PROJETO COMPARTILHAR

Coordenação: Bartyra Sette e Regina Moraes Junqueira

www.projetocompartilhar.org

 

 

Aportes à Genealogia Paulistana ”João Sobrinho de Moraes” - SL. VII, 165, 2-3, neste site.

 

 

FRANCISCO VELHO DE MORAES

Testamento

 

Museu Regional de São João del Rei

Tipo de Documento: Testamento

Ano: 1776-1779

Livro: 02

Testador: Francisco Velho de Moraes

Transcrito por: Edriana Aparecida Nolasco a pedido de Regina Moraes Junqueira

 

fls. 23 - Testamento

 

Em nome da Santíssima Trindade Padre Filho e Espírito Santo três pessoas distintas e um só Deus verdadeiro.

Saibam quantos este Público Instrumento virem de minha última vontade, como no Ano do Nascimento de Nosso Senhor Jesus Cristo de mil setecentos e setenta e seis anos aos quatro dias do mês de Novembro neste Arraial das Lavras do Funil Freguesia de Nossa Senhora da Conceição das Carrancas, eu Francisco Velho de Moraes estando em meu perfeito juízo e temendo-me da morte e desejando por a minha alma no caminho da salvação disponho o meu Testamento na forma seguinte:

(............)

Declaro que sou filho legítimo de João Sobrinho de Moraes e de Maria Gonçalves já defuntos, natural e batizado na Freguesia de São Francisco das Chagas da Vila de Taubaté Bispado de São Paulo.

Sou solteiro e não tenho tido filhos alguns.

(............)

Meu corpo será envolto no Hábito de Nossa Senhora do Monte do Carmo e sepultado na Capela da mesma (...).

(............)

Declaro que os mais que importarem das duas partes dos meus bens, satisfeitos o que dever, funeral e mais despesas, instituo por minhas herdeiras às minhas sobrinhas filhas de minhas irmãs já falecidas, Maria, que foi casada com Jorge Furtado de Mendonça; Francisca, que foi casada com Lucas Aires da Guerra; Ana, que foi casada com Matheus Pereira Dutra; como também é minha irmã Rosa, que foi casada com Jorge Dias Velho, todos em igual parte com a condição que sendo falecida algumas destas e tiver filhas fêmeas passarão a receber a mesma herança, não passando de forma alguma a filho varão (...).

(............)

Nomeio por meus Testamenteiros em primeiro lugar ao Capitão Francisco Álvares Sandim, em segundo lugar ao Alferes José Francisco da Cunha, em Terceiro lugar a Manoel de Moraes Silva (...).

(............)

(...) pedi a Amaro Pereira de Araújo este me escrevesse (...).

Francisco Velho de Moraes

 

fls. 24: Aprovação

Data: 06-11-1776

Local: Paragem do Arraial de Santa Ana das Lavras do Funil da Vila de São João del Rei (...).

 

fls. 24v. - Abertura

Atesto que aos nove dias do mês de Novembro do presente ano de mil setecentos e setenta e seis, dia em que faleceu da vida presente o Testador Francisco Velho de Moraes (...).