Alagoa bat a Mariana, f.l. de Jose Soares Coelho e Angelica Pereira da Fonseca; foram padrinhos Manoel Fernandes ------------, solteiro e Ana Pereira da Fonseca, solteira.

 

7-2 Inácio, batizado na matriz de Barbacena aos 01-08-1756,

B7: batismos  Barbacena (1748-1762) -. matriz aos 01-08-1756 IGNACIO nascido aos 24-07, f.l. de José Pereira da Fonseca natural da cidade do Porto da freguesia de S. Nicolau e s/m Gertrudes da Silva Leite natural desta; np de Agostinho Pereira da Fonseca e s/m Maria Guedes naturais de Santa Maria de Frende (?) Com. de Da--am (?); nm de Domingos Borges da Silva natural da Ilha de S. Sebastião Bispado do R. de Janeiro e s/m Susana Leite natural da vila de Taubaté Bispado de S. Paulo. Padr.: Antonio de Faria da Silva, solteiro, e Joanna da Conceição mulher de Jeronimo da Costa.

7-3 Agueda Pereira da Fonseca, batizada em 02-07-1763, casou duas vezes. Em Aiuruoca aos 05-02-1783 casou com Francisco Joaquim de Barros, também referido como Francisco Furquim, filho de Antonio Furquim da Luz e Antonia do Sacramento. Geração na família “Antonio Furquim da Luz”.

Aiuruoca, MG aos 02-07-1763 na capela da Alagoa bat a Agada, f.l. de Jose Pereira da Fonseca e Gertrudes da Silva, foram padrinhos Jose Pinto de Miranda.

 

Aiuruoca, MG aos 05-02-1783 nesta matriz se receberam Francisco Joaquim de Barros, f.l. do Alf. Antonio Furquim da Luz e de Antonia do Sacramento = Com Agueda Pereira da Fonseca, f.l. de José Pereira da Fonseca e de Gertrudes [-----------] da Silva.

          Segunda vez em aos 17-07-1804, Agueda casou com Manoel Ramos da Silva, viúvo de Ana Joaquina da Silva falecida em 1803 e inventariada em 1805.

B7: Igreja N.Sra. da Conceição, Aiuruoca, MG, cas. aos 17 jul 1804 matriz de Baependi - alf. Manoel Ramos da Silva, viuvo de Anna Joaquina, morador na freg. de Pouso Alto; c/ D. Agueda Pereira da Affonseca, f. de Joseph Pereira d'Affonseca e Gertrudes Leite da Silva, n. b. e moradora nesta freg. de Aiuruoca.

Manoel Ramos da Silva e Ana Joaquina tiveram 4 filhos, idades em 1805: Tome, 9 anos, José, 8 anos, Maria, 7 anos, Felix, 5 anos.

Centro de Documentação e Memória Luis Barcellos de Toledo - Cristina, MG.

Pesq. Cristiano Corte Restitutti

Inventariada Ana Joaquina da Silva - ano 1805

Inventariante Manoel Ramos da Silva, viuvo.

Local Ribeirão do Carmo, Pouso Alto [Carmo] - Campanha

Faleceu em 1803

Herdeiros 4 filhos

1- Tome, 9 anos

2- Jose, 8 anos

3- Maria, 7 anos

4- Felix, 5 anos

7-4 Ana Pereira da Silva, natural de Aiuruoca onde aos 02-09-1794 casou com Alexandre de Brito, natural de de S. Vicente de Tavora Comarca de Valença Arc. Braga, filho de Antonio Rodrigues Bixo e de Luiza de Amorim

Aiuruoca, MG aos 02-09-1794 nesta matriz se receberam Alexandre de Brito --irio, f.l. de Antonio Rodrigues Bixo e de Luiza de Amorim, nat/bat na freguesia de S. Vicente de Tavora Comarca de Valença Arc. Braga = e Ana Pereira da Silva, f.l. de Jose Pereira da Fonseca e Gertrudes da Silva, n/b nesta freguesia da Aiuruoca.

 

8- Manoel, batizado em 12-03-1738. Com 13 anos em 1850

B7: batismos, Barbacena-MG, aos 12-03-1738, MANOEL, f. de Domingos Borges da Silva e de s/m Suzana Leite, padr.: Jose de Paiva de Alm.da e Roza de Oliveira filha de Antonio de Faria

 

9- Helena da Silva Leite, batizada em 08-05-1740. Aos 24-09-1755 casou com João Martins Leal, natural da freguesia de N. Sra da Ajuda de Peniche Patriarcado de Lisboa, filho de Manoel Martins e Domingas Henriques.

B7: batismos, Barbacena-MG, aos 08-05-1740 ILENA, fa. de Domingos Borges da Silva e s/m Suzana Leite, padr.: Manoel Gomes e Maria Correa, solteira, fa. de Simão Ayres.

 

B7: batismos, Barbacena-MG, aos 08-05-1740 ILENA, fa. de Domingos Borges da Silva e s/m Suzana Leite, padr.: Manoel Gomes e Maria Correa, solteira, fa. de Simão Ayres.

