PROJETO COMPARTILHAR

Coordenação: Bartyra Sette e Regina Moraes Junqueira

www.projetocompartilhar.org

 

 

ARVELLOS

(atualizado em 29-outubro-2010)

 

 

Regina Junqueira

 

 

Por volta de 1720 na Freguesia da Sé da Cidade do Porto em Portugal, nasceu e foi batizada Maria Thereza de Jesus, filha legitima de Manoel da Costa Pacheco e Marinha Pereira.

 

Maria Thereza casou na capela de Santa Rita-MG aos 03-06-1734 com Pedro Rodrigues de Arvellos, natural da freguesia de São Martinho de Nasçoens(?) Comarca de Coura Arcebispado de Braga.(Certidão no Processo “de genere et morbus” do Padre Antonio Joaquim de Medeiros e Castro)

 

Pedro e Maria Thereza foram moradores em Santa Rita do Rio Abaixo, termo da Vila de São José, hoje Tiradentes-MG. Aí formaram a Fazenda de Nossa Senhora da Glória, com engenho de cana, moinho, paiol, senzalas e outras benfeitorias, alem de “casas de vivenda”. Em sua fazenda faleceu Maria Thereza aos 10-02-1780, com testamento. Seu inventário teve inicio no mesmo ano, inventariante o viúvo, que declarou a nacionalidade e filiação da falecida.

 

Entre os bens arrolados, além da Fazenda da Glória, a Fazenda das Éguas, também com casas “cozinha de pedra” e outras benfeitorias e um sítio “que foi de Manoel da Costa Pacheco” com casa, paiol e plantações. Claro indicio de que Maria Thereza tenha vindo para o Brasil com sua família, provavelmente ainda menina.

 

O casal teve sete filhos, segundo inventário de Maria Thereza (neste site). Alem dos filhos arrolados no inventário, Pedro e Maria Tereza tiveram mais duas filhas por nome Genoveva, batizadas em 1738 e 1739, que não comparecem no inventário:

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Santa Rita aos 06-01-1738, Genoveva, f.l. Pedro Rodrigues de Arvelos e Maria Teresa de Jesus, padr.: Manoel Ferreira e Maria Pereira.

 

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Santa Rita do Rio abaixo aos 11-10-1739, Genoveva, f.l. Pedro Rodrigues de Arvelos e Maria Teresa de Jesus, padr.: Manoel Dias Torres, casado em Portugal e Maria Angelica casada com Francisco da Silva Couto.

 

1- Faustina Maria de Jesus, casou em 04-08-1762 com João Moreira dos Santos, natural e batizado na Freguesia da Sé da Cidade do Porto-PT, filho de Manoel Moreira e Marinha dos Santos.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, aos 04-08-1762 João Moreira dos Santos cc Faustina Maria de Jesus, desta freguesia, f.l. Pedro Arvelos e Maria de Jesus.

 

          Foram moradores em Bom Sucesso, “detraz da serra de Ibituruna” onde João redigiu seu testamento aos 28-10-1793, aberto aos 05-03-1794, dia em que faleceu. Segundo seu inventário (neste site) deixou quatro filhos:

1-1 Antonio Moreira dos Santos, testamenteiro paterno

1-2 Bernardo

1-3 José

1-4 João

 

2- Maria Jacinta, casada com João Bernardo da Rocha. Em 1780 João Bernardo estava ausente em Portugal, em local desconhecido.

 

3- Ana Maria de Arvellos e Castro, batizada na Capela de Santa Rita aos 27-04-1752. Casou com Custódio Rodrigues de Moura e foram moradores na cidade do Porto.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Santa Rita em 27-04-1752, Ana, f.l. Pedro Rodrigues de Arvelos e Maria Teresa de Jesus, padr.: Padre Francisco Gonçalves.

 

4- Francisca Thomasia Pereira de Castro, batizada aos 03-02-1748. Casou em Santa Rita aos 16-05-1770 com o licenciado Pedro de Medeiros Centeno dos Reis, batizado na Freguesia de Santa Maria de Vassal, Comarca de Chaves, Arcebispado de Braga, filho de Pedro de Medeiros e Thereza de Medeiros naturais da mesma freguesia..

Processo “de genere et morbus” do Padre Antonio Joaquim de Medeiros e Castro

(...) Aos 03/02/1748 anos na Capela de Santa Rita / filial da Matriz de Nossa Senhora do Pillar da  Vila de São João de El Rey batizou (...)o Padre Jose Fernades Barros a Francisca / filha legitima de Pedro Rodrigues Arvellos, e / de Maria Thereza de Jesus: foram padrinhos João / Gonçalves Chaves desta freguesia (...)