 

Barbacena, MG aos 24-09-1755 na capela de St. Antonio da Bertioga filial desta matriz se receberam João Martins Leal, n/b na freguesia de N. Sra da Ajuda de Peniche do Patriarcado de Lisboa, f.l. de Manoel Martins e de s/m Domingas Henriques = Com Elena da Silva, n/b nesta freguesia, f.l. de Domingos Borges da Silva e de s/m Suzana Leite. Test.: Lizardo Jose Franco e Damião Glz Pereira, moradores nesta freguesia.

             Helena testou em 13-03-1804 e faleceu em 22-07-1808. Estava casada com José Marques da Costa. Teve filha única do primeiro matrimônio.

Barbacena, MG aos 22-07-1808 faleceu Helena da Silva Leite, casada com Jose Marques da Costa; seu corpo foi conduzido para a vila de S. João del Rei e sepultado em sep. da Ordem Terceira de S. Francisco.

Testamento: eu Helena da Silva Leite, sou nat/bat nesta freguesia de Barbacena, f.l. de Dom.os Borges da Silva e de s/m Suzana Leite, ja falecidos. Fui casada a primeira vez com João Miz Leal de cujo matrimonio nasceu uma filha por nome Fran.ca que se acha casada com Jose Sotero Ribeiro dos Santos, e bem q pelas ingratidões q a dita minha filha e genro comigo tem praticado propondo contra mim e meui segundo marido pleitos injustos e injuriosos, tinha eu toda razão para os deserdar de minha herança; contudo eu lhes perdoo para q Deus tambem perdoe os meus pecados, e como minha filha única instituo minha universal herdeira nas duas partes de meus bens da minha mealção q liquuidamente se achar de pois de pagas todas as dividas do meu casal.

Sou casada segunda vez com Jose Marques da Costa a quem tambem instituo legatario e herdeiro dos bens da minha terça de tudo o que dela restar depois de compridos os meus legados e disposições.

Testamenteiros em 1º a meu marido Jose Marques da Costa, em 2º Cap. Jacinto Glz Campos, em 3º Manoel Jose Pereira.

Declaro que a dita minha filha e genro se acham pagos de sua legitima paterna

Vila de Barbacena 13-03-1804.

          José Marques casou segunda vez em São João del Rei aos 11-07-1810 com Inacia Maria Rosa, filha de Manoel Fernandes Lombão e Maria de Mattos, família “Maria de Mattos”.

 

Helena e João Martins Leal tiveram a filha única:

9-1 Francisca, batizada em 15-04-1772. Em 1804 estava casada com José Sotero Ribeiro dos Santos.

Barbacena, MG aos 15-04-1772 na Capela de Santo Antonio da Bertioga bat a Francisca, f.l. de João Miz Leal e Elena da Silva, foram padrinhos Domingos Fagundes, solteiro viandante por pp q apresentou Matheus da Silva Borges, e Suzana Leite, viúva.

 

10- Matias da Silva Borges (ou Borges da Silva), batizado em 14-07-1742, com 8 anos em 1750.

Barbacena, MG aos 14-07-1742 bat a Matias, f.l. de Domingos Borges da Silva, n. da Vila de S. Sebastião e de Susana Leite, n. da vila de Taubate ambas do Bispado do Rio de Janeiro; foram padrinhos o Sarg. Mor Manoel Roiz Per.ª e madrinha sua mulher D. Francisca Xavier.

          Aos 30-05-1766 casou com Francisca do Sacramento, batizada aos 19-12-1747 em Carrancas, filha de Manoel Coelho da Costa, portugues casado em Carrancas-MG aos 10-05-1734 com Francisca do Couto Monteira, natural de Santos-SP, neta paterna de Antonio Luiz e Luzia da Costa, neta materna de João Luiz Porto e Izabel Monteira; família “Manoel Coelho da Costa”.

B7: Matriz de Nossa Senhora do Pilar SJDR e capelas filiadas, aos 30-05-1766 matriz, Mathias Borges da Silva, n/b freg. N.Sra. da Piedade da Borda do Campo, f.l.Domingos Borges da Silva, já falecido e Suzana ----; = cc. Francisca do Sacramento, n/b na freg. N.Sra. da Conceição das Carrancas. f.l. Manoel Coelho da Costa, já fal. e Francisca do Couto

 

          Matias foi inventariado pela viúva em 22-07-1779 (inventário disponibilizado no site de Luís Antonio Villas Boas). Foram indicados para a tutela dos órfãos:”como os órfãos tem outros tios irmãos da viúva sua mãe os quais são JOÃO DA COSTA COELHO, MANOEL COELHO DA COSTA, a qualquer deles se pode encarregar a tutela por serem hábeis para isso”.

 

Foram sete os filhos do casal:

10-1 Matias com 13 anos em 1779. Matias da Silva Borges aos 24-11-1784 casou com Francisca Maria do Nascimento filha de Joaquim Paes de Godoy e Teresa Maria de Jesus. Esta Francisca Maria, às vezes também referida como “do Sacramento” distingui-se da sogra pelo “Maria” e também pela cronologia.

B7: Matriz de Nossa Senhora do Pilar SJDR e capelas filiadas, aos 24-11-1784 Cap.Nazare, Mathias da Silva Borges e Francisca Maria do Nascimento. Ele f.l. de Mathias da Silva Borges e Francisca do Sacramento e ela f.l. de Joaquim Pais de Godoy e Theresa Maria de Jesus. /ambos nts/bts nesta freg. de SJDR

          Pais de, q.d.:

10-1-1 João, batizado em 10-09-1785, madrinha a avó paterna.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, aos 10-09-1785 João, f.l. Matias da Silva Borges e Francisca Maria do Sacramento, padr.: Jose da Silva Borges e Francisca do Sacramento esta avó do batizando.

10-1-2 Ana, batizada em 19-01-1789.

B7: Barbacena, batismos - Santa Rita aos 19-01-1789 Ana, f.l. de Matias da Silva Borges e Francisca do Sacramento(sic). Padr.: Antonio Joaquim e Felicia do Nascimento, solteiros.

10-1-3 Francisca, em 21-02-1791 na capela do Ibituruna, padrinhos Antonio Ferreira da Rocha e D. Quiteria Josefa da Silva, solteiros. Francisca Maria da Silva em 09-06-1811 casou com Luiz Manoel do Nascimento, batizado em 16-01-1791, filho de Luiz Manoel e Feliciana Maria da Conceição.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, cap. de Nazare aos 09-06-1811 Luiz Manoel do Nascimento, da capela da Onça, f.l. Luiz Manoel e Feliciana Maria da Conceição = cc Francisca Maria da Silva, da capela da Ibituruna, f.l. Matias da Silva Borges e Francisca Maria do Sacramento. Test.: Antonio Moreira de Souza Rabelo e Jose Joaquim.

 

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, cap. Sto Antonio da Bertioga da Borda do Campo aos 16-01-1791 Luiz, f.l. Luiz Manoel e Feliciana Maria, padr.: Alexandre Gomes e Rosa Maria, desta freguesia.

Pais de, q.d.

10-1-3-1 José, batizado em 11-03-1813

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, cap. de Nazare aos 11-03-1813 Jose, f.l. Luiz Manoel do Nascimento e Francisca Maria da Silva, padr.: Matias da Silva Borges e Feliciana Maria da Conceição.

10-1-3-2 Maria, em 06-01-1816

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, cap. de Nazare aos 06-01-1816 Maria, f.l. Luiz Manoel do Nascimento e Francisca Maria da Silva, padr.: Luiz Manoel Vieira Gonçalves, casado e Mateus M. da Silva, solteiro.

10-1-3-3 João em 21-09-1817

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, cap. de S. Gonçalo do Ibituruna aos 21-09-1817 João, f.l. Luiz Manoel do Nascimento e Francisca Maria da Silva, padr.: João Antonio e Felicia Maria cc Antonio Ribeiro da Silva, da aplicação do Onça.

10-1-3-4 Bárbara, em 21-09-1825

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, cap. de S. Gonçalo do Ibituruna aos 21-09-1825 Barbara, f.l. Luiz Manoel do Nascimento e Francisca Maria da Silva, padr.: Antonio Ferreira Rocha e Jose Martins Gonçalves.

10-1-4 Antonio Joaquim da Silva, aos 24-07-1816 casou com Lucinda Silvéria de Jesus, filha de Joaquim José Rodrigues e Maria José do Nascimento. Família “Amaro Alves Madeira”.

B7: Casamentos - SJDRei, aos 24-07-1816 Capela Sto. Antonio do Amparo, Antonio Joaquim da Silva, f.l. Matias da Silva Borges e Francisca Maria do Sacramento; = cc. Lucinda Silveria de Jesus, f.l. Joaquim Jose Rodrigues e Maria Jose do Nascimento.

 

10-1-5 Emerenciana Angélica da Silva aos 08-07-1805 casou com Francisco Gomes Ribeiro, irmão inteiro de Gertrudes Felizarda citada em 10-3.

B7: Casamentos - SJDRei, aos 08-07-1805 Cap. N. Sra. Nazareth, Francisco Gomes Ribeiro, f.l. Manoel Nunes Ribeiro e Maria Gomes do Nascimento, n/b nesta freguesia; = cc. Emerenciana Angelica da Silva, f.l de Mathias da Silva Borges e Francisca Maria do Sacramento, n/b freguesia de Barbacena.

Pais de, q.d.:

10-1-5-1 Antonio, batizado aos 27-12-1806 na capela de Nazaré.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, cap. N. Sra de Nazaré aos 27-12-1806 Antonio, f.l. Francisco Gomes Ribeiro e Emerenciana Angelica da Silva, padr.: Antonio Soares Ferreira e Ana Francisca da Silva, solteiros.