 

 (...) Aos 16/05/1770 e na capela de Santa Rita filial da Matriz de Nossa / Senhora do Pilar de São Joam de El Rei / (...) o Reverendo Jose Fernandes Barros Capelão da dita Capela / (...) assistiu ao sacra/mento do Matrimônio que na / presença deste e das testemunhas (...) celebraram por palavras de presente Pedro de Medeiros Senteno dos Reis natural e batizado na freguesia de Nossa Senhora da [Exputaçao] do lugar de Vassal comarca de  Chaves Arcebispado de Braga filho legitimo de Pedro de Medeiros e de Thereza de Medei-ros já defuntos e Francisca Thomazia Pereira de Castro natural e batizada na sobredita  Freguesia de Nossa Senhora do Pilar de São Joam de El Rei e filha legitima de Pedro Rodrigues Arvilhas e de Maria Thereza de Jesus (...)

 

Foram moradores na Vila de São João Del Rei onde possuíam casas e botica. Pedro faleceu com testamento aberto aos 08-08-1797, inventário iniciado em 1802 pela viúva. Deixou nove filhos, todos solteiros (idades em 1802 e certidões de batismo no inventário paterno neste site):

4-1 Tereza Maria de Medeiros, batizada aos 18-02-1771.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, aos 18-02-1771 Maria Teresa, f. Pedro Medeiros de S. Reis e Francisca Tomasia Pereira de Castro, padr.: Pedro Rodrigues e Faustina Maria.

4-2 Antonia Maria de Medeiros e Castro, em 21-06-1772.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, aos 21-06-1772 Antonia, f. Pedro Medeiros de S. Reis e Francisca Tomasia Pereira de Castro, padr.: Dr. Antonio Tavares Rocha, solteiro e Maria, solteira.

4-3 Ana Francisca de Medeiros e Castro, com 26 anos em 1802.

4-4 Rita Antonia de Medeiros, batizada aos 18-12-1777 na Matriz de Nossa Senhora do Pilar.

4-5 Pedro Antonio, batizado na mesma Matriz aos 18-11-1779.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, aos 18-11-1779 Pedro Antonio, f. Pedro Medeiros Senteno dos Reis e Francisca Tomasia Pereira de Castro, padr.: Ten. Manoel Teixeira da Cunha Sampaio e s/m D. Escolastica  Bernarda da Silva.

 

          Pedro Antonio Teodoro Medeiros de Castro aos 22-11-1810 casou com Antonia Joaquina de Almeida, viúva do Alferes Luiz Antonio de Carvalho Leite e filha de Manoel Francisco da Silva e sua segund mulher Ana Maria de Almeida. Geração na família “Manoel Francisco da Silva” Cap. 14.

4-6 Antonio Joaquim de Medeiros e Castro, batizado na Matriz de São João Del Rei aos 25-11-1781. Em 1804 habilitou-se às ordens sacras. (processo neste site)

(...) Aos 25/11/1781 nesta matriz de  São Joam de El Rei batizaei (...) a Antonio Joaquim / filho legitimo do Capitão Pedro de Medeiros Sentino do [sic] Reis e de Do/na Francisca Thomasia Pereira de Castro – foram padrinhos o Sargen/to Mor desta Comarca Joaquim / Pedro da Câmara Solteiro e Dona / Vintoria de Assumpção casada to-/dos desta Freguesia (...)

4-7 Manoel Antonio de Medeiros e Castro, batizado aos 18-08-1785

4-8 Maria Antonia de Medeiros e Castro, batizada aos 18-09-1787

4-9 Luiz Antonio de Medeiros, batizado aos 13-01-1790

 

5- Teodoro José (ou Maximiano Rodrigues) de Arvellos, natural da Aplicação de Santa Rita, solteiro com 20 anos mais ou menos em 1780. Em 1799 casou com Maria Joaquina de Jesus, filha de Francisco Vieira Lopes e Ana de Jesus; família “Francisco Vieira Lopes”.

          Antes de seu casamento o casal já tinha vários filhos, nascidos a partir de 1782, calculando pelas idades que declararam nos censos e nos inventários.