10-1-5-2 Gertrudes aos 26-11-1809 na cap. de Nazaré: padrinhos Antonio Teodoro e Prudenciana Flora de Barros.

10-1-5-3 Maria, aos 09-05-1811 na capela S. Francisco de Assis do Onça, padrinhos: Antonio Dias de Freitas, solteiro e Ludovina Maria de S. Jose

10-1-5-4 Manoel, aos 08-09-1812 na capela N. Sra das Dores do Porto Real, padrinhos: Matias da Silva Borges e Maria Gomes do Nascimento

10-1-5-5 João, aos 28-10-1813 na capela N. Sra das Dores do Porto Real, padrinhos: João Pereira Balbão e Maria Gomes do Nascimento.

10-1-5-6 Teresa, aos 30-11-1814 na capela N. Sra das Dores do Porto Real, padrinhos: Jose Joaquim da Silva e Felicia Maria da Conceição.

10-1-6 Toste, na capela de Nazare em 1795, padrinhos Domingos Antonio Pereira e Angela Teodora de Oliveira

10-1-7 João, na mesma capela em 05-06-1797, padrinhos João Antonio da Silva e Ana Francisca da Silva.

10-1-8 Izabel, em 15-07-1799, padrinhos José Lopes e Maria Caetana do Sacramento.

10-1-9 Gertrudes, em 29-06-1803, padrinhos Jose Luiz Campos e Francisca de Paula

10-1-10 Joaquim, em 08-10-1804, padrinhos Francisco Gomes Ribeiro e Emerenciana Angelica da Silva

10-1-11 Iria, em 10-11-1806, padrinhos Ten. Antonio Moreira de Souza e Ana Teodora

10-1-12 Teresa em 06-11-1808, padrinhos Francisco Inacio de Azevedo e Luiza Teresa de Jesus.

10-1-13 José em 25-12-1810, padrinhos José Antonio Pereira e Francisca de Paula

 

10-2 José, com 12 anos. José Joaquim da Silva aos 23-07-1790 casou com Felícia Maria da Conceição, filha de João Gomes do Nascimento e Rita Maria da Conceição. Geração na família “Maria Inácia de Jesus”.

B7: Matriz de Nossa Senhora do Pilar SJDR e capelas filiadas, aos 23-07-1790 na Capela Santo Antonio da Bertioga Joze Joaquim da Silva, f.l. Mathias da Silva Borges e Francisca do Sacramento, n/b na freguesia da Borda do Campo; = cc. Felicia Maria da Conceição, f.l. de João Gomes do Nascimento e Rita Maria da Conceição, n/b nesta freguesia. Test.: Agostinho Fagundes e Jose Luiz

10-3 Antonio, com 9 anos. Antonio Joaquim da Silva aos 04-11-1793 casou com Gertrudes Felizarda do Nascimento, filha do Capitão Manoel Nunes Ribeiro e Maria Gomes do Nascimento, família “Maria Inácia de Jesus”.

B7: Matriz de Nossa Senhora do Pilar SJDR e capelas filiadas, aos 04-11-1793 Antonio Joaquim da Silva, f.l. Mathias da Silva ------ e ------- do Sacramento, n/b na freg. de N. Sra. da -----; = cc. Gertrudes Felizarda do Nascimento, f.l. Capitão Manoel Nunes Ribeiro e Maria Gomes do Nascimento, n/b nesta freguesia

Entre seus filhos:

10-3-1 Manoel Joaquim do Nascimento aos 20-08-1816 casou com Ana Zeferina Nogueira, filha do Alf. João de Souza Nogueira e Maria Teodora de Barros, familia “Antonio de Souza Ferreira”.

B7: Casamentos - SJDRei, aos 20-08-1816 Capela Madre de Deus, Manoel Joaquim do Nascimento, f.l. Antonio Joaquim da Silva e Gertrudes Felizarda, fregueses de SJDR; = cc. D. Ana Zeferina Nogueira, f.l. Alf. João de Souza Nogueira e D. Maria Theodora, fregueses de Aiuruoca.

 

Em 1831 moravam em Santo Antonio do Amparo já então com seis filhos. Destes apenas Antonio (Joaquim do Nascimento) foi citado por Silva Leme:

censo 1831 Sto Antonio do Amparo-MG, fogo 221

MANOEL JOAQUIM DO NASCIMENTO, 37, chefe do fogo, masculino, branca, casado

ANNA EZEFIRINA, 35, cônjuge, feminino, branca, casado

ANTONIO, 12, dependente, masculino, branca,

CANDIDO, 10, dependente, masculino, branca,

MARIA, 8, dependente, feminino, branca,

DELMINDA, 7, dependente, feminino, branca,

ANNA, 6, dependente, feminino, branca,

GERTRUDES, 4, dependente, feminino, branca,

12 escravos

 

Entre os filhos do casal:

10-3-1-1 Bernardina, batizada em 07-11-1830.

B7: Batismos - Igreja Nossa Senhora do Bom Sucesso (Bom Sucesso, Minas Gerais) cap. Sto Antonio aos 07-11-1830 Bernardina, f.l. Manoel Joaquim do Nascimento e Ana Zeferina Nogueira, padr.: Francisco Glz Miz e Delminda Francelina Nogueira

10-3-2 José Joaquim da Silva casou com Maria Clara de Freitas, filha de Antonio Francisco de Freitas e Anastácia Maria da Silva, neta materna de Sebastião Luiz da Silva e Ana Felizarda da Anunciação. Geração na família “Lemos - Oliveira -Godoy” Cap. 2º, § 5º.

10-3-3 Joaquim Antonio do Nascimento aos 03-04-1818 casou com Ana Monteira da Silva, filha do Alferes José Monteiro dos Santos e Maria da Silva Leite (família “Origem dos Carneiros” rodapé Monteiro dos Santos).

B7: Casamentos - SJDRei, aos 03-04-1818 matriz, Joaquim Antonio do Nascimento, f.l. Alf. Antonio Joaquim da Silva e D. Gertrudes Felizada do Nascimento, n/b freg. Barbacena; = cc. D. Ana Monteira da Silva, f.l. do Alf. Jose Monteiro dos Santos e D. Maria da Silva Leite, n/b nesta freguesia

 

Em 1831, ele com 33 anos e ela 24, moravam em Santo Antonio do Amparo com cinco filhos:

censo 1831 Sto Antonio do Amparo-MG, fogo 217

JOAQUIM ANTONIO DO NASCIMENTO, 33, chefe do fogo, masculino, branca, casado

ANNA MONTEIRA DA SILVA, 24, cônjuge, feminino, branca, casado

JOAQUIM ANTONIO, 10, dependente, masculino, branca,

MARIA, 8, dependente, feminino, branca,

JOZE, 6, dependente, masculino, branca,

ANNA, 4, dependente, feminino, branca,

JOAO, 2, dependente, masculino, branca,

48 escravos

 

Joaquim e Ana faleceram com testamento registrado no livro de óbitos de Santo Antonio do Amparo. Ana, viúva, testou em 14-10-1880 e faleceu em 11-03-1890. Declararam dez filhos:

Santo Antonio do Amparo, MG Igreja Santo Antonio óbitos - Test. do Cap. Joaquim Antonio do Nascimento (...) recomendo que meu corpo seja envolto em um habito da Ordem da Sra do Carmo para ser enterrado e que o esquife em que for encerrado seja na maior simplicidade, sem galão, nem de prata, nem de ouro.

Sou cc D. Ana Monteira da Silva de cujo matrimonio tivemos dez filhos herdeiros necessário. Deixo para meu filho Balduino, no valor da Fazenda da Caridade, em culturas, campos e serrados a quantia de 4 contos de reis, e assim mais ao mesmo no valor da situação da mesma fazenda a quantia de 500 mil reis em remuneração de seus bons serviços prestados a mim. Deixo a meu filho Belarmino nesta mesma fazenda a quantia de um conto de reis e assim mais ao mesmo na fazenda do Cedro. Para meu filho João no valor da Fazenda da Caridade (...). Deixo aos filhos do falecido meu filho Jose: Ananias = João = Antonio (...). A meu filho Joaquim no valor da fazenda denominada Caxoeira do Jacare (...). A meu neto Pedro, filho do finado meu filho Francisco (...). A minha filha Ana, viuva de Joaquim Jose Rodrigues (...). A minha filha Prudenciana, cc João Affonso, (...). Deixo a minha filha Constancia, cc Joaquim Pedro, (...). A m/filha Francisca, cc. Carlos Ribeiro da Silva (...). Declaro que deixo a todos os meus netos que forem meus afilhados, em dinheiro, a quantia de 100.000 rs. Declaro que deixo a todos os meus bisnetos que forem meus afilhados, em dinheiro, a quantia de 100.000 rs. Deixo a meu neto Manoel Jacinto, meu afilhado, alem dos cem mil rs acima declarado, mais em dinheiro um conto de reis. Legados pios.

[fim da pagina, sem continuação]

 

Santo Antonio do Amparo, MG Igreja Santo Antonio óbitos - Testamento da falecida D. Ana Monteira da Silva (...) sou natural desta freguesia de Santo Antonio do Amparo, f.l. de Jose Monteiro dos Santos. Fui casada com o Cap. Joaquim Antonio do Nascimento de quem fiquei viúva e existem dez herdeiros necessários. Na partilha dos bens do casal que ficaram por falecimento do dito meu marido, separei somente para mim a terça de minha meação como consta dos autos do inventario a que se procedeu na importancia de 71:808$563 rs em diversos bens e dinheiro, e de que passo a fazer a minha disposição e ultima vontade.