Matriz do Pilar e capellas FIliadas - Casamentos - Ermida de N Sra do Rosário do Distrito de São Sebastião - Aos 04-07-1799 (sic), Th--- José de Arvelo, filho de Pedro Roiz de Arvelo e Maria Tereza de Jesus com Maria Joaquina de Jesus, filha de Francisco Vieira Lopes e Ana de Jesus

Teodoro José e Maria Joaquina foram moradores na Fazenda denominada Sitio das Contendas em Santa Rita do Rio Abaixo, termo da Vila de São José.

Teodoro faleceu abintestado e teve inventário aberto aos 28-07-1819 pela viúva, que declarou a filiação de seu falecido marido e sete filhos. Maria Joaquina faleceu aos 11-02-1826, com inventário aberto no mesmo ano por sua filha Genoveva. Nele compareceram seis filhos. (inventários do casal neste site)

 

5-1 Antonio José de Arvellos, batizado em maio de 1782, casado.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, matriz em maio de 1782, Antonio, f. natural de Maria Joaquina de Jesus, padr.: Cap. Pedro de Medeiros e Emerenciana Joaquina Pereira de Castro, solteira.

 

          Por indícios colhidos nos documentos cremos ser o mesmo que em 1831 era morador em Santa Rita do Rio Abaixo, casado com Ana Zeferina de Jesus. Casaram na Matriz do Pilar em 08-12-1808 e em 1831 tinham nove filhos.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, matriz aos 08-12-1808, Antonio Jose de Arvelos n. desta, f. natural de Maria Joaquina de Jesus = cc Ana Zeferina de Jesus, n. desta, f.l. Antonio Coelho de Lima e Maria Joaquina de Souza; test.: Manoel Antonio de Medeiros e Alf. Francisco Pinto de Magalhães.

 

Censo de Santa Rita do Rio Abaixo, 1831, fogo 48 (todos brancos)

Antonio José de Arvellos, 48, casado, lavoura

Ana Severina, 44, casada, fiadeira

Elias, 22, solteiro, lavrador; Felisberto, 17, solteiro, lavrador; Maria, 15, solteira, costureira; Farncisca, 14, solteira, fiadeira; Marcelina, 8; Querino,6; Antonio, 6; João,4; Cladina,2.

         Com o nome de Antonio Theodoro de Arvellos, faleceu em dezembro de 1842, com inventário aberto pela viúva aos 09-05-1845 na Fazenda dos Pinheiros de sua propriedade. Deixou dez filhos arrolados em seu inventário, neste site, e teve pelo menos mais um:

- Felisberto, batizado em Santa Rita aos 01-09-1811, não consta do inventário. Seria o segundo filho do casal. No censo de 1831 aparece com 17 anos, quando já teria 20, defasagem esta que aparece nas idades de todos os seus irmãos, menos Elias, segundo as datas dos batismos deles.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, bat. em 01 de setembro de 1811 cap. Sta Rita, Felisberto, f.l. Antonio Jose Teodoro de Arvelos e Ana Severina de Jesus, padr.:Felisberto Virgolino Martins por pp ao Pe. Manoel Coelho dos Santos e Ana Gonçalves de Souza

 

5-1-1 Elias Rodrigues de Arvellos, batizado aos 12-11-1809, inventariante do pai e tutor dos irmãos menores.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, ermida N. Sra do Rosario em 12 de novembro de 1809, Elias, f.l. Antonio Jose Teodoro de Arvelos e Ana Severina de Jesus, padr.: Teotonio Jose de Arvelos e s/m Maria Joaquina de Jesus.

         Provavelmente o mesmo que casou com Maria Ozória dos Santos, filha de João Coelho dos Santos e Mariana de Souza Monteiro, com descendentes que foram proprietários de partes do Sitio das Contendas. Família “Souza Monteiro-Monteiro Lopes” Cap 5º, § 1º, aí a geração.

5-1-2 Maria, batizada aos 20-07-1813, aparentemente ainda solteira em 1842.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Sta Rita em 20 de julho de 1813, Maria, f.l. Antonio Jose Teodoro de Arvelos e Ana Severina de Jesus, padr.: Pe. Antonio Joaquim de Medeiros Castro e Ana Francisca de Medeiros Castro, solteira por pp a Joaquina Bernarda de Souza

5-1-3 Francisca, batizada aos 13-06-1815, em 1842 estava casada com Manoel Pinto

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Sta Rita em 13 de junho de 1815, Francisca, f.l. Antonio Jose Teodoro de Arvelos e Ana Severina de Jesus, padr.: Cap. Jose da Silva Santos e Maria Marcelina da Silva.