Deixo para meu filho Balduino (...) (...) meu filho Belarmino - legados pios - para meu neto Olegario, filho de meu filho Belarmino - meu genro Joaquim Pedro Teixeira de Carvalho - [rasgado] Ambrozina e Olegario. Deixo para Flauzina, crioula livre, que eu crie 300.000 rs. Para minha neta Ana, filha de meu filho Balduino o meu sitio de morada nesta fazenda com todas as benfeitorias e terreno pertencente ao mesmo sitio. Para a minha afilhada Josefina, filha de Pedro Euzebio 50.000 rs. Para minha comadre Leopoldina, viuva do falecido Adão, a minha casa com seu respectivo quintal e benfeitorias situada no Arraial de Sto Antonio do Amparo e que foram do falecido Thome Borges. Vendi por minha livre vontade, a meu genro João Affonso Lamonier, uma sorte de terras na fazenda denominada dos Affonsos. Deixo para meu neto Joaquim, filho de meu filho João Evangelista do Nascimento, dez alqueires de terras de cultura. O restante de meus bens será repartido com igualdade por todos os meus herdeiros.

Testamenteiros em 1º a meu filho Balduino Jose da Silva, em 2º a meu filho João Evangelista do Nascimento, em 3º a Antonio Luiz de Avellar. Fazenda da Caridade, Distrito da freguesia de Anto Antonio do amparo aos 14 de outubro de 1880 - Ana Monteira da Silva. Aprovação aos 15-10-1880.

im 67 Certifico e que sendo preciso juro, que tendo falecido D. Ana Monteira da Silva, me foi apresentado este seu testamento, fechado e lacrado conforme diz o rotulo do escrivão, e pq fosse preciso sab er de suas disposições a cerca do funeral, o abri em presença das testemunhas abaixo assinadas. Santo Antonio do Amparo 11 de março de 1890. O Vig. Antonio Florencio Ribeiro Abrahão.

Nada mais consta o dito testamento que bem e fielmente esta copiado do proprio original com o qual conferi e achei conforme. Santo Antonio do Amparo 11 de março de 1890 Vig. Antonio Florencio Ribeiro Abrahão.

 

Foram filhos do casal:

10-3-3-1 Maria com 8 anos em 1831.

10-3-3-2 José, com 6 anos em 1831. Já falecido no testamento paterno, deixou três filhos: Ananias = João = Antonio

10-3-3-3 Ana, com 4 anos em 1831. Casou com Joaquim José Rodrigues.

10-3-3-4 João, batizado em 08-04-1830. João Evangelista do Nascimento 2º testamenteiro materno. Pai de, pelo menos:

B7: Batismos - Igreja Nossa Senhora do Bom Sucesso (Bom Sucesso, Minas Gerais) cap. Sto Antonio aos 08-04-1830 João, f.l. Joaquim Antonio do Nascimento e Ana Monteira da Silva, padr.: Padre Manoel Machado da Assunção e D. Ana Luiza de S. Jose, casada.

10-3-3-4-1 Joaquim, legatário da avó paterna.

10-3-3-5 Prudenciana, batizada em 03-06-1832. Casou com João Afonso Lamonier.

B7: Batismos - Igreja Nossa Senhora do Bom Sucesso (Bom Sucesso, Minas Gerais) cap. Sto Antonio aos 03-06-1832 Prudenciana, f.l. Cap. Joaquim Antonio do Nascimento e D. Ana Monteira da Silva, padr.: Alf. Antonio Jose de Carvalho e D. Luiza Antonia da Silva viuva de João Lourenço Leite.

10-3-3-6 Balduino José da Silva 1º testamenteiro materno. Pai de, pelo menos:

10-3-3-6-1 Ana, legatária da avó paterna.

10-3-3-6 Belarmino. Pai de, pelo menos:

10-3-3-6-1 Olegario, legatário da avó paterna.

10-3-3-7 Joaquim.

10-3-3-8 Francisco, já falecido no testamento paterno. Pai  de, pelo menos:

10-3-3-6-1 Pedro, legatário do avô paterno.

10-3-3-9 Constancia casada com Joaquim Pedro Teixeira de Carvalho.

10-3-3-10 Francisca casada com Carlos Ribeiro da Silva.

 

10-4 Ana, com 6 ou 7 anos em 1779.

10-5 Francisco, com 5. Francisco José da Silva aos 24-11-1791 casou com Luzia (ou Luiza) Antonia de Andrade, batizada em 13-12-1760,

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, aos 24-11-1791 Francisco Jose da Silva, desta, f.l. Matias da Silva Borges e Francisca do Sacramento = cc Luzia Antonia de Andrade, desta, f.l. João Batista Martins e Cutodia Ferreira. Test.: J. Antonio e Antonio Joaquim

 

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, cap. N. Sra Nazare aos 13-12-1760 Luzia, f.l. João Batista Martins e Custodia Ferreira, brancos da terra, padr.: Luiz Silva e Helena Rodrigues cc Antonio Correa.