5-1-4 Rita, batizada em 07-07-1817. Com 27 anos no inventário do pai, aparentemente solteira.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Sta Rita em 07 de julho de 1817, Rita, f.l. Antonio Jose Teodoro de Arvelos e Ana Severina de Jesus, padr.: João Nepomuceno e Francisca de Lara.

5-1-5 Marcelina, batizada em 30-01-1820, 25 anos no inventário do pai.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Sta Rita em 30 de janeiro de 1820, Marcelina, f.l. Antonio Jose Teodoro de Arvelos e Ana Severina de Jesus, padr.: Luiz de Medeiros Castro e Rita Antonia de Medeiros por pp a Manoel Coelho de Lima e Rita Nepomucena.

5-1-6 Antonio, batizado aos 15-06-1822.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Sta Rita em 15 de junho de 1822, Antonio, f.l. Antonio Jose Teodoro de Arvelos e Ana Severina de Jesus, padr.: Manoel de Lima e Antonia de Medeiros Castro por pp a Antonia Gloria.

5-1-7 Querino, batizado no mesmo dia que Antonio supra, ambos com cerca de 9 anos em 1831, embora tivessem declarado seis anos. (nota de rodapé 1)

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Sta Rita em 15 de junho de 1822, Quirino, f.l. Antonio Jose Teodoro de Arvelos e Ana Severina de Jesus, padr.: ---- Arvelos e Mafalda Carlota de Jesus.

5-1-8 João, batizado em 05-06-1825.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Sta Rita em 05 de junho de 1825, João, f.l. Antonio Jose Teodoro de Arvelos e Ana Severina de Jesus, padr.: Pe. Manoel Coelho dos Santos e Maria Custodia de Jesus.

5-1-9 Claudina, batizada aos 16-11-1827, 18 anos declarados no inventário do pai.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Sta Rita em 16 de novembro de 1827, Claudina, f.l. Antonio Jose Teodoro de Arvelos e Ana Severina de Jesus, padr.: Crispiniano Antonio dos Santos e Mariana dos Santos.

5-1-10 José, batizado em janeiro de 1830 na Capela de Santa Rita tendo por padrinhos José Pereira da Silva e sua mãe D. Francisca Lara de Cássia (certidão no inventário paterno).

 

5-2 Genoveva Antonia da Gloria, batizada em 12-02-1786, solteira em 1819. Ainda solteira em 1826 quando do inventario de sua mãe de quem foi inventariante.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Sta Rita em 12 de fevereiro de 1786, Genoveva, f.l. Teodoro Jose de Arvelos e Maria Joaquina de Jesus, padr.: Cap. Jose Cabral Tavares e Genoveva de Almeida e Silva, viuva.

 

5-3 Pedro Rodrigues de Arvellos, casado, morador em Santa Rita conforme inventário de seu pai.  Não comparece no inventário de Maria Joaquina em 1826, porque não era filho dela e sim de outra mulher que o pai “por justas causas” não nomeou. Foi batizado aos 04-03-1791 como “exposto” na casa do próprio pai, que o reconhece como seu filho na pia batismal.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, matriz em 04-03-1791, Pedro, exposto em casa de Teodoro Rodrigues de Arvelos, padr.: Dr. Gomes da Silva Pereira, solteiro (Obs. o qual Teodoro declarou ser o dito Pedro seu filho e, que por justas causas, não declarava a mãe).

 

          Em 1831 aparece no censo com 6 filhos:

Censo de Santa Rita do Rio Abaixo, 1831, fogo 53 (todos brancos)

Pedro Rodrigues Arvelos, 39, casado, lavrador

Antonia Maria, 31, casada, fiadeira

Joana, 17, solteira, tecedeira; Gertrudes, 11; Thereza, 6; Maria, 4; Manoel,7; Severino, 3.

          Antonia Margarida Ribeiro, casada que foi com Pedro Rodrigues de Arvellos, teve inventário (neste site) aberto aos 20-11-1875 por seu filho Severino. Nele compareceram nove filhos, cinco dos quais citados no censo acima. Teve ao menos mais uma filha, provavelmente falecida sem geração.