          Luzia era filha de João Batista Martins, natural de Mogi das Cruzes-SP e Custódia Ferreira casados em S. João del Rei em 1760 brancos da terra, neta paterna do falecido Jeronimo de tal e Bernarda Borges, neta materna de Antonio Ferreira de Andrade e Ana Maria Nogueira.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas em 1760 João Batista Martins, da freg. da vila de Santana de Mogi as Cruzes Bispado de S. Paulo, f.l. Jeronimo S------, já falecido e Bernarda Borges = cc Custodia Ferreira de Andrade, desta, f.l. Antonio Ferreira de Andrade e Ana Maria Nogueira, Test.: Antonio Ferreira e Padre Gervasio Fernandes Roelas.

          Pais de, q.d.:

10-5-1 Antonia Caetana da Silva aos 20-11-1811 casou com José Manoel Caetano, filho de Antonio Caetano Freire e Custódia Maria do Nascimento. Família “Maria Inácia de Jesus” onde José consta com seis anos em 1796.

B7: Casamentos - Sta Ana das Lavras do Funil, aos 20-11-1811 Ermida de S. Bernardo, filial da matriz de S. João del Rei, Jose Manoel Caetano, f.l. de Antonio Caetano Freire e Custodia Maria do Nascimento, bat. na Capela de Bertioga; = cc. Antonia Caetana da S.ª, f.l. de Fran.co J.e da S.ª e Luiza Antonia de Andr.e, bat. Capela de Nasaret.

10-6 João com 3. João Antonio da Silva aos 06-06-1798 casou com Izabel Joaquina de São José, filha de José Antonio Teixeira e Izabel Joaquina de Almeida, família “André de Fontes”.

B7: SJDRei, aos 06-06-1798 Capela N. Sra. do Bom Sucesso, Joam Antonio da Silva, f.l. Mathias da Silva Borges e Francisca do Sacramento, n/b na freguesia de Barbacena; = cc. Izabel Joaquina de S. Jose, f.l. Jose Antonio Teixeira e Izabel Joaquina de Almeida, n/b nesta freguesia.

10-7 Joaquim, com 6 meses em 1779. Joaquim José da Silva Borges aos 15-11-1796 casou com Escolástica Francisca Godinha, filha do Guarda Mor Manoel José Godinho e Ana Francisca Alexandrina da Silva Rios. Família “Lobo da Silva Rios”.

B7: Matriz de Nossa Senhora do Pilar SJDR e capelas filiadas, aos 15-11-1796 matriz, Joaquim Jose da Silva Borges, f.l. Mathias da Silva Borges e Francisca do Sacramento, n/b na freg. de Barbacena/ = cc. Escolastica Francisca Godinha, f.l. do Guarda Mor Manoel Jose Godinho e Ana Francisca Alexandrina Rios, n/b nesta freguesia. Test.: Reverendo Isidoro Correa Carvalho e o Capitão Joaquim Coelho de Souza

 

11- Felix da Silva Borges, nascido a 28-08-1744 em Barbacena aonde aos 16-01-1770 casou com Genoveva Ferreira d’Ávila, aí batizada aos 20-05-1756, filha de Antonio d' Ávila Bittencourt e Inacia Ferreira, neta paterna de Jerônimo Vieira e Maria do Rosário Bittencourt, neta materna de Salvador Moreira de Castilho e Izabel de Miranda. Família “Salvador Moreira de Castilho”

B7: batismos, Barbacena-MG, aos 09-09-1744 capela Faria, FELIS, f.l. de Domingos Borges da Silva, n. da Ilha de S. Sebastião e de s/m Suzana Leite, n. de Taubaté; np de Domingos Borges da Silva e de Marta de Faria; nm de Victorino de Aveyros Homem e de Maria de Escobar. Padr.: Henrique Monteiro de Magalhães e Luzia Gracia mulher de Martinho de Faria Moreira. Nasceu a 28 de Agosto.

 

          Felix já era falecido em 1780 (testamento do sogro). Foram pais de, pelo menos:

11-1 Silvério, batizado aos 30-09-1771.

Pólis 30 copiados pelo Prof. João Paulo Ferreira de Assis (Ressaquinha-MG). Matriz de N.Sra. da Piedade de Barbacena (1763/1771) Livro D-14 (Batizados 1763/1771) arquivado em Mariana , fls. 176 v. e 177 30/09/1771 Silverio, filho de Félix da Silva Borges e de Genoveva Ignacia. Np de Domingos Borges da Silva e de Suzana Leite. Nm de Antonio Davila e de Ignacia Ferreira.

 

12- Ricardo da Silva Borges, batizado aos 26-09-1746 em Barbacena, casou duas vezes. Primeira vez aos 18-09-1769 com Ana Maria de São José, batizada aos 12-10-1750 em Barbacena, irmã inteira de Genoveva Ferreira d’Ávila supra. Família “Salvador Moreira de Castilho”.

B7: batismos, Barbacena-MG, aos 26-09-1746 RICARDO, f.l. de Domingos Borges da Silva, natural da ilha de S. Sebastião, deste bispado e s/m Suzana Leyte, natural de Taubaté; np de Domingos Borges da Silva e s/m Marta de Faria; nm de Vitorino de Aveyros e s/m Maria de Escobar. Padr.: (borrado)

 

Ricardo faleceu aos 31-03-1821 com testamento redigido na fazenda Sto. Antonio do Bom Retiro aos 29 do mesmo mês. Sem geração das segundas nupcias com Joana Rosa, declarou os dez filhos da primeira “quatro machos e seis femeas”, sendo uma falecida. Aceitou a testamentária o 2º testamenteiro nomeado, seu neto Antonio José de Avila.

CAMARA MUNICIPAL DE CAMPANHA - MG

Centro de Memoria Cultural do Sul de Minas

CPA01, 1819-1283 Testamentos - Campanha da Princesa 1822-1823;

Registro do testamento de Recardo da Silva Borges, morador na fazenda Sto. Antonio do Bom Retiro de quem é testamenteiro Antonio Jose de Avila = falecido a 31-03-1821

 

Aos 28-03-1821 no lugar da Capela de S. Jose e Dores da freguesia de S. Jose do Cavo Verde, termo da vila de Jacuhi comarca do Rio das Mortes onde eu Recardo da S.ª Borges me acho gravemente enfermo (...).

Sou n/b na freguesia de Barbacena Bispado de Mariana, f.l. de Domingos Borges da Silva e Suzana Leite. Fui cc. a falecida Ana Maria de S. Jose de cujo matrimonio tivemos dez filhos, quatro machos e seis femeas e seus nomes: Antonio = João = Domingos = Francisco = Felizarda = Severina = Ana = Francisca = Ludovina e Ignacia esta já falecida.

Sou presentemente cc. Joana Rosa de cujo matrimonio não tivemos filhos algum.

Testamenteiros: 1º meu filho Antonio Borges, 2º meu neto Antonio Jose de Avila, 3º meu filho Domingos Jose da Silva

Dia mes ano lugar já declarado = Recardo da Silva Borges

Aprovação 29-03-1821

Desistencia do 1º testamenteiro nomeado aos 10-04-1821 Antonio Jose de Avila Borges

Aceitação aos 10-05-1821 por Antonio Jose de Avila, 2º testamenteiro

12-1 Antonio José de Ávila Borges, 1º testamenteiro paterno.

12-2 João

12-3 Domingos José da Silva, 3º testamenteiro paterno. Aos 10-01-1810 casou com Severina Maria do Nascimento, filha de Marcos Carneiro Figueira e Maria Rita do Nascimento, neta paterna de Manoel Carneiro Figueira e Escolástica do Espirito Santo, neta materna de Manoel Nunes Ribeiro e Maria Gomes do Nascimento - famílias “Amaro de Mendonça Coelho” Cap 11º e “Maria Inácia de Jesus”, neste site.

B7: casamentos Barbacena - Boa Vista aos 10-01-1810 Dom.os Jose da Silva, f.l. de Ricardo da S.ª Borges e Anna Maria. n/b na capela do Registro Velho; = Severina Maria do Nascimento, f.l. de Marcos Carnr.º Figr.ª e Maria Rita, n/b capela da Piedade de São João.

12-4 Francisco

12-5 Felizarda

12-6 Severina Maria de Jesus, aos 20-07-1800 casou com Antonio Gomes Ribeiro, filho de Manoel Nunes Ribeiro e Maria Gomes do Nascimento. Família “Maria Inácia de Jesus”.

B7: casamentos Barbacena - matriz aos 20-07-1800 Antonio Gomes Ribro., f.l. de Manoel Nunes Ribr.º e Maria Gomes do Nascimento; = Severina Maria de Jesus, f.l. de Ricardo da Silva Borges e Anna Maria de S. José. Nts e bts. nesta.

Pais de, q.d.:

12-6-1 Gertrudes, batizada em 02-02-1812.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar e Capelas Filiadas, capela N. Sra das Dores do Porto Real aos 02-02-1812 Gertrudes, f.l. Antonio Gomes Ribeiro e Severina Maria de São Jose, padr.: Alf. Jose Nunes Teixeira e Maria Gomes do Nascimento.

12-6-2 Maria, na capela S. Francisco de Assis do Onça aos 10-04-1814, padrinhos Isidoro Gomes e Feliciana Maria

12-7 Ana

12-8 Francisca de Paula de São José aos 29-05-1804 casou com Inácio Gomes do Nascimento, filho de Manoel Gomes do Nascimento e de Ana Maria de Jesus. Família supra citada 4-2 .

B7: casamentos Barbacena-MG, matriz de S. João del Rei aos 29-05-1804 Inacio Gomes do Nascimento, f.l. de Manoel Gomes do Nascimento e de Anna Maria de Jesus; = Francisca de Paula de S. José, f.l. de Ricardo da Silva Borges e Anna Maria de S. José. Ambos nts desta.

12-9 Ludovina

12-10 Ignacia já falecida em 1821.