5-3-1 Severino José de Arvellos, batizado na Matriz de São José del Rei aos 14-05-1828, morador na Freguesia de Conservatória-RJ. Foi o inventariante materno.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, matriz de Sto Antonio da vila de S., Jose em 14-05-1828, Severino, f.l. Pedro Rodrigues de Arvellos e Antonia Margarida Ribeiro, padr.:Cap. Severino Alves Lima e Maria Marcelino Ribeiro.

5-3-2 Teodoro José de Arvellos, batizado em Santa Rita aos 06-01-1830 com o nome de Teodosio.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, capela de Sta Rita em 06-01-1830, Teodosio, f.l. Pedro Rodrigues de Arvellos e Antonia Margarida Ribeiro, padr.:Jose Gonçalves de FAria Lara e Ana Severina de Jesus.

         Casou com Delfina Maria de Jesus e foram moradores no distrito da Lage, Comarca de Tiradentes. Teodoro teve seus bens inventariados em 1893 deixando segundo o inventário (neste site):

5-3-2-1 Messias (ou Maria) Antonia da Gloria, casada com João Ferreira de Miranda

5-3-2-2 Maria Magdalena, casada com Emigdio Ferreira de Miranda

5-3-2-3 Domethildes Cândida de Jesus, batizada na Igreja de Santa Rita aos 29-08-1863 (Livro de Batismos de Ritápolis), casada com Manoel Rosa de Resende. Em 1893 estavam ausentes em lugar incerto.

5-3-2-4 Esmenia Maria de Jesus, casada com Antonio Rodrigues Dutra

5-3-2-5 Clara Maria de Jesus, casada com José Rodrigues de Souza

5-3-2-6 José Teodoro Ribeiro, 21 anos

5-3-2-7 Flavio Teodoro de Arvellos, 18 anos

5-3-2-8 Francisco Delfino Ribeiro 13 anos

5-3-2-9 Miguel Teodoro Ribeiro, 12 anos

5-3-2-10 Maria José de Jesus, 9 anos

5-3-2-11 Maria Teodora de Jesus, 7 anos

5-3-3 Querino José de Arvellos (nota de rodapé 1)

5-3-4 João Daniel do Espírito Santo

5-3-5 Manoel Pedro Rodrigues de Arvellos,, morador no Rio de Janeiro. Pedro Rodrigues e Antonia Maria tiveram dois filhos que se batizou por “Manoel”, um em 1814, que seria o primogênito do casal, e outro em 1817, provavelmente o que sobreviveu, a menos que o nomeado no censo com sete anos seja um terceiro filho de mesmo nome.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, capela de Sta Rita em 20-02-1814, Manoel, f.l. Pedro Rodrigues de Arvellos e Antonia Margarida Ribeiro,padr.: Alf. Vicente Jose da Costa e Genoveva Antonia da Gloria.

 

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, de Sta Rita em 11-01-1817, Manoel, f.l. Pedro Rodrigues de Arvellos e Antonia Margarida Ribeiro,padr.: Pe. Manoel Coelho dos Santos.

5-3-6 José Joaquim Thomas, batizado em 1822, ausente em 1875.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, capela de Sta Rita em 29-12-1822, Jose, f.l. Pedro Rodrigues de Arvellos e Antonia Margarida Ribeiro,padr.: Alexandre Parreiras e Antonia Joaquina.

5-3-7 Joana Constança Nepomucena, batizada em 1812

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, capela de Sta Rita em 19-07-1812, Joana,  f.l. Pedro Rodrigues de Arvellos e Antonia Margarida Ribeiro, padr.: Teodoro Jose de Arvellos e Maria Joaquina de Jesus.

5-3-8 Gertrudes Maria da Conceição, batizada em 1820

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, capela de Sta Rita em 25-02-1820, Gertrudes, f.l. Pedro Rodrigues de Arvellos e Antonia Margarida Ribeiro,padr.: Antonio Teodosio Jose e Gertrudes Caetana de Faria.

5-3-9 Francisca Maria da Conceição

5-3-10 Rita, batizada em 1815, não comparece no censo nem no inventário da mãe.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Santa Rita aos 15-11-1815, Rita, f.l. Pedro Rodrigues de Arvelos e Antonia Margarida Ribeiro, padr.: Padre Manoel Jose Rodrigues e D. Teresa Inacia Felisbina de Jesus.

5-3-11 Tereza, batizada aos 08-01-1825, com seis anos declarados no censo de 1831, não comparece no inventário da mãe.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, freg. de S. Jose aos 08-01-1825, Teresa, f.l. Pedro Rodrigues de Arvelos e Antonia Margarida Ribeiro, padr.: Padre Manoel Julio d freg. de S. Jose e Teresa Clara, solteira.

5-3-12 Maria, batizada em 1826, com 4 anos declarados no censo, não aparece no inventário da mãe.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Santa Rita aos 16-10-1826 Maria, f.l. Pedro Rodrigues de Arvelos e Antonia Margarida Ribeiro, padr.: Jose Maria e s/m D. Maria Martins da fregusia de Campo Belo por pp a D. Gertrudes Martins

5-3-14 Rosa, batizada aos 02-03-1834. Não comparece no inventário de sua mãe.

Igreja Nossa Senhora da Penha (Resende Costa, Minas Gerais) Batismos, aos 02-03-1834 Rosa, f.l. de Pedro Roiz d'Arvellos e Antonia Margarida Ribeiro; padr.: Joaquim Jose de Faria e Maria Clara de Jesus, aqueles deste curato e estes do Curato da Lage. Pe. Manoel Coelho dos Santos

 

5-4 Maria, 32 anos e solteira em 1826.

 

5-5 João, solteiro com 30 anos em 1826

 

5-6 Gertrudes Maria da Assunção aos 29-02-1808 casou com Francisco Pinto de Magalhães, filho de Manoel Pinto de Magalhães e Antonia Margarida Ribeira de Miranda, conforme inventário paterno e termo de casamento. Francisco foi batizado na Matriz de São João del Rei aos 07-03-1786.

B7: Casamentos - SJDRei, aos 29-02-1808 Ermida N. Sra. do Rosário, Francisco Pinto de Magalhaens, f.l. Alf. Manoel Pinto de Magalhaens e D. Antonia Margarida Ribeira de Miranda, n/b na freg. de S. Jose; = cc. Gertrudes Maria de Assumpção, f.l. Teodoro Jose de Avellar(sic) e Joaquina de Jesus, n/b na mesma freguesia.

 

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, matriz em 07 de março de 1786 Francisco, f.l. Alf. Manoel Pinto de Magalhães e Antonia Margarida de Miranda, padr.: Cap. Leandro Barbosa da Silveira, solteiro e Luiza Clara de São Jose, viuva.

 

          Em 1831 Francisco compareceu no censo de Santa Rita com onze filhos:

Censo de Santa Rita do Rio Abaixo, 1831, fogo 53 (todos brancos, os filhos todos solteiros)

Francisco Pto. Mages (Magalhães), 51, casado, lavrador

Antonio, 24, lavrador; Manoel,19, lavrador;  Francisco,11, escola;  Joaquim,9, escola;  José,2; Maria, 17,costureia;  Rita, 14, fiadeira;  Antonia, 13, fiadeira; Marianna,6;  Carolina, 15; Hipólita,3. 

Entre os filhos de Gertrudes e Francisco, batizados na capela de Santa Rita:

5-6-1 Manoel em 22-09-1811 padrinhos Padre Manoel Coelho dos Santos e D. Bernarda Francisca de Faria, da aplicação de S. José.

5-6-2 Maria em 24-02-1813, padrinhos Antonio José de Faria por pp ao Padre Manoel Coelho dos Santos, e D. Mariana Bernardes.

5-6-3 Ana, em 02-04-1814, padrinhos Bernardo Boaventura de Moraes, da freguesia da vila de S. José e D. Ana Rego, desta freguesia.

5-6-4 Rita em 26-08-1814, padrinhos Joaquim José Rodrigues Rego e D. Clara Francisca do Rego, da freg. da vila de S. José.

5-6-5 João em 07-07-1816, padrinhos Cap. João José da Rocha e D. Mariana Ferreira da Silva.

5-6-6 Antonia em 17-05-1818, padrinho Alf. José Inácio de Faria

5-6-7 Francisco em 24-10-1819, padrinhos Antonio José Arvelos, da freg. da vila de S. José por pp a Luiz Alves de Medeiros e D. Maria Marcelina Rodrigues.

5-6-8 Joaquim em 19-03-1822, padrinhos Ribeiro da Costa, da freg. da vila de S. José e D. Emerenciana Esmeria.

5-6-9 Carolina em 10-08-1823, padrinhos Guarda Mor Manoel Jose Parreiras por pp a João Rodrigues Rego, e D. Ana Inacia Fogaça da freg. da vila de S. José.

5-6-10 Mariana em 28-02-1825, padrinhos Padre Antonio Gonçalves de Mello e D. Ana Maria, da freguesia da vila de S. José.

5-6-11 Hipolita em 14-03-1827, padrinhos Cap. Severino Alves Lima e D. Francisca Candida de Paula, da freguesia da vila de S. José;

5-6-12 José em 06-07-1829, padrinhos José Alves Lira e Julieta Justiniana.

5-6-13 Teresa em 07-07-1830, padrinhos Cap. Mateus Furtado de Mendonça e D. Angela Maria de Lara, da freg. da vila de S. José.

 

5-7 Ana, batizada aos 04-04-1802, solteira em 1819. Ana Maria de Jesus (como aparece no inventário materno) ou Ana Napomuceno, aos 02-10-1825 casou com Patrício Rafael da Silva, ele casado que foi em primeiras núpcias com Bernarda Maria de Jesus.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, em 04-04-1802, Ana, f.l. Teodoro Jose de Arvelos e Maria Joaquina de Jesus, padr.: Pe. Manoel Coelho dos Santos e Antonia de Almeida e Silva.

 

B7: Casamentos - SJDRei, aos 02-10-1825 matriz, Patricio Rafael da Silva, viuvo de Bernarda Maria de Jesus; = cc. Ana de Nepomuceno, f.l. Theodoro Jose Arvelos, falecido e de Maria Joaquina de Jesus, desta freguesia.

 

          Patrício deu inicio ao inventário conjunto de suas duas esposas aos 04-07-1850 no Sitio da Prainha, distrito de Santa Rita da Freguesia da Lage (neste site). Bernarda já era falecida há uns 40 anos e Ana há uns 20, segundo declaração do viúvo.

Filhos de Patrício Rafael e Bernarda:

I- Ana, já falecida em 1850

II- Manoel, também falecido

III- Maria, 42 anos

 

Filhos de Patrício Rafael e Ana Napomuceno:

5-7-1 Jesuina Maria de Jesus, 30 anos em 1850, casada com João Rodrigues de Souza

5-7-2 Carolina Maria de Jesus, casada com Jerônimo Ribeiro da Silva

5-7-3 Thereza Nepomucena, 25 anos e solteira em 1820

5-7-4 Antonio Rodrigues de Arvellos, natural de Santa Rita do Rio Abaixo, onde foi batizado em 01-02-1829 (certidão no inventário materno).

         Casou aos 27-07-1850 com Antonia da Costa e Silva, natural de São João del Rei, filha de Antonio da Costa e Silva, filho natural de Joana Maria, e Clara Maria da Assunção filha de Manoel Cavalcante de Assunção e Luiza Maria de Faria. Eram ambos pardos.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, matriz aos 27-07-1850, Antonio Rodrigues de Arvelos, pardo, n. Santa Rita do Rio abaixo, f.l. Patricio Rafael da Silva e Ana Nepomuceno = cc Antonia da Costa e Silva, parda, n. S. João del Rei, f.l. Antonio da Costa e Silva, falecido e Clara Maria da Assunção, test.: Pedro Antonio de Freitas e Jeronimo Ribeiro da Silva, casados.

 

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, aos 19-11-1827 Antonio da Costa e Silva, f. natural de Joana Maria = cc Clara Maria da Assunção, f.l. Manoel Cavalcante de Assunção e Luiza Maria de Faria, test.: Alf. Francisco Jose Dias e Inacio Cavalcante.

 

         Antonio e Antonia tiveram ao menos uma filha, Marcolina batizada em 1851, que deve ter falecido na infância porque o casal não deixou descendentes, segundo seu testamento conjunto, redigido aos 05-01-1872 (neste site). Sem herdeiros necessários, nomearam por herdeiros “à sua irmã, cunhada e afilhada Sabina e a seu sobrinho e afilhado Querino Francisco de Paula”.

 

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, capela de Sta Rita em 07-07-1851, Marcolina, f.l. Antonio Rodrigues de Arvellos e Antonia Costa e Silva, padr.: Maximiano Tome da Silva e Clara Maria da Assunção.

 

6- Emerenciana Joaquina Pereira de Castro, nascida e batizada na Freguesia de Santa Rita. Casou aos 16-10-1783 na Capela de São Sebastião com Vicente Marques da Costa.

RMJ: - Paróquias de SJDR - Matrimonios, 16-10-1783 - Capela de S Sebastião, Vicente Marques da Costa, f de Manoel Marques da Costa e Joana Marques da Cunha, nat da Freg de S Sebastião; c.c. Emerenciana Joaquina Pereira de Castro, nat da Freguesia de S Rita, f de Pedro Rodrigues de Arvelo e Maria Tereza de Jesus. Test: Silvestre Marques da Costa e Francisco Pereira Mendes

 

          Vicente era filho de Manoel Marques da Costa, natural da freguesia de S. Nicolau do Bispado do Porto e Joana Marques da Cunha casados aos 27-11-1736, neto paterno de Amaro Marques e Jerônima da Trindade, neto materno do Brigadeiro Silvestre Marques da Cunha e Madalena de Chagas, família Brigadeiro Silvestre Marques da Cunha.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. S. Sebastião aos 27-11-1736 Manoel Marques da Costa, n. freg. S. Nicolau Bispado do Porto, f.l. Amaro Marques e Jeronima da Trindade = cc Joana da Cunha, f.l. Brigadeiro Silvestre Marques da Cunha e Madalena de Chagas, test.: Revdo Antonio Correa e Revdo Domingos Alves Calado.

 

Vicente Marques e Emerenciana Joaquina tiveram q.d:

6-1 Vicente, batizado em 16-10-1791.

Matriz de Nossa Senhora do Pilar de SJDR e capelas filiadas, cap. Santa Rita aos 16-10-1791 Vicente, f.l. Vicente Marques da Costa e Emerenciana Joaquina Pereira de Castro, padr.: Teodoro Jose de Arvelos e D. Joaquina Coelhp dos Santos.

 

7- Felix Maximiano Arvellos, casado no Rio de Janeiro

 

 

_____________________________________________________________________________________

 

NOTA DE RODAPÉ

 

 

1- Querino José de Arvellos

Comparar com 5-1-7 e 5-3-3

 

Morador em Santa Rita do Rio abaixo, no lugar chamado “Glória”, provavelmente em terras outrora pertencentes à fazenda Nossa Senhora da Glória.

 

Querino faleceu em 10-04-1911, casado que foi com Thereza Inácia de Jesus. Segundo seu inventário (neste site), deixou:

1-1 Geraldo José Rodrigues, casado, residente em Santo Antonio do Rio Bonito, Municipio de Valença-RJ.

1-2 José Francisco Praxedes, casado, morador no Distrito da Lage

1-3 Aureliano José Rodrigues, solteiro, mais ou menos 40 anos

1-4 Maria Ricardina da Conceição, viúva. Teve ao menos:

1-4-1 Joaquim Cardoso de Arvellos, procurador de sua mãe. Comparar com o marido de Maria Ozória de Souza, neta de Elias Rodrigues de Arvellos e Maria Ozória dos Santos, 5-1-1 acima (família “Souza Monteiro-Monteiro Lopes)

1-5 Clara Maria da Conceição, casada com Teodoro de Oliveira Barcellos. Tiveram ao menos:

1-5-1 Francisco Theodoro de Oliveira, procurador dos pais.

1-6 Ignes Maria da Conceição, viúva

1-7 Messias Cândida de Jesus, casada com José Domiciano Ribeiro

1-8 Maria José de Jesus, solteira, maior de 21 anos

1-9 Francisca Cândida de Jesus, falecida, representada pelos filhos:

1-9-1 Onofre José Rodrigues, casado

1-9-2 Ambrosio José Rodrigues, casado

1-9-3 Maria da Gloria de Jesus, casada com José Francisco de Paula

1-10 Antonia Margarida Ribeiro, falecida, representada pelos filhos:

1-10-1 José André de Magalhães, casado

1-10-2 Joaquim Pinto do Carmo Magalhães, casado

1-11 Gervasio Protasio de Arvellos, falecido, casado que foi com Carolina de Oliveira Braga, representado pelos filhos (idades “mais ou menos”):

1-11-1 Francisco Protasio de Arvellos, 20 anos, casado

1-11-2 Judith de Oliveira Braga, 20 anos, solteira

1-11-3 Plinio Protasio de Arvellos, 18 anos

1-11-4 Tarcilia de Oliveira Braga, 16 anos

1-11-5 Maria da Conceição, 14 anos

1-11-6 Noemia de Oliveira Braga, 12 anos

1-11-7 Julio Protasio de Arvellos, 8 anos.

 

Na dúvida

1-12 Bernardo José Rodrigues, falecido solteiro e sem filhos em setembro de 1908. Herdou o pai Querino José de Arvellos.(inventário neste site)